Representação artistica dos Massacres de Setembro, gravura de Armand Fouquier, Causes célèbres de tous les peuples, 1862

– 1792: têm início os chamados “Massacres de Setembro”, durante a diabólica Revolução Francesa. Estes massacres se estenderam do dia 2 até 7 de setembro, quando a plebe revolucionária assaltou as prisões  onde se encontravam muitos eclesiásticos e pessoas de bem, acusadas de cumplicidade com os inimigos da Revolução. Essa matança foi perpetrada não apenas em Paris, mas igualmente em outras cidades do país, o que mostra que foram dirigidas por um mesmo poder oculto. Os massacres começaram por um comboio de padres refratários (que não quiseram assinar à cismática Constituição Civil do Clero), mais 23 outros que estavam na prisão da Abadia, e 150 outros ainda que estavam na prisão do Convento Carmelita. São todos martirizados a golpes de lanças, machados e bastões. O mesmo ocorreu com mais 4 sacerdotes que foram massacrados na igreja de São Luís e São Paulo. Na prisão da Abadia, além dos 23 padres refratários, foram friamente trucidadas mais de 300 pessoas. O que mostra o caráter satânico dessa Revolução. Esses massacres culminaram com a prisão do rei, Luis XVIII.

– 1870: o imperador francês Napoleão III, é capturado durante a Guerra franco-prussiana.

– 1918: seguindo o mesmo esquema da Revolução Francesa, Lenine decreta na Rússia o Terror Vermelho, ou exterminações em massa, para assegurar a Revolução Comunista. Essa repressão é conduzida, sem processo judicial, pela polícia secreta do Partido, a Cheka, junto com elementos da inteligência militar bolchevista, a GRU. O Terror Vermelho é um esforço para eliminar “contra-revolucionários” que pertencem às antigas classes dominantes, como uma implementação da ditadura do proletariado.

– 1933: a Alemanha e a Itália assinam um pacto de amizade e não agressão, nascendo assim o eixo Roma-Berlim.

– 1945: é assinado o ato formal de rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial, a bordo do encouraçado Missouri, na Baía de Tóquio.

– 1945: o comunista Ho Chi Minh declara a independência do Vietnã, que se transforma em mais um país comunista no Extremo Oriente. Esse ditador morre neste mesmo dia, em 1969.

Mísseis russos enviados a Cuba no ano de 1962

– 1962: a Rússia comunista começa o envio de mísseis à Cuba.

– 1963: o governador do Alabama George C.Wallace recusa a aplicação das leis anti segregacionistas, e ordena às tropas estatais que impeçam a entrada de estudantes negros nas escolas públicas.

– 1985: dá-se a confirmação da descoberta do Titanic pela missão franco-norte-americana, liderada por Robert Ballard, a mais de 3,5 quilômetros de profundidade, ao largo da ilha canadense de Newfoundland.

– 2005: o Furacão Katrina varre a Louisiania. O balanço do número de mortos sobe a 10.000. A Unicef confirma a existência de 400 mil crianças desalojadas. Nova Orleães é saqueada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome