5 DE SETEMBRO

– 1494: é ratificado por Portugal o Tratado de Tordesilhas, pelo qual ficaria depois com a posse de boa parte do Brasil, que seria descoberto em 1500.
– 1566: morre Solimão I, “O Magnífico”, califa do Islã e Sultão do Império Otomano de 1520 até sua morte, grande inimigo da Cristandade.
Liderou pessoalmente os exércitos otomanos na conquista dos redutos católicos de Belgrado e Rodes, além da maior parte da Hungria, até terminar suas conquistas em 1529 no Cerco de Viena. Anexou boa parte do Oriente Médio em conflitos contra os safávidas e grandes áreas do norte de África.

Maximilien-François-Marie-Isadore de Robespierre (1758 – 1794) liderando os jacobinos, a pretexto de defender a Revolução, implantou o regime de execuções.

– 1793: durante a diabólica Revolução Francesa, a Convenção Nacional começa o Período do Terror, marcado por dez meses de repressões sistemáticas e execuções em massa na guilhotina dos “inimigos da Revolução”, encontrados no país.
Esse período, que começou em 5 de setembro de 1793 com a queda dos “girondinos”, e terminou em 27 de julho de 1794 com a prisão de Robespierre, líder dos “jacobinos”, seria depois imitado na Rússia, para salvar sua Revolução bolchevique.
– 1972: nos Jogos Olímpicos de Munique, a delegação israelense sofre um atentado do grupo muçulmano palestino, Setembro Negro, sendo assassinados 11 de seus atletas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome