06 de fevereiro

1482: – Em Sevilha, tem lugar o primeiro auto de fé da tão difamada Inquisição Espanhola.

1608: – Nasce em Lisboa o Pe. António Vieira, jesuíta, professor de Retórica e de Humanidades. Excelente orador, enriqueceu a língua portuguesa com inúmeros textos argumentativos e discursivos, dos quais se destacam o Sermão da Sexagésima e o Sermão de Santo António aos Peixes.

1694: – O Quilombo dos Palmares é destruído pelas tropas do bandeirante Domingos Jorge Velho.

1778: – A França assina com os Estados Unidos recém-independente o tratado pelo qual reconhece a jovem nação, e se alia a ela em sua guerra de independência contra os britânicos.

Dom João VI, coroação tardia.

1818: – Coroação de D. João VI, no Rio de Janeiro

1840: – É assinado o Tratado de Waitangi, pelo qual os nativos Maori cedem ao Império Britânico o controle total sobre o território da Nova Zelândia.

1873: – A Bolívia e o Peru assinam um tratado secreto de aliança militar, que os historiadores chilenos apontam como uma das causas da Guerra do Pacífico.

1918: – No Reino Unido é concedido o direito de voto às mulheres com mais de 30 anos.

1932: – Numerosos protestos populares na Espanha contra a ordem decretada pelo Governo de retirar os crucifixos das escolas públicas.

1944: – 1º artigo-denúncia do Prof. Plinio Corrêa de Oliveira ao esquerdismo de Maritain: “Os ‘direitos humanos’ e o Legionário”.

1952: – Falece o soberano inglês Jorge VI, rei do Reino Unido e, desde 1936 Imperador da Índia. Sua filha Isabel II de Inglaterra sobe ao trono.

1962: – Na Argélia, o Exército de França confronta-se com as forças francesas da Organização do Exército Secreto, que se opunham à descolonização.

1964: – O Reino Unido e a França acordam a construção de um túnel ferroviário entre os dois países, sob o Canal da Mancha.

1967: – Enver Hoxha, ditador marxista da Albânia, lança revolução cultural para acabar com as “superstições religiosas”.

1970: – Última intervenção de Roger Garaudy no Partido Comunista Francês em favor do esquerdismo evangélico e do terceiro-mundo. A seguir foi expulso.

1974: – O Cardeal Mindszenty nega ter renunciado como afirmara Paulo VI.

1992: – Assinatura do Tratado de Maastricht, estabelecendo formalmente a União Européia.

– Falece Mons. Méndez Arceo, homem-símbolo da revolução comuno-eclesiástica no México.

2004: – Ataque suicida dos grupos separatistas chechenos, no metro de Moscou mata mais de 40 pessoas, ferindo mais de 129.