07 DE DEZEMBRO

1941: – Aeroplanos japoneses comandados pelo Vice-Almirante Chuichi Nagumo, atacam de surpresa Pearl Harbor, a maior base naval norte-americana do Pacífico, afundando ou danificando gravemente dezenove navios de guerra e destruindo ou danificando 343 aviões. Como consequência deste ataque, os Estados Unidos entram na II Guerra Mundial.

Gauddim et Spes ou tragédia, caos e desespero os frutos do Concílio Vaticano II ao abrir as portas da Igreja ao mundo. Paróquia da Assunção, datada de 1876, foi saqueada por um grupo, que usou confessionários, móveis e imagens para fazer barricadas.

1965: – No decurso do Concílio Vaticano II, é aprovada a declaração “Gaudium et Spes”, que trata de problemas do mundo atual vistos sob o prisma progressista, entre eles “a explosão demográfica, as injustiças sociais entre classes e entre povos e o perigo da guerra nuclear”, e outros problemas sociais e econômicos. Nesse mesmo ano Paulo VI anula as excomunhões de Roma à Igreja Ortodoxa grega. 75 vozes se pronunciaram contra a Constituição Pastoral Gaudium et Spes sobre a Igreja no mundo moderno. Esta Constituição –invertendo completamente a posição do Sillabus, como observou o Cardeal Ratzinger – quis ser uma definição completamente nova das relações entre a Igreja e o mundo.

1968: – Paulo VI afirma que está havendo uma “auto-demolição” na Igreja.

1972: – O nascente núcleo da TFP equatoriana publica na imprensa o manifesto: “La visita de Allende: ábrete sésamo para Fidel”.

1984: – A revista Bohemia, do Partido Comunista cubano, ataca as TFPs, tachando-as de “seitas anticomunistas”.

1991: – Em ato ecumênico em São Pedro, João Paulo II pede perdão pelas guerras de religião e passividade da Igreja diante do holocausto dos judeus.

1994: – Manifesto das TFPs do continente americano na Folha de São Paulo pedindo à Cúpula das Américas que trate do problema de Cuba.

Deixe uma resposta