09 de abril

1767: – Em Málaga, publica-se uma ordem de expulsão imediata de todos os jesuítas.

1809: – Insurreição do Tirol contra Napoleão, na qual se sobressai Andrea Hoffer.

1865: – Em Appomattox, nos Estados Unidos, o general Ulisses Grant vence o general Robert Lee, e com sua rendição, se conclui a Guerra de Secessão.

1866: – O Congresso americano promulga o Civil Right Acts, que concede direitos a todos os nascidos em território americano, incluindo os negros. São excluídos os índios, que serão confinados em reservas.

1872: – Nasce em Paris, Leon Blum, que virá a ser o primeiro judeu e socialista a liderar o Governo francês.

1940: – Em plena II Guerra Mundial, por motivo da chamada “Operação Weserubung”, a Alemanha invade os países neutros da Dinamarca e Noruega, violando sua neutralidade, o que surpreendeu o mundo.

1948: – Em Bogotá se produzem gravíssimos distúrbios como protesto pelo assassinado do líder esquerdista do Partido Liberal, Jorge Eliécer Gaitán. O episódio, que tomou imensas proporções, ficou conhecido como “El Bogotazo”.

1953: – Nos Estados Unidos, a Warner Brothers estréia a primeira película em 3-D, A Casa de Cera.

1963: – Winston Churchill torna-se cidadão honorário dos EUA.

1989: – A TFP chilena avisa em manifesto: “¿Ya estará en preparación el nuevo Allende?”

1991: – O Prof. Plinio Corrêa de Oliveira dá entrevista à Folha de São Paulo sobre a pena de morte.

Hugo Chavez nacionaliza a Ternium-Sidor maior siderúrgica da Venezuela.

1999: – Falece no Chile o Cardeal Silva Henríquez, que colaborou com o comunismo e perseguiu à TFP chilena.

2003: – No Iraque, Bagdad cai em mãos das forças de ocupações americanas.

2007: – A Rússia anuncia a construção da primeira central nuclear flutuante do mundo.

2008: – Na Venezuela, Hugo Chavez ordena a nacionalização da Termium-Sidor (Siderurgia do Orinoco), a maior empresa de aço do país, propriedade de um grupo ítalo-argentino.

Deixe uma resposta