10 DE DEZEMBRO

Lutero ontem e Lutero hoje.

1520: Martinho Lutero queima em público a bula papal que o excomunga da Igreja Católica.

1825: Começa a Guerra da Cisplatina entre o Brasil e as Províncias Unidas do Rio da Prata.

1848: Napoleão III é eleito presidente da II República na França, primeiro passo para tornar-se Imperador.

1898: É assinado o Tratado de Paris, que põe termo à guerra hispano-americana e através do qual a Espanha cede Cuba, Porto-Rico, Guam e as Filipinas aos Estados Unidos. É o fim do colonialismo espanhol.

1917: Lenine lança a figura do “inimigo do povo”.

1936: Na Inglaterra, o rei Eduardo VIII abdica do trono para casar-se com uma americana divorciada.

1940: Durante visita aos operários de uma fábrica de armamento, Adolfo Hitler afirma: “Que o mundo saiba: suceda o que suceder, a Alemanha sairá triunfante desta guerra!”.

1948: A Assembléia geral da ONU aprova a Declaração Universal dos Direitos do Homem.

1983: Danuta Walesa recebe, em nome de seu marido Lech Walesa, dirigente da central sindical polaca Solidariedade, o Prêmio Nobel da Paz.

1984: No Equador é publicado pela TFP daquele país o manifesto: “Sobre el estruendo anti-Resistencia en Venezuela: el Kremlin deja caer la máscara y canta Victoria”.

1989: Homossexuais invadem a catedral de Nova Iorque e profanam hóstias, interrompendo a missa celebrada pelo Cardeal-arcebispo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome