17 DE JULHO

1917: – O rei Jorge V proclama lei pela qual a linha descendente da família Real britânica levará, em vez do sobrenome alemão Saxe-Coburg e Gotha que usava, o de Windsor, mais inglês.

No rastro de sangue criado pela Revolução Francesa em nome da liberdade e da igualdade seguem-se as vítimas da revolução russa que pretendia a igualdade mais utópica.

1918: – O ex-czar Nicolau II da Rússia, e todos seus filhos, são cruelmente assassinados pelos bolcheviques, em Ecaterimburgo.

1928: – No México, o jovem católico José de León Toral, assassina o revolucionário presidente da República, Alvaro Obregón, por sua política anti-católica.

1934: – Getúlio Vargas é eleito pela Assembleia Constituinte para a presidência da República.

1968: – Tem início, no Viaduto do Chá, a campanha de coleta de assinaturas para a “Referente e Filial Mensagem pedindo a Paulo VI medidas contra a infiltração comunista na Igreja”.

1969: – A Apollo 11, com os astronautas Neil Armstrong, Edwin Aldrin e Michael Collins, entra em órbita lunar.

1976: – Num golpe de força, a Indonésia anexa oficialmente o Timor Oriental, ex-colônia portuguesa.

1979: – Os guerrilheiros sandinistas tomam Manágua, e instauram um regime comuno-castrista na Nicarágua.

1996: – É criada a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa que reúne Portugal, Brasil, Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau e S. Tomé e Príncipe.

2000: – Começa, em Maputo, a III Cúpula da Comunidade de Países da Língua Portuguesa. A presidência da organização é assumida pelo Brasil.

2014: – A derrubada voo da Malaysia Airlines MH17 sobre a Ucrânia internacionaliza o conflito desse país.

Deixe uma resposta