21 DE ABRIL

A épica viagem de Pedro Alvares Cabral cavaleiro da Ordem de Cristo que simbolicamente anuncia ao mundo a existência da Ilha de Vera Cruz. Ilustração do artista português Roque Gameiro (1864-1935).

1500: – A armada de Pedro Álvares Cabral avista as terras do Brasil, que chamará de Ilha de Vera Cruz por pensar que se tratava de uma ilha.

1509: – Na Inglaterra, ascende ao trono Henrique VIII. Casar-se-á seis vezes, mandará matar algumas de suas esposas, e exercerá o poder mais absoluto entre todos os monarcas ingleses. Quando o Papa recusa anular seu casamento com a rainha Catarina de Aragão, rompe com a Igreja, e se auto-intitula“cabeça da igreja na Inglaterra”, dando origem à Igreja Anglicana.

1519: – Hernán Cortés chega às praias de Chalchihecan, no Golfo do México, com 10 navios e um bergantin e 700 homens, para empreender a fabulosa conquista do México. No dia seguinte, Sexta-feira Santa, fundará a Villa Rica de la Vera Cruz.

1792: – Tiradentes, que liderou um movimento de independência das Minas Gerais conhecido como Inconfidência Mineira, é enforcado e esquartejado.

1926: – Nasce Elizabete II, rainha da Grã Bretanha.

1946: – Morre em Firle, no Reino Unido, John Maynard Keynes, economista britânico teórico do capitalismo, e um dos principais fundadores da macro-economia moderna.

1960: – Apesar de estar ainda em construção, é inaugurada a cidade de Brasília, projeto do arquiteto Oscar Niemeyer e Lúcio Costa. Prometida pelo presidente Juscelino Kubitschek durante sua campanha eleitoral de 1955, sua construção começou em 1956. Às 9h:30 os três poderes da República são simultaneamente transferidos da antiga capital, Rio de Janeiro, para a nova. A UNESCO a declarará patrimônio mundial.

1983: – Em Lima, fundação da TFP peruana.

1985: – Morre o presidente eleito do Brasil Tancredo Neves, dois dias antes de tomar posse.

1993: – A forma republicana de governo foi a vencedora no plebiscito no Brasil sobre as formas de governo.

1996: – Os Arcebispos de Ottawa e Toronto, em homilias dominicais, pedem perdão a 1.100 vítimas de abusos sexuais em colégios católicos.

2000: – A Duma, câmara baixa do parlamento russo, ratifica o Tratado de Proibição Total de Testes Nucleares.

2002: – Derrota histórica das esquerdas nas eleições presidenciais francesas: o candidato do Partido Socialista, o Premier Jospin, fica fora do 2ª turno, superado pela extrema-direita.

2005: – O Congresso espanhol aprova a lei que permite o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Deixe uma resposta