25 DE NOVEMBRO

1491: – Em Santa Fé (Reino de Granada), Boabdil e os Reis Católicos firmam as Capitulações de Granada.

1510: – Afonso de Albuquerque, num golpe de audácia, conquista Goa, na Índia.

1578: – Em Madrid, o rei Felipe II ordena aos bispos da América que repreendam aos clérigos que maltratam os índios.

1783: – nos Estados Unidos, logo após a guerra de independência, zarpa do porto de Nova York o último barco britânico das colônias norte-americanas.

1842: – No Paraguai inicia-se a reunião de um Congresso Nacional, no qual se cria a bandeira paraguaia. O país se torna assim independente da Confederação Argentina.

1875: – O Reino Unido adquire o controle do Canal do Suez, através da compra de 176.602 ações ao Egito.

1936: – No período preliminar à Segunda Guerra Mundial, é assinado em Berlim o pacto Antikomintern entre a Alemanha de Hitler e o Japão.

1956: – No México, Fidel Castro, seu irmão Raul e Che Guevara mais 79 expedicionários zarpam do porto de Tuxpan no yate Granma, para iniciar a Revolução cubana.

1961: – Três militantes da República Dominicana contra a ditadura de Rafael Trujillo, as irmãs Mirabal, que fundaram uma associação “Las Mariposas” para lutar contra o regime, são assassinadas por ordem do ditador. Estas passam a ser utilizadas pelo movimento feminista como símbolo da sua luta e, em 1999, a Assembléia-Geral da ONU utilizou essa data para proclamar o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres.

– Pela primeira vez, a URSS envia mensagem de congratulações a um
Papa, João XXIII, pelo seu 80º aniversário.

1963: – Nos Estados Unidos são feitos simultaneamente os funerais do ex-presidente John F. Kennedy, e de Lee Harvey Oswald, seu suposto assassino.

1972: – A TFP inicia a campanha de divulgação da Carta Pastoral de D. Antônio Castro Mayer sobre os Cursillos de Cristandad. D. Mayer dá entrevista à Folha de São Paulo sobre o assunto.

1975: – Em Portugal, um dispositivo militar, com base no Regimento de Comandos, opõe-se a uma tentativa de sublevação de unidades militares de extrema-esquerda. É decretado o estado de sítio em Lisboa.

1978: – Em Montreal, no Canadá, manifestação de reparação da nascente TFP canadense frente a teatro feminista onde exibia-se peça blasfema contra a Santíssima Virgem.

1989: – “Revolução de Veludo” na Checoslováquia. Mais de meio milhão de pessoas, lideradas por Alexander Dubcek, dirigente da Primavera de Praga, em 1968, e por Vaclav Havel, chefe do grupo Novo Fórum, exigem a abertura à democracia.

1992: – O Parlamento da Checoslováquia aprova a separação do país em duas repúblicas, a República Checa e a Eslováquia.

Menino Elián sendo encontrado em casa de seu tio que reclamava sua guarda e que encontrou como adversário o presidente Bill Clinton e o ditador comunista Fidel Castro.

1999: – Na cidade de Miami, o menino cubano Elián González é resgatado depois de perder a mãe e outras pessoas ao naufragar a lancha em que fugiam para a Flórida. Nos meses seguintes, este caso se converteria em crise diplomática.

– No Uruguai, a sociedade Tradición y Acción publica um manifesto no jornal El País, de Montevideo: “Grave problema de conciencia. La religión y el bien común exigen salvar el Uruguay del peligro socialo-comuno-tupamaro”. A esquerda sofreu inesperada derrota nas eleições presidenciais.