30 DE JUNHO

1861: – Publicação do primeiro número de L’Observatore Romano.

1887: – O imperador D. Pedro II, enfermo, embarca para a Europa, com o que começa no Brasil o terceiro período de regência da Princesa Isabel.

1950: – Delegados de 33 nações reunidos em Franckfurt, fundam uma nova Internacional Socialista.

1960: – O jornal O Globo constata que “Reforma Agrária-Questão de Consciência” é um dos livros mais vendidos do Brasil.

1963: – Última vez que um Papa (Paulo VI) usa a tiara. Ele a aboliu logo depois.

1980: – João Paulo II chega ao Brasil pela primeira vez, visitando uma cidade por dia ao longo dos treze que passou no país.

1985: – Com uma reportagem sobre o livro “Guerreiros da Virgem – A vida secreta da TFP”, escrito por um egresso da entidade, o jornal O Estado de São Paulo inicia uma série de reportagens espalhafatosas, com o intuito de levar ao fechamento da TFP.

1988: – Tem lugar em Êcone, na Suiça, as sagrações episcopais feitas sem licença da Santa Sé, por D. Marcel Lefebvre e D. Antônio de Castro Mayer, pelo que eles ficaram automaticamente excomungados. A sentença foi revogada em 24 de janeiro de 2009, pelo Papa Bento XVI.

1997: – Em Hong Kong, com o fim do tratado de Nankin, a península volta a pertencer à China.

2005: – O Congresso dos Deputados da Espanha aprova a lei do “matrimônio” entre pessoas do mesmo sexo.

2010: – Nos Estados Unidos, a famosa empresa cinematográfica Metro-Goldwyn-Mayer declara bancarrota por dever 3.500 milhões de dólares, e fecha seus estúdios depois de 90 anos de êxito.

2017: – Em Berlim, a Câmara Baixa aprova o “matrimônio” entre pessoas do mesmo sexo.

Deixe uma resposta