A “abóbada do fim do mundo” oculta no Ártico: sinal da incerteza mundial

3
Entrada da'Abóboda do Fim Mundo'. Pânico ambiental ajudou
Entrada da ‘Abóboda do Fim Mundo’. Pânico ambiental ajudou

Temendo que o mundo sofra um cataclismo inimaginável, o governo da Noruega e um conglomerado de empresas e fundações de expressão internacional criaram no gelo do Ártico o maior depósito de sementes do mundo, escreveu o quotidiano de Madri “ABC”.

Chama-se Câmara Global de Sementes e fica no arquipélago norueguês de Svalbard, no Círculo Polar Ártico, oculta a 120 metros de profundidade.

Mais conhecida como “Abóbada do Fim do Mundo”, ela consiste num imenso bunker blindado, capaz de resistir a terremotos, explosões nucleares, erupções vulcânicas e outros desastres.

Até o pânico induzido pelo ambientalismo exagerado pesou na construção desse formidável reduto. 

Ele encerra 800.000 amostras de mais de 4.000 espécies de sementes de 231 países, que poderiam ser utilizadas após um hipotético apocalipse global.

O prédio é protegido por portas herméticas e detectores de movimento. Está dividido em três grandes depósitos onde as sementes estão classificadas em caixas de alumínio a -18º C para garantir sua conservação durante séculos.

Devido ao frio do Ártico, ainda que o sistema elétrico falhasse, as sementes continuariam congeladas.

Esquema geral da Abóboda do Fim do Mundo
Esquema geral da Abóboda do Fim do Mundo

A ideia é de que possa servir de garantia para a humanidade caso a vegetação da Terra for extinta por uma catástrofe de origem humana como uma guerra mundial, ou por causas naturais como imprevisíveis epidemias agrícolas devastadoras.

É difícil imaginar a utilidade desse depósito caso aconteça uma catástrofe que destrua toda a vegetação do planeta, pois tal destruição seria tão grande que extinguiria a própria humanidade e ninguém aproveitaria as sementes.

Porém, em qualquer hipótese, a ideia da “Abóboda do Fim do Fundo” é reveladora dos medos – artificiais ou reais, subjetivos ou objetivos – que perpassam uma humanidade que deixou de confiar em Deus.

Deus governa a Criação com sua Providência supremamente sábia e amorosa, visando sempre o maior bem das almas, dos corpos e da Civilização Cristã.

Quando Ele não é levado em consideração, todos os estapafúrdios parecem possíveis e/ou iminentes. E até há lógica nisso.

 

3 COMENTÁRIOS

  1. Não terá grande valia qualquer coisa semelhante ou a própria, porque, sementes, se não estiverem acondicionadaa se forma a não perderem sua validade, não servirão na medida do passar do tempo, para nada, ela perde sua ação natural de germinação e fim de tudo. Não sei porque toda esta preocupação em manter alguém ou alguma coisa, já que a ordem é natural, o planejamento para este fim e porque não aguardar que se for a natureza, contra ela ninguém pode
    e se for DEUS, menos ainda, se bem que Deus disse: que não seria mais ele, e sim nós próprios. Quem viver então, verá.

     
  2. Temos que ter fé. e acreditar em Jesus que disse: “quem caminha nas trevas não sabe para onde vai”.
    Com o extermínio da humanidade, quem semeará o que foi guardado?

     
  3. Justamente !!…muitos humanos se afastaram de DEUS e as grandes dúvidas que o mundo tem estão nesse afastamento dos antigos ensinamentos que a FE dá.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome