Os Estados Unidos registraram um dos piores holocaustos da história da humanidade no 40º ano da legalização do aborto, aprovado em 22 de janeiro de 1973, escreveu a agência LifeNews.com.

Desde aquela data, pelo menos 55.772.015 crianças inocentes foram assassinadas pelo aborto no ventre materno.

Uma cifra de deixar atrás os piores criminosos de guerra condenados em Nuremberg, as chacinas coletivas ordenadas por Lenine e Stalin.

Talvez só Mao Tse Tung e seus sequazes ainda consigam se manter na liderança dos macabros recordes de crimes coletivos contra a humanidade.

National Right to Life Committee (NRLC) estimou que em 2011 a chacina dos inocentes já atingia 54.559.615 de vítimas em decorrência da decisão da Suprema Corte de Justiça Federal americana.

Mas, com os dados fornecidos pelo Center for Disease Control e pelo Guttmacher Institute (ex-braço para pesquisas da famigerada Planned Parenthood), no documento “Abortion Statistics: United States Data and Trends”, o Dr. Randall K. O’Bannon, diretor da NRLC, chegou ao número de 54.559.615 de homicídios por aborto desde 1973.

O instituto Guttmacher recolhe os números diretamente dos centros abortistas e é a fonte primária das informações sobre abortos.

Esses números significam que o extermínio alcançou uma média diária superior a 3.300 abortos, ou 137 abortos por hora, ou um aborto cada 30 segundos nos EUA.

Porém, considerando outras casuísticas — incluindo a “pílula do dia seguinte” — a cifra final do massacre aumenta em 1,2 milhão até o ano considerado (2011) pela National Right to Life. Deste modo, o número de vidas cruelmente extintas em decorrência do acórdão Roe v. Wade atinge 55.772.015.

O número total de vítimas do aborto nos EUA seria ainda maior se considerarmos as crianças mortas em alguns estados como a Califórnia, New York e Colorado, que legalizaram o aborto antes da decisão da Suprema Corte.

Porém, nesse ponto é difícil obter estatísticas seguras. Alguns estimam que, por esta causa, ao arrepiante total poderiam ser acrescentadas mais um milhão de vítimas inocentes.

 

5 COMENTÁRIOS

  1. Esta na hora das pessoas de bem boicotar os seus préstimos a sociedade, mas para isso deveria haver uma conscientizaçao geral: perder. O medico que gastou anos de estudo e hoje está aí curando, receitando, operando, etc e de repente aparece uma mulher querendo fazer aborto e ele se recusa. A mulher vai na justiça e esta ameaça o medico com impedimento de exercer a profissao. Que ótimo. Deixe tomar o seu diploma e vá cortar grama, lavar carro ou vender pastel na praia.E melhor fazer qualquer coisa do que matar, pois sua consciencia vai ficar tranquila. voce nao esta enterrando talento mas impedido de fazer bem.

     
  2. O que devemos pedir a Deus! Misericórdia ou Justiça! Misericórdia eles não tem, e muito menos são justos. Então pedir o que! Converção! Talvez. Só que está ainda existindo, não só neste país, pessoas que ainda são justos diante do Senhor. Não é atoa que Nossa Senhora a muito custo esta segurando a justa Mão de Deus Pai. Mas chegará um momento em que Ela mesma dirá: Deça Pai sua Justa Mão sobre o mundo. Limpa e purifica a sua Igreja e o mundo. O tempo das nações pagãs esta terminando. E só Deus sabe o que deve fazer, em meio a tanto horror. Este crime brada ao céus por justiça. Mas o que assusta é o silêncio do clero. Ainda bem que existe um pequenino número de fieis que grita em meio as trevaz em que vivemos. Que Deus tenha piedade, e abrevié os tempos por amor aos escolhidos. Para que não desanime os seus fieis, em meio a tanta perseguição. Que nossa Senhora nos ajude neste momento decisivo.
    Salve Maria!

     
  3. É sempre bem vinda, qualquer notícia que venha desmascarar estas falsas notícias espalhadas pelo mundo a fora. Onde o homem sem Deus, é capaz de criar verdadeiras barreiras para impedir que venhamos conhecer a verdadeira história de tantas catástrofes no mundo atual.
    Ninguém se lembra, de rezar e fazer penitência, mudar de vida, abraçar o cristianismo com seus Dez Mandamentos da lei de Deus e da Santa Igreja.
    Se estes inimigos de Deus e da sociedade, se empenhar em defender os valores cristão. Automaticamente a sociedade vai florir nas virtudes.
    Estes falsos profetas, que “defende” tanto o verde; se eles tivesse o mesmo zelo em defender a verdade. O mundo seria outro.
    No fim do mundo, quando tudo será destruído. Será que eles vão ficar com saudade das coisas deste mundo? Será que eles lembram, que todas estas maravilhas criadas por Deus. São degraus para galgarmos a eternidade? Será por que? Que hoje se fala tanto da natureza e se esquecem do Autor da mesma?
    Joelson Ribeiro Ramos.

     
  4. Fico feliz de saber que existe movimentos e manifestações contra o aborto produto desta sociedade materialista, relativista e ateista que chega ao absurdo de defender direitos dos animais como se o feto que já é um ser humano fossem menos que um gato ou cão.
    Espero ver ainda um momento onde nossos principios avancem com mais força e imponham punições mais severas contra os abortistas.

     
  5. Esses crimes são tão brutais e merecem uma campanha do novo papa Francisco I. É preciso que ele diga apenas uma coisa: “Basta!”

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome