Para Dugin, a Rússia deve anexar completamente a Ucrânia e exterminar os ucranianos, especialmente os católicos. Para ele, a Polônia é um “erro histórico”, pois são eslavos que não pertencem à igreja cismática russa.
Para Dugin, a Rússia deve anexar completamente a Ucrânia e exterminar os ucranianos, especialmente os católicos. A Polônia é, para ele, um “erro histórico”, pois são eslavos que não pertencem à igreja cismática russa.

O ideólogo russo Alexander Dugin, conhecido apenas em minúsculos círculos esotéricos, veio se projetando nos últimos anos pelo fato de Vladimir Putin tê-lo escolhido como seu ideólogo predileto.

O Kremlin fez dele uma espécie de porta-voz filosófico para lograr certa intelligentsia ocidental.

Ignora-se ao certo se Putin acredita no que diz Dugin, pois nos pragmáticos discursos do chefe do Kremlin é difícil achar a embaralhada verborragia ocultista de seu ideólogo.

Porém, o ditador se enfeita ostentando um pensador de seu agrado, embora assaz escuro, contraditório, místico-panteísta e com fulgores satanistas.

Dugin propala, sem ser desmentido pelo seu patrão, a ideia de uma Rússia liderando um “Império Euro-asiático”. A proposta ecoa o sonho leninista de uma revolução mundial que encaixaria todas as nações na União de Repúblicas Socialistas Soviéticas ingloriamente fracassada.

Dugin não duvida em atrelar a essa “nova URSS euro-asiática” países como Áustria, Hungria, Romênia, Servia e Eslováquia, que sofreram na própria pele a ferocidade da escravidão soviética e que deram o sangue de seus melhores filhos para dela se libertar.

Para Dugin, a Rússia deve anexar completamente a Ucrânia e exterminar os ucranianos, de modo muito especial os católicos, segundo reportagem do International Businnes Times.

Dugin também ensina que a Polônia é um “erro histórico”, pois são eslavos católicos que não pertencem à igreja cismática russa presidida pelo Patriarca de Moscou.

Aleksandr Dugin (direita): em protesto esotérico-religioso com sacerdote 'ortodoxo' contra a Ucrânia
Aleksandr Dugin (direita): em protesto esotérico-religioso
com sacerdote ‘ortodoxo’ contra a Ucrânia

Pelo fato de professarem a fé católica, os poloneses teriam degenerado da raça eslava, não têm lugar em seu oculto universo cósmico e devem ser suprimidos.

Dugin também prega o desaparecimento dos países próximos dos EUA, inclusive os europeus, que deveriam ser anexados pela força ao “Império Euro-asiático”. Essa seria a exigência de fenômenos geográficos ou de forças telúricas a que ele atribui um poder materialista absoluto e incoercível.

O mais espantoso é que Dugin conseguiu fazer adeptos no mundo dos futuros escravos do “Império Euro-asiático”.

Para esses enganos ele usufruiu de antigas amizades. Estas provêm da rede de “grupos de influência” que a URSS espalhou outrora no Ocidente. A rede atravessou incólume e impunemente o período da transição da “URSS 1.0” para a “URSS 2.0”, como dizem as juventudes putinistas.

Centenas de “voluntários” vindos da Rússia ingressam na Ucrânia, segundo flagrou a OSCE

 

 

21 COMENTÁRIOS

  1. Caio Julio Tavares,

    O senhor não conhece a Radio Vox?

    Não.

    Pois é o maior ambiente virtual de congraçamento entre tefepistas e olavetes!

    O que você chama de tefepistas? 1) Membros da TFP ou do IPCO (vela lembrar que no Brasil são duas pessoas jurídicas diferentes e independentes) ou 2) pessoas que simpatizam com sua causa? Se sua resposta for a primeira opção, então você ainda não provou nada. Se for a segunda, então você pode até concluir que a TFP ou o IPCO apoiam Putin.

    Entre no sitio eletronico, cujo endereço disponibilizo abaixo, onde o senhor poderá verificar por si mesmo as profundas afinidades eletivas entre os seguidores da TFP e do ocultista Olavo de Carvalho (aquele mesmo que disse que a TFP é “babaca”, “estupida” e “heretica”):
    http://radiovox.org/

    Agora se trata de “afinidades”? Antes sua acusação não era que “exaltam o Olavo de Carvalho”? Ora, ter “afinidades” é algo tão genérico que você pode – por acreditar que “Putin é o unico governante europeu que combate efetivamente o movimento homossexual e o islamismo” -, como eu dizia, com isso você pode também afirmar que o IPCO e Putin têm “afinidades”.

    Aliás, nem é necessario tanto. Basta descer a barra de rolagem que aqui mesmo nesta pagina o senhor encontrará exaltação a Olavo de Carvalho, que o senhor mesmo não se deu ao trabalho de impugnar (afinal, esoterismo mau só o do Dugin, né?)

    E o comentário de um leitor significa que este site “exalta o Olavo de Carvalho”? Você encontrou um comentário de um terceiro e daí tirou uma dedução dessas? Não vê o abismo entre uma coisa e outra? Essa é a única prova que me apresenta? Ora, ora, ora… Não basta eu, editor do site do IPCO, afirmar que tal “exaltação” não existe e você pretende me provar o contrário a partir de um comentário?

    Ora, é de direito que o ônus da apresentação de provas cabe ao acusador e não ao acusado.
    Já que o senhor invoca o direito, deveria saber que essa regra não vale para a contabilidade das pessoas juridicas. Confira os arts. 1.179 a 1.195 do Codigo Civil brasileiro:
    http://legis.senado.gov.br/legislacao/ListaPublicacoes.action?id=234240

    Você cita a TFP americana. Seja coerente, cite a lei americana. Você desde o começo não perguntou, apenas se contentou em afirmar que ela “é dependente das doações de capitalistas judeus e norte-americanos…” – seja lá o que isso signifique, uma vez que qualquer doação de um empresário pode ser qualificada como oriunda de um “capitalista norte-americano”. Pensar que um judeu da Wall Street faz doações para a TFP americana é tão ridículo como pensar que Putin é a solução para o mundo. Tais ideias só podem provir da mesma mente.

    Você vem aqui, faz uma acusação gratuita, sem provas. E no desespero cita uma lei brasileira que espera que se aplique a uma entidade que está sob a lei norte-americana?

    Você escreveu ao Rodrigo Dias:

    O que espancaria qualquer duvida seria a TFP norte-americana abrir suas contas e publicar abertamente os seus financiadores. Por que o senhor não sugere essa ideia?

    É a primeira vez que vejo alguém tentando “espancar” uma dúvida. Mas, em todo caso, se é essa a sua grande e enorme preocupação, por que que você mesmo não toma tal iniciativa de sugerir isso à TFP norte-americana? Por que espera que terceiros façam isso quando é você o interessado em “espancar” sua dúvida?

    Recomendo que estude a legislação americana e faça as devidas consultas para ver se consegue “espancar” sua dúvida.

     
  2. Edson Oliveira (IPCO),

    O senhor não conhece a Radio Vox? Pois é o maior ambiente virtual de congraçamento entre tefepistas e olavetes! Entre no sitio eletronico, cujo endereço disponibilizo abaixo, onde o senhor poderá verificar por si mesmo as profundas afinidades eletivas entre os seguidores da TFP e do ocultista Olavo de Carvalho (aquele mesmo que disse que a TFP é “babaca”, “estupida” e “heretica”):
    http://radiovox.org/

    Aliás, nem é necessario tanto. Basta descer a barra de rolagem que aqui mesmo nesta pagina o senhor encontrará exaltação a Olavo de Carvalho, que o senhor mesmo não se deu ao trabalho de impugnar (afinal, esoterismo mau só o do Dugin, né?)

    Ora, é de direito que o ônus da apresentação de provas cabe ao acusador e não ao acusado.

    Já que o senhor invoca o direito, deveria saber que essa regra não vale para a contabilidade das pessoas juridicas. Confira os arts. 1.179 a 1.195 do Codigo Civil brasileiro:
    http://legis.senado.gov.br/legislacao/ListaPublicacoes.action?id=234240

     
  3. Rodrigo Dias,

    Desça a barra de rolagem que aqui mesmo nesta pagina o senhor encontrará exaltação a Olavo de Carvalho, que o senhor mesmo não se deu ao trabalho de impugnar (afinal, esoterismo mau só o do Dugin, né?)

    Quanto ao mais também estou esperando que a TFP norte-americana dê publicidade às suas contas e revele por nome e quantia os seus maiores benfeitores.

     
  4. Caio Julio Tavares,

    O Sr. fez duas acusações gratuitas e pede que a TFP apresente provas contra elas. Ora, é de direito que o ônus da apresentação de provas cabe ao acusador e não ao acusado.

    “O problema hoje é que a TFP é dependente das doações de capitalistas judeus e norte-americanos…”

    Onde está a prova disso? O Sr. tem um recibo?

    “exaltam o Olavo de Carvalho”

    Pode me indicar o texto no qual o Sr. tirou essa dedução?

     
  5. Caio Julio Tavares,

    A respeito do Olavo, o senhor tem alguma fonte a respeito disso que disse dos membros da TFP exaltarem o dito “Filosofo” boca suja, que como o senhor já disse que bebe ou bebeu da mesma fonte que o Aleksandr Dugin?

    Ou também é mera acusação gratuita essa sua outra afirmação?

    Ainda estou esperando as provas da sua acusação anterior, e agora também estarei esperando as provas dessa outra acusação.

    E pelo visto as acusações do senhor são “duvidas” sem base em nem uma afirmação seria.

     
  6. Edson Oliveira (IPCO),

    Curioso que os tefepistas se incomodam com a dubiedade de Aleksandr Dugin, que se diz ortodoxo ao mesmo tempo em que professa e pratica uma doutrina esoterica (o que é facto), mas simultaneamente exaltam o Olavo de Carvalho, que tem o mesmo problema, com a diferença de que, em vez de dizer-se ortodoxo, proclama-se “catolico”. Sobre o “catolicismo” de Olavo de Carvalho, existe uma excelente investigação do prof. Orlando Fedeli:
    http://www.montfort.org.br/old/index.php?secao=cadernos&subsecao=religiao&artigo=guenon&lang=bra

    Na verdade, aos esotericos (com S) ou ocultistas é muito comum proclamarem-se fiéis de uma religião “exoterica” (com X), como eles dizem. O esoterismo é para os iniciados nos tais “misterios” ocultos, enquanto o exoterismo é para não chocar e para manipular o povão (os crentes “profanos”, não iniciados). A propria Franco-Maçonaria inglesa requer de seus iniciados a pratica exterior de uma religião exoterica.

    O que causa especie é essa contradição dos tefepistas. Seria o esoterismo de Dugin mau e o de Olavo bom, apesar de provirem da mesma fonte (Guénon e quejandos)?

    Aliás, esse repentino amor dos tefepistas por Olavo de Carvalho também não se compreende por mais uma razão: o dito “filosofo” boca-suja, astrologo renomado e sedizente “catolico”, nunca perdeu oportunidade para pôr ao ridiculo a TFP. Aqui, por exemplo, o “filosofo” diz que o “crime” da TFP é a sua “babaquice” e que, além disso, é “estupida e heretica”:
    http://www.olavodecarvalho.org/semana/000106jt.htm

    Será que a genialidade do Olavo, supostamente demonstrada ao debater com Dugin, também se mostra quando o “filosofo” fala sobre a TFP?

     
  7. Rodrigo Dias,

    O senhor deveria saber que o facto de seu pai ser doador da TFP e não ser nem empresario, nem judeu, nem americano, não prova que a TFP não receba dinheiro de capitalistas judeus. Do mesmo modo que o facto de haver uma miriade de idiotas que fazem pequenas contribuições para o PT não prova que o mesmo partido não receba propina de grandes empreiteiras por ocasião de contratos com a Fazenda Publica.

    O que espancaria qualquer duvida seria a TFP norte-americana abrir suas contas e publicar abertamente os seus financiadores. Por que o senhor não sugere essa ideia?

     
  8. joao,

    “o reino de Belzebu estará dividido”

    Não devemos nos deixar iludir pelas opções falsas que o inimigo nos apresenta. O demônio tem várias frentes comuns – que às vezes brigam umas com as outras. Precisamos confiar em Nossa Senhora e no triunfo de seu Imaculado Coração.

     
  9. Edson Oliveira (IPCO),

    Pelo contrário, Sr. Edson Oliveira (IPCO)!
    Sendo assim (Dugin um esotérico satanista), o reino de Belzebu estará dividido e não poderá subsistir. A sua ruína estará próxima.
    Com efeito, imaginemos um Obama, uma Clinton ou qualquer magnata do Partido Republicano (joguete da judeu-maçonaria) contra um hipotético império eurasiano dominado pelo esoterismo satanista. Será Satanás dividido contra si mesmo! Não poderá subsistir seu império.
    Por isso, em qualquer das hipóteses me regozijo: seja o multipolarismo proposto por Dugin uma saída (o que creio) ou seja uma ilusão.
    Em qualquer das hipóteses a ruína da democracia secular liberal está decretada.

     
  10. Dugin defende o “perfeito cumprimento da maior revolução da história, enquanto continental e universal. Falamos do retorno dos anjos, a ressurreição dos heróis, da insurreição dos corações contra a ditadura da razão. Esta Última Revolução é tarefa do Acéfalo, do portador da Cruz, da Foice e do Martelo, coroado pelo Sol da Suástica Eterna.” (Cfr: Aleksandr Dugin, em Le Prophète de l’ Eurasisme, Edição Avatar, 2006, p. 147).

    Isso não é esoterismo?

    Então vejam isso:

    https://www.youtube.com/watch?v=dGqY_fZfGvU

    Se esse homem é a esperança de restauração da Civilização Cristã e suas instituições, então estamos perdidos.

     
  11. Caio Julio Tavares,

    O Senhor tem provas do que disse a respeito de que a “TFP é dependente das doações de capitalistas judeus e norte-americanos”?

    Ou isso é mera acusação gratuita?

    O meu pai é doador da TFP e ele não é nem Judeu, nem americano e também não é empresario.

     
  12. José Silveira Viana,

    Prezado Sr. José Silveira.
    Que eu saiba, Alexander Dugin é, sim, fiel da Igreja Bizantina. Quanto a ser influenciado pelo pensamento de René Guenon, não sei se o será no que concerne ao gnosticismo ou ao que se refere à política. Guenon era da Action Française, a melhor corrente de pensamento político do século XX, infelizmente (e injustamente) condenada por Pio XI.
    Quanto aos católicos dos EUA, desgraçadamente é nula a sua influência política sobre os destinos da “república democrática federativa” do Norte e as graves decisões governamentais.
    Nossos irmãos católicos que vivem nos EUA só se beneficiam da liberdade de culto assegurada pela Constituição (e veremos até quando,haja em vista a questão do aborto, eutanásia, “casamento” homossexual etc), mas, por outro lado, vivem imersos em uma cultura hostil à tradição católica.
    Repito: enquanto houver “a “república democrática” USA e, pior, católicos entusiastas do Tio Sam não haverá possibilidade de uma restauração das instituições tradicionais da cristandade.
    A Rússia de hoje, defendendo um multipolarismo na geopolítica, representa uma saída, quero dizer, uma esperança de que essa religião democrática (porque é uma religião) fora da qual não há salvação seja superada e as nações católicas renasçam.
    E quanto ao bolivarianismo, ao castrismo cubano e ao avanço islamismo, nem de obstáculo e proteção contra esses males, os EUA servem. Enfim, não estão à altura de uma missão histórica de maior transcendência.
    João

     
  13. Lucas Janusckiewicz Coletta,

    Não entendi o teu argumento, simplesmente porque ele não tem sentido: como o facto de ser descendente de poloneses te dá autoridade para falar isso? Richelieu e Bismarck eram poloneses? Ucranianos? Que coisa mais sem pé nem cabeça! É sabido, por inumeros testemunhos, que o ambiente da TFP se destinava a suprimir a atividade intelectual de seus internos. O resultado é esse peculiar modus ratiocinandi.

    Cuba combate a revolução homossexual? Em Cuba, a liderança do movimento homossexual é exercida pela propria filha do ditador Raúl Castro:
    http://www.eluniversal.com.mx/el-mundo/2014/hija-de-raul-castro-encabeza-marcha-gay-en-cuba-1009498.html
    Como o senhor está desatualizado! Cuba é hoje aliada dos Estados Unidos com suas politicas desintegradoras da familia:
    http://www.cartacapital.com.br/internacional/cuba-uma-jogada-magistral-de-obama-8105.html

    Putin foi o unico estadista que se levantou para proteger os cristãos da Siria, ameaçados pela guerrilha fundamentalista maometana — apoiada e financiada por Obama e pelas potencias ocidentais.

     

  14. joao, não. Em primeiro lugar Dugin nem é católico, é talvez nem ao menos é verdadeiro ortodoxo, pois é ocultista admirador de René Guénon famoso ocultista frances.
    Quanto aos EUA esquece que uma ponderável e influente população católica tem sido sempre a que tem movido os acontecimentos por lá.
    A prova disso é que o maior episcopado católico depois da Itália é dos Estados Unidos, o Brasil, fica depois…
    E quando se julga algo devemos olhar para os fins e seus meios. Dugin não deve inspirar nenhum amor pelo que ele quer.

     
  15. Custa-me crer que o melhor do catolicismo em nossos (os eruditos católicos franceses, estudiosos do assunto, os quais têm excelentes publicações a respeito do pensador Alexander Dugin) esteja enganado. Basta ler, por exemplo, Lectures Françaises.
    Olavo de Carvalho não refutou nem esmigalhou com argumentos sólidos as teses de Dugin. Limitou-se, como sempre, a dizer impropérios irreproduzíveis.
    A verdade é que, realmente, os EUA são e sempre foram inimigos da tradição católica. São uma pocilga de hereges protestantes que corrompem toda a América Latina católica, e uma galinha de ovos de ouro da judiaria.
    Enquanto houver essa república protestante do Norte, não haverá esperança de uma restauração do Altar e do Trono. Foi o presidente Wilson, de negra memória, que condenou à destruição o Império Austro-Húngaro.
    E, como bem disse Dugin em uma notável entrevista a jornalistas católicos argentinos, Putin inspira-se no ideal da Santa Rússia dos Czares, herdeira da tradição bizantina. Que são os EUA comparados a isso? Cloaca de todos os erros e desgraças da modernidade. Ainda mais se a bruxa Hillary Clinton for eleita, como se prevê.

     
  16. Caio Julio Tavares,

    Olha Sr. Caio,

    Como descendentes de poloneses cuja origem geográfica é a Ucrania, posso lhe dizer que a sociedade ocidental atual é decadente pelos trabalhos empreendidos no passado por Richilieu e Bismack; mas a sociedade Polonesa hoje possui os melhores católicos da Igreja Militante.

    Quanto aos russos, é claro que eles por motivos óbvios, assim como Cuba e China, combatem a revolução homossexual para que seus soldados avancem sob a Ucrania e depois a Polonia e os países balticos. Mas os socialistas e comunistas continuam a difundir a revolução sexual no ocidente.

    Putin que enviou um exercito profissional contra Ucrania nada fez para proteger os cristãos que são perseguidos pelos muçulmanos.

     
  17. Não entendo a mania de meter o pau no Putin, que se revela o grande estadista do nosso tempo. É o unico politico à moda antiga no cenario mundial, na linha dos Bismarck, dos Richelieu, que se porta como um homem, enquanto seus adversarios ocidentais são um exemplo de uma sociedade efeminada e decadente. Putin é o unico governante europeu que combate efetivamente o movimento homossexual e o islamismo. O problema hoje é que a TFP é dependente das doações de capitalistas judeus e norte-americanos…

     
  18. Quem quiser conhecer melhor o pensamento de Dugin, leia o debate dele com Olavo de Carvalho, no livro: “Os EUA e a Nova Ordem Mundial.” Parece-me que o coitado até não se recuperou da surra que levou do Olavo.

     
  19. O mundo e seus líderes loucos pelo poder do domínio absoluto, estão sempre dando voltas com o já ultrapassado meio de reagrupar e dominar sobre todo o planeta, pela força militar e oculta.
    Loucos, insanos.
    Quem rege as nações é Deus, pois só Ele é o Senhor. Esperamos que estes homens, não partam para a guerra fria e covarde, não volte ao poder.

     
  20. Mais um psicopata no páreo !! esse “doutor das trevas” parece que é o “grande cavalo de Troia” do artista tenebroso que é o Putin, erguendo-se ainda mas como arauto do demônio.
    O tempo deles está chegando, estão subestimando ao mundo fazendo grandes “saladas” para criar grandes “incógnitas e mistérios”, mesmo eu não sendo douto em psiquiatria considero que pelo menos esta classe de elementos deveriam estar trancados em um hospício para o bem e segurança da humanidade.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome