Busto de Stalin em Memorial de guerra na Virginia causa indignação

Enquanto os conterrâneos do ditador comunista Stalin suprimiam sua estátua em Gori, no Cemitério dos caídos no desembarque da Normandia, em Bedford, Estados Unidos, a imagem do cruel assassino de milhões foi erigida, informou “The News & Advance”.

A instalação da ofensiva imagem no National D-Day Memorial aconteceu entre muitos protestos do público.
O presidente do Memorial, William McIntosh, pretextou tratar-se de um busto a mais na série de líderes aliados.

Também fingiu desconhecer que o tirano socialista iniciou a guerra do lado nazista e só virou a casaca quando seu cúmplice ideológico-político alemão atacou a Rússia e enveredou rumo à derrota bélica.

Para Richard Pumphrey, autor do provocativo busto, não pôr Stalin no cemitério equivale a não pintar Judas Iscariote na Última Ceia.

O artista omitiu, entretanto, que Judas é representado com uma nota de execração no seu rosto e em atitude que ilustra seu espírito de traição. Enquanto que no busto, Stalin é apresentado como um líder mundial digno de homenagem.

Annie Pollard, supervisora do condado de Bedford, onde está o Memorial, considerou o ato como “uma bofetada no rosto de todos aqueles que honramos e lembramos” no local.

“É uma desgraça e uma desonra para os veteranos” disse James Morrison, de Moneta. Veteranos de guerra que participaram do desembarco da Normandia escreveram cartas de protesto a McIntosh.

O conselho de vereadores do condado de Bedford abriu ação na Justiça contra a iniciativa. Uma petição corre na Internet pedindo a retirada do provocativo busto.

 

7 COMENTÁRIOS

  1. Notável exemplo para nós, brasileiros, que ainda achamos que comunismo e liberdade se conjugam harmoniosamente.

    O Papa Pio XI, de saudosa memória, em duas de suas mais enérgicas encíclicas (a “Divini redemptoris” e a “Quadragesimo anno”, aquela condenando o comunismo; esta, atualizando as lições de Leão XIII), disse expressamente que catolicismo e socialismo são termos antagônicos; que uma pessoa não pode ser um sem deixar de ser o outro.

    Ora, outra senão não a Igreja Católica é a real garantidora das libedades públicas e privadas.

    Como sabemos, antes de Cristo Nosso Senhor, essa conversa de liberdade era coisa de “elite”, para usar um termo que os demagogos adoram distorcer.

    O marxismo, ideologia eminentemente gnóstica (segunda o significado que lhe dá um estudioso da categoria do prof. Olavo de Carvalho, para quem o gnosticismo é, em suma, uma revolta contra a estrutura da realidade), é, por isso mesmo, ideologia eminentemente pagã e, a propósito, materialista.

    Ora, materialismo algum aceita como dado comprovado, ou passível de demonstração, a liberdade do indivíduo, uma vez que o homem seria uma mera peça na engrenagem natural das coisas, toda ela determinista. Isso, sim, é negação da liberdade.

    Pois liberdade nada mais é que a consequencia imediata ao reconhecimento dos atributos e propriedades do homem, ser dotado de livre-arbítrio em virtude de lhe ser próprio as faculdades da razão e da vontade.

    Os materialismos de todos os matizes, entretanto, desconhecem os dados apontados acima, aliás todos perfeitamente demonstráveis, dir-se-ia antes pela razão natural que pela iluminação da fé.

    De modo que fica claro: comunismo e liberdade são incompatíveis, da mesma maneira que comunismo (e os outros socialismos) e catolicismo são termos antagônicos, segundo a lapidar conclusão de Pio XI.

    Agora, podemos terminar:

    Os americanos (ao contrário dos brasileiros), ciosos de suas tradições e liberdades, repudiam intrasigentemente os materialismos e os totalitarismos.

    Sem dúvida, a despeito de seus muitos equívocos, os americanos são um grando povo e uma grande nação.

    Aí está, sofrivelmente é verdade, explicada a repugnância pela homenagem a um dos inimigos mais tenazes da liberdade, o verdugo Joseph Stálin, que, segundo dizem, morreu espumando pela boca…

    Vivam os Estados Unidos!

    Viva a liberdade!

    Viva o Papa!

     
  2. De fato tem muita idolatria configurada em estatuas e em se tratando de ditadores que lembram catastrofes, para não esquecer os seus idólatras, os que tem poderes constroem tais momunmentos; os que não não tem aplaudem.
    E por incrivel que pareça, contribuimos, divulgando essas coisas para todos saberem. O espaço aqui poderia ser utilizao para outras coisas mais uteis e edificantes, mas….

     
  3. 32 – CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ.
    JOÃO CAP. 8 – VERS. 32.

    36 – SE POIS O FILHO VOS LIBERTAR, VERDADEIRAMENTE SEREIS LIVRES.
    JOÃO CAP. 8 VERS. 36.

    CONHEÇA MAUS DOS JUDEUS- LEIA
    JOÃO CAP. 8 – VERS. 40 A 44
    E TIRE AS SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES:
    DETALHE: TESTO DITO PELEO SENHOR JESUS.

     
  4. ESTAMOS, SIM NOS PRIMEIROS DOS DEGRAUS DOS ÚLTÍMOS DIAS.
    AS CORTINAS SE ABRIRAM E O ÚLTIMO ATO
    GRANDE ESPETÁCULO TEATRAL:
    O FIM DA RAÇA HUMANA NO PLANETA, TEVE SEU INÍCIO E AGORA
    NÃO PODE MAIS PARAR.
    É A MENTIRA, E CULTURA DA MORTE NO TRONO E A HONRA A
    VERDADE NO CADAFALÇO.
    STALIN – LENIN – ANGELS SÃO JUDEUS-FORAM OS JUDEUS QUE CRIARAM A FLASA IDEIA DO COMUNISMO x CAPITALISMO – E TABÉM O ESLOGAN: LIBERDADE , IGUALDADE E FRATERNIDADE.
    CONFIRA LIVRO _ OS PROTOCALOS DOS SÁBIOS DE SIÃO QUE ESTOU ENVIANDO LOGO A SEGUIR.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome