Cavalos na igreja, o “chimpanzé” e os Judas

2

chevaldansleegliseSomando-se à inundação de absurdos que temos presenciado dentro de nossa Única Santa e Católica Igreja, aconteceu mais no mês passado (maio), na catedral de São João Batista, em Lyon (França).

Uma apresentação circense envolvendo cavalos desenvolveu-se no presbitério da igreja, com uma acróbata exibindo seu número “chimpanzesco”, sob o olhar patético de uma assembleia que já não consegue analisar um palmo da realidade.

O desrespeito pelo templo e, mais ainda, pela presença de Deus é de molde a indignar qualquer católico com senso de honra, que não participam do espírito hipócrita, que não riem complacente a propósito de qualquer abominação, como se nada mais fosse inconveniente ou reprovável.

Para tais pessoas, só merece reprovação o que se opõe à onda demolidora que, aliás vai crescendo dia a adia.

Dentro desse caos anticatólico, o que mais indigna é a cumplicidade evidente de certo clero, que já perdeu a fé, mas que continua desde seu cargo a trair Cristo Nosso Senhor perdendo as almas e demolindo a Igreja.

 

2 COMENTÁRIOS

  1. É MONSTRUOSO E O PIOR É QUE TAIS ABOMINAÇÕES CONTAM COM O APOIO DE PADRES QUE DEVERIAM SER OS PRIMEIROS A DEFENDER O RESPEITO A DEUS.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome