Um raio caiu na cúpula de São Pedro há poucos dias, quando da renúncia de Bento XVI ao Papado, com grande significado simbólico. Como interpretá-lo tendo em mente que Nossa Senhora em Fátima anunciou acontecimentos terríveis, mas que: Por fim meu Imaculado Coração triunfará?

Na homilia para a Sexta-Feira Santa de 2005, o cardeal Joseph Ratzinger, que um mês depois sucederia a João Paulo II como Bento XVI, lamentou: “Muitas vezes, Senhor, a tua Igreja parece-nos um barco pronto para afundar“.

Oito anos se passaram, e a situação não fez senão piorar. Não é preciso dar detalhes, pois eles nos entram olhos adentro. Fato expressivo foi um raio cair sobre a cúpula de São Pedro. Como dizia São Paulo, “dies mali sunt” (os dias estão ruins).

Qualquer que seja a interpretação que queiramos dar a este fato, uma coisa é certa: jamais devemos perder a confiança. Afirmava Dr. Plinio, décadas atrás:

Esta certeza tranquila no poder da Igreja, tranquila de uma tranquilidade toda feita de espírito sobrenatural, e não de qualquer indiferença ou indolência, podemos aprendê-la aos pés de Nossa Senhora. Só Ela conservou íntegra a Fé, quando todas as circunstâncias pareciam ter demonstrado o fracasso total de seu Divino Filho. Descido da Cruz o Corpo de Cristo, vertida, pela mão dos algozes, não só a última gota de sangue, mas ainda de água, verificada a morte, não só pelo testemunho dos legionários romanos; como pelo dos próprios fiéis que procederam ao sepultamento; aposta ao túmulo a pedra imensa que lhe devia servir de intransponível fecho; tudo parecia perdido. Mas Maria Santíssima creu e confiou. Sua Fé se conservou tão segura, tão serena, tão normal nestes dias de suprema desolação, como em qualquer outra ocasião de sua vida. [1]

Enquanto Nossa Senhora pensava assim, Ela via a Cruz solitária no alto do Calvário, batida pelo vento, sem o divino Corpo de seu Filho, já morto e enterrado.

Seguiu-se sua gloriosa ressurreição. E também a barca de Pedro, por intercessão de Nossa Senhora, vencida a tempestade haverá de chegar a seus dias de glória.

Lembro-me de certa ocasião, nos dias de minha juventude, em que Dr. Plinio discursava, no Auditório Brasilio Machado, em São Paulo, na sessão de encerramento solene de um evento promovido por Catolicismo. O discurso chegava ao fim. Ele lembrava que Nossa Senhora em Fátima, depois de ter aludido à crise do mundo, tinha assegurado: por fim meu Imaculado Coração triunfará!

Dr. Plinio proclamou com sua voz vibrante e firme, mas calma: E triunfará mesmo! E encerrou seu discurso com essas palavras, mas com um acento tão expressivo, tão emocionado, tão cheio de Fé, que me lembro delas perfeitamente até hoje.

Assim, a barca de Pedro, que o então cardeal Ratzinger via como “um barco pronto para afundar”, não só não haverá de soçobrar, mas por intercessão de Nossa Senhora verá a glória inédita e indizível do Reino de Maria, segundo o descrevia São Luís Grignion de Montfort. A gloriosa ressurreição de Nosso Senhor, festa em cuja semana nos encontramos, nos indica esse caminho. E Nossa Senhora triunfará mesmo!


[1] O “Legionário” no 559, 25/4/1943.

 

13 COMENTÁRIOS

  1. Ao senhor Sergio Peffi, é verdade mesmo o que dizes? Não posso crer no que lí de teu comentário, seja menos ambíguo, não denote teus pensamentos duplos no que escreves, somente para desmontar toda tua escrita, quando a gente quer ser coeso em uma idéia não devemos dar margem de interpretações extras, pois quando dizes são tuas palavras: “Maria foi uma mulher bem aventurada e escolhida por Deus para trazer o Salvador do mundo na qualidade de Deus Homem, mas a sua missão terminou aí”, torna-tes hipócrita, pois se o fosse como dissestes, não teria Nossa Senhora acompanhado o Filho por toda sua Vida, uma Mãe não abandona o filho nem mesmo na hora da sua morte, e o que afirmas é que Maria serviu apenas como um objeto e depois foi dispensada. Todo o resto de tua fala se enrreda em ledos enganos, e a mais passas a ser tú Deus? Condenas Nossa Senhora ao inferno e salva outros tremendamente impuros? Ora, faça-me o favor, até Martinho Lutero tem a Mãe de Deus sua veneração! Não conheces nada, mas em nada mesmo tua própria denominação religiosa. Seja menos pretencioso e mais humilde em seu comentário.

     
  2. É digno de nota a polêmica que ocasionou o artigo “E triunfará mesmo! ” de Leo Daniele. Fez lembrar outros tempos quando a Igreja definiu o Dógma da Imaculada Conceição, foram quase 300 anos de dicursão . Por fim, o papa PIO IX fechou a questão com chave de ouro… Aos evangélicos que discordam da Igreja Católica os quais respeitamos como pessoas, mas discordamos doutrinariamente, nada vamos dizer. Aos católicos que com zelo fizeram seus comentários, gostaríamos de lhes indicar um livro publicado rente no Brasil – Maria Santíssima Como a Igreja Ensina – Facilmente adquirido através de livraria petrus @com.br – Cordialmente

     
  3. Vocês deveriam parar de perseguir a Igreja Católica e pregar os mandamentos de Jesus Cristo. Se vocês se dizem verdadeiros pregadores da fé, deveriam se preocupar mais com os valores que o mundo vem perdendo do que com as pessoas de qualquer outra religião.

    NÃO JULGUEIS PARA QUE NÃO SEJAIS JULGADOS!

    Julgar com hipocrisia é fazer como faziam os “mestres” da lei no tempo de Jesus. Se diziam muito conhecedores da verdade, quando ela na verdade estava na cara deles e eles nunca quiseram aceitar!

    Vocês acham mesmo que as pessoas que estão na Igreja Católica, na Luterana e em qualquer outra não serão salvas? Acreditam mesmo que as pessoas da Igreja de vocês todas serão salvas? Tenham dó…

     
  4. @Célio de Marchi Cunha

    Não foi a Bíblia que criu a Igreja foi a Santa Igreja Católica que criou a Bíblia. A Igreja de Cristo é o Corpo de Cristo.

    Por isso, irmãos, permanecei firmes e [(conservai as tradições) que vos ensinámos de viva voz] ou por meio da nossa carta. (2 Tessalonicenses 2, 15)

    Se me atrasar, saberás como proceder na casa de Deus, que é a Igreja do Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade. (I Timóteo 3, 15)

    Consulte, 2Pd 1,20; 2 Pd 3, 16.

    “E por que acho que esta Igreja é exatamente a Igreja Católica? Respondo: pelo testemunho histórico e pelos sinais que Deus nos envia, os quais são os milagres, prodígios e portentos verdadeiros.

    Somente ela é capaz de exibir tais sinais que, mesmo examinados meticulosa e rigorosamente, não dão chance para que os peritos provem que se trata de consequência de fenômenos naturais.

    Isto só na Igreja, com absoluta exclusão de todos os demais credos.” Oswlado do blog http://mentiras-evanglicas-e-outras.blogspot.com.br

    Por isso, irmãos, permanecei firmes e (conservai as tradições que vos ensinámos de viva voz) ou por meio da nossa carta. (2 Tessalonicenses 2, 15)

    Maria, Mãe de Deus.

    “Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, pois não conheço homem?” Em resposta o anjo lhe disse: “O Espírito Santo virá sobre ti e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra; é por isso que o menino santo que vai nascer será chamado Filho de Deus.”

    É a própria Santíssima Trindade (O Espírito Santo; o Altíssimo/Javé; o Filho de Deus/Jesus) que envolve Maria no sublime mistério da Encarnação.

    Enfim, Maria, mãe de Jesus, o Filho de Deus, deve ser chamada Mãe de Deus, porque a maternidade se refere sempre à pessoa. A mãe de um homem não é só a mãe de seu corpo. Ela é mãe da pessoa toda. Assim também Maria é mãe de seu Filho, como pessoa divina e humana que Cristo é.

    Aliás, a questão é muito mais de cristologia do que de mariologia, pois envolve diretamente a unidade de Cristo (Deus e homem em uma só pessoa, indivisível).

    Cabe ainda lembrar que esta questão já foi tratada na era patrística, isto é, do Cristianismo primitivo. De fato, Nestório, bispo de Constantinopla, negava o título de “Theotokos” (“Mãe de Deus”) a Maria. Só que Nestório sabia muito bem o que isto significava: a conseqüente negação da natureza de Cristo, homem e Deus. Os protestantes de hoje parecem ignorar esta realidade, ou então não perceberam o que significa distorcer o silogismo feito logo no início deste artigo.

    Seja como for, a mesma história patrística mostra a forte reação dos cristãos contra Nestório, que resultou no Concílio de Éfeso, no ano de 431, reconhecendo a legitimidade do título de Mãe de Deus, dado a Maria, e condenando as idéias nestorianas.

    Ou lembrando São Tomás de Aquino, para quem a negativa de uma verdade cristã implicava negar todo o conjunto do Cristianismo. Realmente, cada ponto do Cristianismo é tão intimamente ligado aos outros, que a exclusão de um pode fazer desmoronar todo o edifício. Não deixa de ser o retrato do protestantismo hoje, onde a negação de algumas verdades resultou em milhares de seitas, como um prédio destroçado.

    Um exemplo disso é o fato de muitos protestantes não seguirem nem mesmo os reformadores, como se vê abaixo:

    “Quem são todas as mulheres, servos, senhores, príncipes, reis, monarcas da Terra comparados com a Virgem Maria que, nascida de descendência real (descendente do rei Davi) é, além disso, Mãe de Deus, a mulher mais sublime da Terra? Ela é, na cristandade inteira, o mais nobre tesouro depois de Cristo, a quem nunca poderemos exaltar bastante (nunca poderemos exaltar o suficiente), a mais nobre imperatriz e rainha, exaltada e bendita acima de toda a nobreza, com sabedoria e santidade.” (Martinho Lutero no comentário do Magnificat, cf. escritora evangélica M. Basilea Schlink, revista “Jesus vive e é o Senhor”).

    “Ser Mãe de Deus é uma prerrogativa tão alta, coisa tão imensa, que supera todo e qualquer intelecto. Daí lhe advém toda a honra e a alegria e isso faz com que ela seja uma única pessoa em todo o mundo, superior a quantas existiam e que não tem igual na excelência de ter com o Pai Celeste um filhinho comum. Nestas palavras, portanto, está contida toda a honra de Maria. Ninguém poderia pregar em seu louvor coisas mais magníficas, mesmo que possuísse tantas línguas quantas são na terra as flores e folhas nos campos, nos céus as estrelas e no mar os grãos de areia.” (Martinho Lutero)

    “Não podemos reconhecer as bênçãos que nos trouxe Jesus, sem reconhecer ao mesmo tempo quão imensamente Deus honrou e enriqueceu Maria, ao escolhê-la para Mãe de Deus.” (João Calvino, Comm. Sur l’Harm. Evang.,20) Mais em:
    http://www.veritatis.com.br/apologetica/maria-santissima/992-maria-mae-de-deus

     
  5. @Sergio Peffi
    LEIA MAIS A BÍBLIA IRMÃO EM CRISTO,MAS LEIA UMA BÍBLIA VERDADEIRA COMPILADA PELA IGREJA CATÓLICA E NÃO POR PASTORES.A BÍBLIA NÃO EXISTIU ANTES DA RELIGIÃO E SIM APÓS, E A RELIGIÃO QUE 1o EXISTIU, MEU CARO, FOI, É, E SEMPRE SERÁ, CATÓLICA.PAZ E BEM.RESPEITE A MÃE DE UM DEUS, QUE É JESUS,NÃO A OFENDA PARA NÃO OFENDÊ-LO TAMBÉM.

     
  6. @luiz henrique
    MEU DEUS QUE PALAVRAS MARAVILHOSAS E INSPIRADAS. NÃO DEVO SENTIR MEDO, SOU FILHA DE DEUS E DEFENDO SUAS LEIS E MINHA IGREJA. NÃO SINTO E NUNCA SENTI VERGONHA DE SER CATÓLICA , GRAÇAS A JESUS E MARIA.

     
  7. OH, MEU AMIGO. SE CONHECESSES AS ESCRITURAS, NÃO LABORARIAS EM TANTOS ERROS. Jesus não confiou a Maria seus discípulos, mas pediu a um de seus discípulos mais achegados, QUE CUIDASSE DELA, POIS FICARIA SEM ARRIMO, ENQUANTO SEUS IRMÃOS, OUTROS FILHOS
    QUE ELA TIVERA COM JOSÉ, PERMANECESSEM INCRÉDULOS. E como você pode dizer na cara de Jesus que ele precisava de Maria para cuidar dos seus, se ele disse no evanghelho de João, que não os deixaria órfãos, mas voltaria para eles? (João 14.18) E ainda prometeu que estaria conosco para sempre, na pessoa do Espírito Santo. (João 14.16) Ele prometeu estar conosco todos os dias, logo na sua assunção.(Mateus 28.20) Quem precisa de uma serva de Deus, se temos o próprio Deus? E leia ainda de quem recebemos a GRAÇA: (JOÃO 1.17) Vá aprender da Palavra de Deus e para com essas heresias de dizer que Jesus não abriu o acesso ao Pai, através dele, rapaz. Termine lendo em I Timóteo 2.5 o que o apóstolo Paulo, inspirado, nos ensina: POIS HÁ UM SÓ DEUS E UM SÓ MEDIADOR ENTRE DEUS E OS HOMENS, JESUS CRISTO. Só precisamos ir a Deus em nome de Jesus Cristo. Leia João 16.23-24 e alegre-se por ter Jesus como nosso único mediador entre nós e Seu Pai, nosso Deus. Peça ao Filho, amigo e ele tudo fará. Pwça à mãe, Maria e ela nem o ouvirá. Quem é o único que pode ouvir sua oração, enquanto ouve a de milhares de pessoas em todo o mundo? Só Deus! Maria tornou-se uma deusa? Não caia no pecdo que Paulo denuncia em Romanos 1.25: TROCARAM A VERDADE DE DEUS PELA MENTIRA E ADORARAM E SERVIRAM (CULTUARAM) A COISAS E SERES CRIADOS (MARIA NÃO É CRIATURA?), EM LUGAR DO CRIADOR, QUE É BENDITO PARA SEMPRE.

     
  8. “REINO DE MARIA”; “BARCA DE PEDRO”; “SÓ ELA(MARIA) CREU E PERMANECEU ATÉ O FIM”.
    Estas frases não lembram alguém que crê que o ressurreto é Deus na pessoa do Filho, cuja ressurreição o levou ao “TRIUNFO E À POSIÇÃO DE REI DOS SÉCULOS, IMORTAL! Este sim, cujo “reino triunfará, para não dizer, já triunfou. Esqueceu-se o “mariano”, que Jesus tinha até falado com o apóstolo João, comissionando-o a cuidar de Maria, que agora ficava indefesa sem o arrimo? Esqueceu-se de José de Arimatéia que foi a Pôncio Pilatos pedir o corpo do Senhor e juntamente com Nicodemos levou-o para seu sepulcro novo? Porque só Maria deve levar as honras? Não nos esqueçamos que junto com os amedrontados discípulos, Maria partilhava do cenáculo onde todos se esconderam. E na aparição de Jesus, nenhuma palavra foi dirigida a Maria, pelo menos não registrada na Palavra de Deus. E graças a Deus esta barca (arca de Noé de hoje) não é a de Pedro, não. A verdadeira igreja de Cristo esta firmada em Jesus, que teve que levantar a Pedro das águas nas quais se afundava, chamando-o de “homem de pouca fé”. Prefiro estar no barco com Jesus que a qualquer homem, desde Pedro até nosso último “papa” que faz com que o povo de Deus quebre uma ordem clara do Mestre:’A NINGUÉM CHAMEIS PAI (PAPA) NA TERRA, POIS SÓ TEMOS UM PAI NO CÉU.” E ainda levam o povo a chamar seus guias “espirituais” de “Pai =PADRE”. Parem com isso, senhores católicos e comecem a se render ao único Deus verdadeiro, Imortal, eterno, sem genealogia como Hebreus nos ensina, a exemplo de MELQUISEDEQUE”, pois isto significa que Jesus, como Deus, cujo reino não terá fim, está eternamente sem pai nem MÃE. Ó, incoerência das incoerências, como pode um Deus ter mãe? Se ela tem um reino, onde se localiza, onde está seu trono triunfante, se na visão de João, no apocalipse sÓ se nos revela o TRONO DE DEUS E DO CORDEIRO?

     
  9. O cardeal Ratzinger estava certo quando disse a frase “Muitas vezes, Senhor, a tua Igreja parece-nos um barco pronto para afundar“. Mas ele não disse que iria afundar, ele disse que parecia estar indo para este rumo!!

    Ora, como estamos ‘faltos’ na fé e quando lá fora nos defamam (Igreja) ficamos muitas vezes calados, enves de defender a Santa Madre Igreja!! A culpa de parecer afundar é de quem se não nossa, de nós humanos falhos e pecadores?!

    Por fim o Imaculado Coração de Maria TRIUNFARÁ!!

     
  10. Não se preocupe Sergio, a Igreja Católica Apostólica Romana é imortal e não sucumbirá por promessa divina de Jesus Cristo. Existe a parte humana da Igreja Católica que sim pode temer a salvação, mas, lembre-se Jesus disse a Pedro tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a MINHA Igreja e as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Assim, Nossa Senhora a quem Cristo confiou o cuidado dos filhos de sua Igreja no momento em que entregava sua alma a Deus, é a Ela que confiamos nossa salvação. Quem quer se perder faz como você que acha que pode sem a ajuda de ninguém estar à altura de ober graças diretamente de Jesus Cristo, porque lhe falta humildade. Parece aquele fariseu que se apresentou diante de Deus de pé e humilhando o pobre pecador que batia no peito dizendo que não era digno de se apresentar diante dEle.@Sergio Peffi

     
  11. Penso no que posso fazer, sendo barro, e me vem a Virgem Maria com seu exemplo de obediencia ao Pai, SIM SIM SIM, SEJA FEITA SEMPRE A VOSSA VONTADE, E FAZEI TUDO O QUE ELE VOS DISSER…..Assim em continuas mensagens do Céu Nossa Rainha nos pede, ORAÇÃO, CONVERSÃO, JEJUM. CONFISSÃO, MISSA, EUCARISTIA e PERDÃO…… sempre nos guiando pelo VALE DE LÁGRIMAS QUE MUITOS IGNORAM E MAL SABEM QUE ESTE MUNDO PASSA E NADA FICARÁ POIS SEU INSPIRADOR É O INIMIGO DE DEUS. então como podermos amenizar todo o sofrimento que nos aguarda perante uma humanidade rebelde, onde os valores todos estão invertidos ao ponto de até nós mesmo nos questionarmos: ESTOU CERTO OU ERRADO???? Então quando os políticos se levantarem para votar as leis abomináveis aos olhos do PAI, devemos dobrar nossos joelhos e NÃO DURMIR COMO OS APÓSTOLOS, VIGIAR É ISTO QUE DEVEMOS FAZER, REZAR PARA REPARAR OS PECADOS DA HUMANIDADE, SOFRER POR NOSSOS IRMÃOS, NÃO É FÁCIL, MAS DEVEMOS ESTAR EM PLENO TREINAMENTO DE NOSSA FÉ, POIS A TRIBULAÇÃO JA ESTA ACONTECENDO EM ESCALA EXPONENCIAL, SÓ NÃO VE QUEM NÃO QUER, MAS, AO TOCAR DAS TROMBETAS, E NO MOMENTO EM QUE O CÉU SE RETIRAR DA TERRA E FIZER SILÊNCIO, ENTÃO TEREMOS O INFERNO QUE PEDIMOS POR NOSSA VAIDADE, E NOSSA ARROGÂNCIA, E MUITOS DE NÓS QUE SABEMOS E PODEMOS VER SEREMOS COBRADOS POR EM MUITOS CASOS ESTAR CAMINHANDO NA FILA DOS HEREGES E DOS FARISEUS, PREGAMOS MAS NÃO ATUAMOS, TEMOS MEDO? MEDO DE QUE SE SOMOS FILHOS DO CRIADOR! MEDO DA PERSEGUIÇÃO QUE É DISPARADA PELO MISTÉRIO DA INIQUIDADE QUE OPERA NAS SINAGOGAS DE SATANÁS, CUJO SIMBOLO É DO CONSTRUTOR? TEMOS MEDO DA PERSEGUIÇÃO SOCIAL? MEDO MEDO, POIS ESTE MEDO NÃO VEM DO PAI, ENTÃO QUE SEJAMOS FORTES E HOMENS DE CORAGEM, GRITEMOS AOS NOSSOS, JESUS VEM…..E A RAINHA ESTA RECRUTANDO SOLDADOS PARA SEU EXÉRCITO QUE JA SE COLOCA EM ORDEM DE BATALHA, POIS AO FIM, SÓ RESTARÁ UM PEQUENO RESTO, QUEM SERÃO OS QUE PISARÃO OS NOVOS CÉUS, NÃO PODEMOS SABER, MAS FAÇAMOS TUDO QUE ELE NOS DISSER COM PLENA FÉ….MARANATA

     
  12. Enquanto a igreja católica depositar suas esperanças em Maria Mãe de Jesus que eles dizem “nossa senhora” ela sucumbirá no inferno, mesmo junto com todos os seus lideres religiosos, desde o papa até o menor dos fieis, pois essa não é a igreja de Cristo. Essa igreja que está aí que que se diz cristã, deveria mudar de nome para Igreja de Nossa Senhora, ainda que com a sua própria desaprovação, uma vez que ele mewmsa Maria, certa vez disse a aos discipulos e apóstolos de Jesus, FAZEI TUDO O QUE ELE VOS MANDAR”. E ainda com 12 anos de idade no Templo em Jerusalem discutindo com os sacerdotes e doutores da lei de Israel, quando encontrados por Maria e José, estes lhe disseram que estavam preocupados com Ele porque havia sumido, Jesus respondeu-lhe: A MIM ME IMPORTA TRATAR DOS NEGOCIAS DE MEU PAI, REFERINDO-SE AO CUMPRIMENTO DE SUA MISSÃO NA TERRA QUE O PAI CELESTIAL LHE HAVIA CONFIADO.
    Igreja católica, quer não sucumbir? Deixe Maria, e coloque a Jesus como o Unico Redentor de nossas almas. Maria foi uma mulher bem aventurada e escolhida por Deus para trazer o Salvador do mundo na qualidade de Deus Homem, mas a sua missão terminou aí. a Unica coisa que temos que ter por ela é admiraç~´ao e não adoração ou veneração como vocês dizem, o que é a mesma coisa.

     
  13. Antes de Consagrar a Rússia para o Imaculado Coração de Maria*, primeiro devemos conhecer bem o inimigo.

    O legado da União Soviética, perigo para a humanidade.

    “a Rússia não é um país de comércio. Rússia Imperial antes de 1917 era um país. A Rússia atual e URSS, ao que ela é um herdeiro, é um país de espionagem…

    “É impossível minar um país tão grande como os EUA através do comércio”, disse Preobrazhenskiy. “Mas é possível de ser feito através de sabotagem, espionagem e outros tipos de atividades secretas. Tanto a Rússia quanto a China sabe vulnerabilidades da América, e eles estão explorando-los tanto quanto eles podem. ” Preobrazhenskiy, ex-oficial da KGB em Por que o comércio com a Rússia e a China é estúpido? Por Jeffrey R. Nyquist

    “Queremos investir na Rússia e na China. Queremos acreditar que o capitalismo triunfou. Mas o capitalismo está morrendo aqui mesmo, agora mesmo, em solo americano. Como explicar isso?… Nossa riqueza inoculou-nos da verdade. Temos agora um povo que preferem mentiras agradáveis para as verdades desagradáveis. É melhor acordar. Não há muito tempo.” JR Nyquist

    Leia tudo e entenda a maior ameaça que o mundo livre atual poderá enfrentar:

    http://translate.googleusercontent.com/translate_c?depth=1&ei=zwFaUf3sLIfu8QStsIC4Aw&hl=pt&prev=%2Fsearch%3Fq%3DFinancial%2BSense%26hl%3Dpt%26client%3Dfirefox-a%26hs%3DKk8%26rls%3Dorg.mozilla%3Apt-BR%3Aofficial&rurl=translate.google.com&sl=en&u=http%3A%2F%2Fwww.financialsense.com%2Fcontributors%2Fjr-nyquist%2Fwhy-trading-with-russia-china-is-stupid&usg=ALkJrhi48ih3yngWbaYDCOQ6If21gjObPQ

    4. A convergência estratégica entre a China e a Rússia, revista Catolicismo, nov. de 2011:

    http://www.catolicismo.com.br/materia/materia.cfm?IDmat=93EC6BC0-E7C2-EE66-BE23411D87EFAEA7&mes=Novembro2011&pag=2

    * http://blog.christifidei.com/2011/05/sobre-consagracao-da-russia-ao.html

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome