Movimento LGBT deseja instrumentalizar JMJ.

Luiz Mott, representante do GGB, o mais antigo movimento homossexual do Brasil, em carta aberta aos participantes da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), afirma que a homofobia é “pecado grave” e pede que o evento ajude na campanha pró-homossexualismo.

Na carta, o líder da entidade ainda exige que o papa Francisco “não fale nada contra os direitos humanos dos homossexuais” e usa a seu favor o fato de que os artistas que se apresentarão na JMJ – como Ivete Sangalo, Milton Nascimento e Michel Teló – já se manifestaram publicamente favoráveis as uniões homossexuais.

A missiva também pede que os participantes da JMJ denunciem qualquer declaração ou manifestação contraria ao homossexualismo, e que colaborem para minimizar a “eventual homofobia internalizada imposta pelos moralistas intolerantes”.

Confira abaixo a íntegra da carta de Luiz Mott:

Carta aberta do Grupo [Homossexual] da Bahia aos participantes da Jornada Mundial da Juventude, RJ.

Bem vindos ao Brasil, que tenham dias divinos na Cidade Maravilhosa.

A primeira recomendação é ao simpático Papa Francisco: o Brasil é um país laico e a Constituição Federal proíbe qualquer tipo de preconceito e discriminação. Portanto, admoestamos a Vossa Santidade que não fale nada contra os direitos humanos dos Homossexuais (LGBT), já que também no Brasil foi legalizado o casamento [sic!] homoafetivo, apoiado por mais da metade dos brasileiros, inclusive pelos famosos cantores que abrilhantarão a Jornada da Juventude, Ivete Sangalo, Milton Nascimento e Michel Teló.

A segunda recomendação é para os jovens de ambos os sexos: respeitem a sua própria livre orientação sexual e a dos outros. Jesus nunca condenou o amor homoafetivo, disse até que “há eunucos ([homossexuais]) que assim nasceram do ventre de suas mães”.  Portanto, a homofobia – o ódio anti-homossexual – é pecado grave que atenta contra a lei áurea do cristianismo, “amai-vos uns aos outros!” Aos jovens católicos participantes da Jornada Mundial da Juventude, recomendamos que superem sua eventual homofobia internalizada imposta pelos moralistas intolerantes e que se aceitem como são:  legítimos templos do Espírito Santo, pois Jesus nunca fez acepção de pessoas. E protestem contra qualquer declaração ou manifestação de intolerância anti-LGBT: exijam o mesmo respeito demonstrado por Cristo às pecadoras e desviantes sexuais. E no caso de encontrarem alguma “garota de Ipanema” ou algum “Menino do Rio”, não se esqueçam que usar preservativo é um ato de amor! A idade do livre consentimento sexual no Brasil é 14 anos, segundo o Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), porém, é mais tranquilo só relacionar-se com maiores de 18 anos. É legal ser homossexual no Brasil!

Veja abaixo o vídeo antigo em que o GGB e os jovens do Instituto Plinio Corrêa de Oliveira estiveram frente a frente na praça da Sé, em Salvador:

Fonte consultada:
http://corecatholica.blogspot.com.br/2013/06/jmj-rio-carta-aberta-do-ggb-pede-ao.html

 

46 COMENTÁRIOS

  1. GOSTEI DO VÍDEO, – RESISTIS AO DIABO E ELE FUGIRÁ DE VOZ! GOSTEI DA REAÇÃO DOS CARAVANISTAS, ESTÃO DE PARABÉNS, Ñ CONCORDAR COM O HOMOSSEXUALISMO Ñ É SER HOMOFÓBICO, O QUE Ñ PODE HAVER É A DISCRIMINAÇÃO A ESSAS POBRES ALMAS QUE SÃO ESCRAVIZADAS POR SATANÁS AO PONTO DE PROCLAMAR ‘É LEGAL SER HOMOSSEXUAL’. HOMOSSEXUALISMO É UM CÂNCER QUE AO POUCOS ESTÁ CONSUMINDO OS VALORES MORAIS DA FAMÍLIA TRADICIONAL, POIS DEUS DESDE MUITO TEMPO ABOMINA ESSA PRÁTICA, PORÉM PARA QUE SE CUMPRA AS PROFECIAS DO NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO É NECESSÁRIO QUE TUDO ISSO ACONTEÇA PORQUE ELE JÁ ESTÁ ÀS PORTAS, QUEM É DE JESUS SE MANIFESTA A FAVOR DOS VALORES CRISTÃOS, QUEM Ñ É DEFENDE EM CAUSA PRÓPRIA E É ISSO QUE ESTAMOS VENDO NOS ÚLTIMOS DIAS DA IGREJA DO SENHOR NA TERRA. PAZ A TODOS!

     
  2. Vocês são um lixo de gente.
    Se posicionam contra direitos homosexuais como se tivessem o direito de julgar o que é certo ou errado.
    E ao mesmo tempo não querem que haja uma lei proibindo os senhores de serem preconceituosos.
    Se existe um céu, pessoas com tanto preconceito e prepotencia, como voces, estaram longe.
    Não sei o que veio antes, a ingreja ou a burrice.
    Cristianismo tem a ver com amor, não intolerancia e preconceito
    Seus lixos

     
  3. De um laico para este movimento gay.
    É de louvar a coragem dos jovens católicos da TFP pela luta que travam em defesa da família que está sempre na mira desta tara sexual, (frase que tirei de uma revista médica, usada por um médico europeu, cerca de três anos atrás) quando por razões que voluntariamente adquirem querem transformar para os seus valores (alicerçados na revolta da stonewall) aquilo que o candidato á casa branca em 2008, e hoje presidente Obama disse na sua propaganda eleitoral: o casamento é um sacramento, uma bênção de Deus que cabe apenas á união de um homem com uma mulher. O escritor gay Mark, Simpson escreveu num jornal britânico em 28 de Junho de 2009 acerca dos valores gay: a revolta de stonewall foi iniciada por travestis prostitutos e jovens vadios agarrados á droga. Ou seja, pessoas á margem da sociedade que não tinham nada a perder; segundo Simpson foi esta revolta que impulsionou o movimento gay, esta é onde se fundamentam os seus valores. Tal como uma árvore é conhecida pelo fruto que produz, assim é o ser humano, somos todos iguais mas damos diferentes frutos, em democracia temos leis iguais (estes querem estatutos especiais para eles) para todos, mas os frutos devem manter-se separados para que a semente não se contamine, e fazemo-lo sem que as leis da democracia tenham que alterar. (ANALÍSE onde estão fundamentados os valores gay) O objectivo deste movimento, é a contaminação desta semente humana, e o destino que se dá a qualquer semente contaminada é destruição; razão porque devemos manter-nos separados; para que não sejamos todos destruídos. Cada um de nós somos responsáveis pelos nossos actos, assim como cada país pelas suas leis, e se as leis o permitem como é o caso de uma democracia, todos nós carregamos com as responsabilidades destas taras. Esta contaminação não podemos aceita-la; devemos tolerar mas nunca aceitar de Mahatma Gandhi. Razões porque os seus frutos não são compatíveis com os nossos. 1º Porque se recusam dar continuação á progenitura que existe na lei da natureza, lembra-te; isto não fala de religião, de certo que nenhum lavrador gostará de ter nos seus campos, que arduamente cultiva, plantas que não se reproduzem, não existirá nenhum em todo o universo. DEUS não criou nada que não se reproduza mas pelo contrário, vejamos MT 21,19 2º È uma tara adquirida voluntariamente, para satisfazer uma razão; que trocam a cada instante de acordo com a sua conveniência; lembramos que o ser humano nasce com uma razão mas termina com um milhão, NICOLAS DE MALEBRANCHE, Filosofo francês disse: as nossas paixões sempre se justificam, quer dizer sugerem-nos opiniões que ajudam a justifica-las. Os não voluntários (os que nascem com deficiência) serão menos de um por cento (meu calculo) estes sim, devem ser respeitados tal como qualquer outro ser humano porque na realidade ele é um ser humano igual ao outro, e nada deve estar excluído no que respeita a medicina legal, para lhe proporcionar uma vida o mais confortável possível. Em nenhuma democracia que respeite este nome, poderá existir outra excepção para qualquer grupo ou associação em nome de liberdades extraordinárias. Este procedimento irá provocar distúrbios nesta sociedade tal como disse Navi Pilay alta comissária da ONU para os direito humanos: quando um grupo rouba a outro os seus valores… 3º Em nenhuma constituição democrática, nem tão-pouco na carta internacional dos direitos humanos proclamada pela Assembleia Geral da ONU em 10 de Dezembro de 1948 foi deixado escrito que algum grupo, sociedade ou etnia, deveria ter privilégios especiais em relação a qualquer outro. O que nós encontramos na carta dos direitos humanos publicada pela ONU em 1948, e que tem servido para que outros países a colem á sua constituição, ou se deixem guiar por ela; no seu primeiro artigo diz o seguinte: Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para com os outros em espírito de fraternidade. Neste primeiro artigo, a cada ser humano que nasce é-lhe garantido; liberdades iguais em dignidade e em direitos, estas são as garantias que estão escritas num papel, e que na realidade pouco tem passado do papel, no que diz respeito á vivencia em conjunto dentro de uma sociedade, tal como entre as sociedades em si; as provas estão á vista, pelo que podemos ver no dia-a-dia em todas as sociedades do universo, cada vez se odeiam mais entre umas e outras. Porem o artigo também nos diz que este ser humano é dotado de razão e de consciência. Estes dois dotes nada tem a ver com o que lhes foi atribuído no papel, eles já o acompanham desde a barriga de sua mãe. Como podemos ver e infelizmente, o que está escrito no papel nada significa na maior parte do universo humano. Ao contrário, estes dotes acompanham sempre o ser humano; um na parte física e espiritual outro na parte física, a não ser que este repulse um deles (a consciência). O que representam estes dons, (consciência e razão) sendo um fixo e outro volátil, á medida que o ser humano se vai desenvolvendo também estes dois dons o acompanham. Eles são parte integrante do ser humano. Para que em poucas palavras possamos compreender a sua função, comparamo-nos a uma árvore; não se ria está a ser provado que a arvore consegue ser bastante sofisticada em aritmética (Scientists at the John Innes Centre, a British research institute that focuses on plants and microbiology, found that plants must do complex arithmetic to calculate the amount of food needed to get them through the long, dark night. “This is the first concrete example in a fundamental biological process of such a sophisticated arithmetic calculation,” said a JIC mathematical modeller, Martin Howard). Tendo como consciência a raiz da árvore, como razão as suas folhas, a raiz nunca se move, sua função é acompanhar o crescimento da árvore e superar-lhe todo o alimento necessário á sua estrutura sem nunca mudar. A razão é como as folhas, fás a arvore mudar constantemente de aparência consoante a sua qualidade e estação. A consciência (a parte fixa) não a podemos mudar mas podemos elimina-la, e assim o verdadeiro ser humano na sua essência morre, quando a eliminamos, (porém este ser humano não deixa de exclamar: a minha consciência não me acusa, com razão porque nele ela já não existe) a nossa razão fica descontrolada, porque deixamos de receber o alimento controlado, pela consciência para receber um alimento sem nenhuma filtragem, e como a nossa razão muda sempre em face de qualquer emoção, agora com a falta do alimento próprio descontrolamo-nos e é o que leva o movimento gay a exigir que a sua razão seja satisfeita, ainda que não existam fundamentos seguros para se agarrarem a eles, como não tem esse alicerce; mentimos, enganamos, enfim deixamos de ser humanos para cometer qualquer monstruosidade, a que a nossa nova razão nos conduza. (como exemplo podemos dar Lenine Estaline ou Hitler, na historia da humanidade poderíamos listar milhões) No caso gay, para convencer os incautos tem que inventar que estão nas mesmas condições que estiveram os escravos americanos e os escravos do colonialismo africano. Isto fica claro quando o movimento gay invoca como símbolo para sua causa os grandes lideres que lutaram para se libertarem da escravização americana e do colonialismo tal como o Reverendo Luther King e Gahandi. Sabemos que através do colonialismo foram praticadas barbaridades abomináveis não menos condenáveis que as do terrorismo de hoje, onde milhões de seres humanos foram arrancados de suas famílias, acorrentados e transportados para outros continentes, para satisfazer as necessidades laborais do feudalismo mundial. Através desta mentira que criaram, bombardeada diariamente sobre o cérebro do comum do ser humano, conseguem que muitos incautos acreditem nesta monstruosidade do engano. Mas se fizermos uma pequena paragem e meditamos neste assunto, vemos a diferença que existe entre o que simplesmente resolveu mudar de razão sem que ninguém o force, (o grupo gay) e os que estando no seu normal habitat, na sua terra, no seu meio familiar, eram atacados por bandos de monstros, arrancados dos seus familiares e acorrentados, depois distribuídos por outros continentes para continuarem sujeitos a novos senhores (todos aqueles que conseguiam resistir ás sevicias corporais durante as longas viagens) onde também não faltavam o chicote e as correntes a amarra-los, e onde continuavam a sofrer o desmantelamento familiar, porque os seus donos (monstros) os continuavam a comercializar como objecto barato. ANALÍSE, responda a si próprio, se esta classe de incapacitados que estão ao serviço das esquerdas internacionais, tem o direito de se misturar com a obra do reverendo Luther King ou Gahandi, e fazerem parte da sua causa, mas sim para sujá-la, e confundirem a sociedade, este é o seu objectivo. 4º Em relação ao casamento, esta carta dos direitos humanos, apesar de, no seu primeiro artigo poder facilmente induzir ao erro (sobretudo àqueles que gostam; ou tem interesse em agir enganosamente) mas no artigo 16, ela não deixa duvidas no que ao casamento diz respeito, vejamos o que diz alínea 1 e 3 do respectivo artigo :1ª. A partir da idade núbil, o homem e a mulher têm o direito de casar e de constituir família, sem restrição alguma de raça, nacionalidade ou religião. Durante o casamento e na altura da sua dissolução, ambos têm direitos iguais. 3ª. A família é o elemento natural e fundamental da sociedade e tem direito à protecção desta e do Estado. Como podemos ver a Declaração Universal dos direitos humanos das Nações Unidas, é bem clara no que respeita á formação de uma sociedade. A família é o elemento natural e fundamental da sociedade e tem direito à protecção desta e do Estado. Dentro dos mesmos parâmetros encontramos também a filosofia de Platão, filosofo grego, quando diz: Tenho irmãos, pai, mas não tenho mãe. Quem não tem mãe, não tem família. Este grupo de taras homossexuais, oferece a uma criança dois pais ou duas mães = a um avião com dois motores do mesmo lado, qual será o seu alvo? Depende de qual dos lados estejam os motores o alvo estará do lado oposto. Seguimos com o comentário ao grupo homossexual que admoesta a JMJ e o Papa para não falar contra a prática homossexual. Não sou religioso, muito menos ateu, tenho por norma respeitar o meu vizinho tal como gosto de receber dele, mas não me posso calar ao ouvir tamanhas mentiras e confusão que este grupo quer lançar na sociedade livre, lembramos que este grupo é o cavalo de Tróia, ao serviço de todas as forças antidemocratas que trabalham dentro das democracias para corrompe-las, afim de lançarem as garras de sua ditadura para de novo escravizarem o ser humano. Ouvimos com frequência deste grupo; que DEUS ama a todos por igual, e isto é verdade. Está escrito na Bíblia, Jo. 3.16 » Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigénito, para que todo o que nele crê não pereça mas tenha a vida eterna.« Como todos podemos ver está escrito que Deus amou o ser humano por igual, então porque toda esta confusão? 1º Porque existe uma diferença muito grande entre aquele que lê um livro completo e o analisa, e aquele que lê só uma frase ou um paragrafo de um livro e dele conclui a sua opinião. A estes referindo-nos á Bíblia, estão a seguir o mesmo caminho que seguiram os membros do grupo, Peoples Temple, que em vez de analisar Esse livro individualmente, deixaram-se guiar pela razão de um outro homem; Jim Jones que em 1978 deu origem ao assassínio de algumas pessoas e cerca de mais outras 900 a cometer suicídio. Esta confusão hoje em marcha, e da qual faz parte o presidente dos Estados Unidos pela colaboração que deu á agenda gay, depois de ter prometido (na sua propaganda eleitoral em 2008) que não se envolveria nela, o que quer dizer que não teve nenhum escrúpulo em mentir ao seu povo para mais facilmente o poder trair, juntando-se a este grupo de incapazes. Mantendo esta confusão em marcha tal como Jim Jones. Agora de proporções apocalípticas, especialmente se tivermos em atenção que está envolvido o presidente da maior democracia do mundo (assim como o chefe do supremo tribunal, também já posta em causa a sua neutralidade e credibilidade) que até á pouco tempo era o balanço entre os valores cristãos. A confusão não termina aqui e a razão para classificar esta confusão de apocalíptica tão pouco. As notícias que nos chegam dia-a-dia não são nada encorajadoras para a harmonia que deve existir entre as sociedades, vejamos: June 21, 2013 by Lorne Dey. Before I began investigating legal cases as a journalist for the US~Observer, I had no idea how corrupt the justice system has become in many of America’s States and counties. I soon learned that in such places the American system of law has begun to resemble what I used to fear in Third World or underdeveloped countries like Mexico. Sadly, and it appears all too often, far too many Americans become casualties of these criminally unjust systems. Cinco dias depois desta notícia vimos outra não menos devastadora: Howard Fineman – Huffington Post 06/26/2013. John Roberts Shows Cold-Blooded Calculation In His Supreme Court Rulings. Roberts’ moves in these cases may also have had a personal dimension. Jean Podrasky, his first cousin, lives in San Francisco and is a lesbian and an avid gay-rights supporter. She was present for the oral argument on Prop 8 and now, thanks to her relative, could marry her partner and receive federal benefits. 2º Quando a honestidade do chefe do supremo tribunal americano, é posta em causa e o presidente da nação não respeita o voto do seu povo, em favor de algo cujo alicerce está fundamentado na revolta da stonewall, mostra-nos que o ser humano livre não sabe o que é, não ser livre, e conforma-se com a opinião daqueles que já mataram a sua consciência porque já leram o livro todo, mas não querem que o povo o conheça porque o seu desejo de martirizar o povo através de sua futura ditadura, (se deixarmos que ela se instale) não ficará muito aquém daquele que reinava no antigo império romano em que os cristãos eram lançados ás feras. O desconhecimento da verdade pelo povo despreocupado, torna sua tarefa mais fácil. (É sem dúvida mais fácil enganar uma multidão do que um só homem, Heródoto Historiador Grego) Como exemplo visível temos este grupo que envia a carta ao Papa e á JMJ, os ataques que fazem aos corajosos das TFP e a todos aqueles que não comungam com seus ideais, desde presidentes nacionais estatais camarários ou de bairros. Não existe nenhuma diferença entre esquerdas e estas taras. Estes grupos procedem desta forma porque já tem a sua razão descontrolada. Sabem que o conhecimento da verdade os vai culpar. Por esta razão eles tem medo que sua consciência ressuscite e não concedem a eles próprios esta nova possibilidade de ocupar o seu lugar para o qual foi criado, desprezando a sabedoria tal como Platão nos ensina: »O homem retrata-se inteiramente na alma; para saber o que é e o que deve fazer, deve olhar-se na inteligência, nessa parte da alma na qual fulge um raio da sabedoria divina «este é o lugar onde a sua consciência o levaria se a deixa-se ressuscitar, também isto está escrito no mesmo livro, conhecido pelo nome de Bíblia, Romanos 2,15. Estes mostram a norma da lei gravada nos seus corações. Testemunhando-lhes também a consciência, e os seus pensamentos mutuamente acusando-se ou defendendo -se.

     
  4. Perfeito, apoiado, que esta casta pensa que são para orientar um homem que viveu dedicando sua vida as causas de Deus por amor aos homens, enquanto o que eles fazem é destruir a moral das nossas crianças e jovens e família?!

     
  5. vamos começar assim:

    Eunuco significa CASTRADO e não homossexual, confirme em qualquer dicionário de língua portuguesa.

    agora me responda: a quem, se não a PEDÓFILOS (Interessados em relação sexual com crianças, por que é isso o que é um menino ou menina de 14 anos) interessa ressaltar a idade legal de consentimento? Que ser humano adulto tem atração por crianças de 14 anos?

    e vamos terminar assim: O ESTADO É LAICO

    LAICIDADE de acordo com os termos legais, significa que o ESTADO NÃO ADOTARÁ UMA RELIGIÃO OFICIAL. apenas isso, e a LAICIDADE NÃO CONFERE O DIREITO AO ESTADO ou a qualquer outra entidade DE INTERFERIR NAS PRATICAS, MANIFESTAÇÕES e DOUTRINAS RELIGIOSAS.

     
  6. Que a Igreja Católica possa tomar alguma atitude contra esta sandice….. não podem ficar calados….. Casamento homoafetivo aprovado por mais que metade dos brasileiros?????? ha ha ha ha FOI APROVADO NA CANETADA, ISSO SIM !!!!!! VERGONHA !!!!!

     
  7. E PEDOFILIA? O QUE ESTE PEDÓFILO ESTÁ FAZENDO SOLTO? ESTÁ COMPROVADO TRÁFICO DE INFLUÊNCIAS, BANDIDOS DE … DEIXAM ESTE CRIMINOSO SOLTO! ESTE ALIENADO FAZ ALUSAO À PEDOFILIA E ESTÁ SOLTO!!! TRÁFICO DE INFLUÊNCIAS NO JUDICIÁRIO, POLICIA E POLITICOS ESTÁ COMPROVADO!

     
  8. Simplesmente espantoso. Um ignorante total da doutrina cristã, porque se o não fosse não era homossexual, a querer orientar o Papa, a Igreja.
    Grave pecado é a homossexualidade, taõ grave que Deus que é a Bondade e a Misericórdia, não duvidou em destruir duas cidades e aniquilar os seus habitantes, porque se degradaram ao ponto de se tornarem, todos, homossexuais.
    Tão grave que os próprios homossexuais sentem a sua gravidade e tudo fazem para a esconder com uma capa. O que é a oposição “à cura gay” senão o medo dos homossexuais enveredarem por essa cura?
    O governo atua no sentido de levar as pessoas a se deixarem “curar” do tabagismo (4 o tabasgismos pode ser que seja o fenótipo de um determinado genótipo. O governo já está a obrigar pessoas a se “curarem” da droga. O governo faz propaganda intensa para “curar” a tuberculose. Etc. Etc.
    Agora se alguém homossexual refletiu e quer mudar de vida, não pode. Ninguém o pode ajudar! Está proibido!!. E o homossexualismo é apenas o fruto de uma errada educação

     
  9. Em primeiro lugar, quero dar meus parabéns ao irmão BRAZ por seu comentário e a exposição da Carta aos Romanos 1,18-32. e o livro do Levíticos 18,22. 20,13.
    Esta exposição é destinada integralmente ao Luiz Mott, representante do GGB, o mais antigo movimento homossexual do Brasil que para demonstrar sua sabedoria, deve ficar de boca calada a maior parte de sua vida e não falar asneiras, sem conhecimento de causa.
    O que é nosso é nosso e amamos com o mais profundo do nosso coração que é a interpretação da Bíblia Sagrada. O que é de vocês, é de vocês. Façam da vossa parte o que bem entenderem. Temos compaixão daqueles que estão desvirtuados da vida matrimonial.
    Ele como membro homossexual se atreve a colocar em seus escritos admoestação a SS o Papa Francisco quando de sua breve vinda ao Brasil, fazendo recomendações descabidas, não pertinentes ao projeto da JMJ. Por isso recomendamos que ele fique longe com a turma dele e não se intrometa com a vinda do Papa para a Jornada Mundial da Juventude que tem como objetivo a Evangelização dos filhos com educação Cristã e demais filhos que queiram a conversão no Caminho da Verdade e da Vida – Jesus Cristo.
    Luiz Mott, por favor, se você quiser tomar um pouco de conhecimento da Bíblia que fala sobre aqueles que desvirtuam a união matrimonial, leia atentamente as citações mencionadas acima.
    Os artistas que lhes dão apoio, o fazem pelo simples fato de não ficarem indiferentes com nenhuma classe. Eles precisam de fama e se forem contrários a vocês terão vozes negativas ao sucesso deles, e isto lhes basta.
    Não sou adepto a homofobia, sou Católico, Apostólico Romano, honro muito minha Igreja, não abro mão dela por nenhum motivo e muito mais, sou Congregado Mariano como percebo também que é nosso irmão Braz!
    A todos filhos de Nossa Senhora, com amor sublime, Salve Maria!

     
  10. Seria ridículo se não fosse tão trágico. Se havia algum restinho de sanidade mental na agenda deles, esse restinho foi pelo ralo.
    Aliás, um mínimo de senso crítico não faz mal a ninguém: não sou psicólogo, mas sei que “fobia” é uma coisa intensa, NÃO é mera “discordância” a algo. Fobia NÃO se refere a uma simples ideia, e sim a alguma realidade. Portanto, só existiria “homofobia” se alguém começasse a sentir-se mal (mal mesmo, como alterando a pressão, suando frio etc.) com a simples PRESENÇA, próxima, de um homossexual. Ora, em 99,99999999999999999999999% das vezes NÃO é isso que acontece, e sim a mera DISCORDÂNCIA de um comportamento antinatural.
    Logo, sou CONTRA o homossexualismo sim e, ao mesmo tempo, obviamente NÃO sou homofóbico.
    Mott, vai procurar tua turma e não torres nossa paciência!

     
  11. Não seria um tanto quanto ousado querer interferir? Admoestar Sua Santidade?! No mínimo um absurdo.Será que também tenho ou temos o direito de interferir em um movimento gay?

     
  12. O Estado é laico. Mas a reunião não é e nada tem a ver com o Estado. Tem sim a ver com a Igreja de Roma. O que esses artistas estarão fazendo por lá e quem os convidou não sei. Mas seria o mesmo que pedir que em uma reunião de homossexuais fosse restringido algum assunto pelo fato de o Estado também não ser gay. E quanto aos eunucos, eram sim eunucos e não homossexuais. E com certeza certa Jesus ama o pecador mas abomina o pecado. Nada contra a orientação sexual de cada ,mas nada ver com Bíblia. Mas se me afirmam que a Bíblia é a favor, quero crer que reescreveram a Bíblia. Reescreveram o início, e reinventaram ou estão tentando inventar um mundo. E se Sua Santidade for atrás do politicamente correto, estará negando sua própria afirmação de que a Igreja nunca foi e nem é uma ONG piedosa. A Igreja de Jesus tem como principio a Bíblia e os ensinamentos de Jesus e seus apóstolos. Então, cada um na sua e respeito mutuo pelas ideias e princípios de cada um. Não sou homofóbico, mas não sou obrigado a aceitar aquilo que não concordo. Respeito, mas não concordo. E a Bíblia infelizmente condena o homossexualismo. E a JMJ é um evento católico presidido por Sua Santidade. O Estado é de fato laico, mas o movimento não é. Um pouco inocente a ideia de querer intervir em algo fora da alçada.

     
  13. Veja! Querem justificar suas abominações nas palavra de Nosso Senhor, forçando uma interpretação totalmente errada. Vejamos: “Eunucos que nasceram assim” a que se refere Jesus são pessoas fisicamente incapacitadas para ter filhos. Eu mesmo conheço muitas. Basta fazer uma visita aos lugares em que são recolhidos. Um dos lugares mais tremendos; de fazer qualquer um meditar e agradecer a Deus pela saúde, esta na cidade de Trindade Goias, um asilo chamado Cotolengo, é impressionante as pessoas que ali se encontram, nossa, é admirável ver os irmãos em tais condições, sorrindo e felizes com a visita de cada um, me emociona recordar a visita que fiz. Esses irmãos de fato são eunucos que nasceram assim.
    “Outros que os homens os fizeram”. Jesus recorda um costume muito comum em sua época. São pessoas que foram consagradas por seus pais e que eram castradas desde o nascimento, destinadas a servirem nos palácios dos imperadores para cuidar das muitas mulheres do rei, e de toda sua corte.
    ” outros que se fazem eunucos por amor ao Reino dos Céus”. São pessoas que renunciam ao direto de constituir uma família, apesar de serem normais, e que por amor a Deus se entregam a seu serviço, dedicando inteiramente de corpo e de alma à sua causa, amando a Nosso Senhor de “todo seu coração e sobre todas as coisas, com todas as suas forças e com todo seu entendimento. Fazendo os votos de “castidade, pobreza e obediência”. São os homens fazem opção pelo Sacerdócio. Neste contexto o Apostolo São Paulo ensinando os cristãos de Roma oferece a verdadeira interpretação deste texto do Santo Evangelho. Vejamos o texto: Romanos 1,18-32.

    “18. A ira de Deus se manifesta do alto do céu contra toda a impiedade e perversidade dos homens, que pela injustiça aprisionam a verdade.
    19. Porquanto o que se pode conhecer de Deus eles o lêem em si mesmos, pois Deus lho revelou com evidência.
    20. Desde a criação do mundo, as perfeições invisíveis de Deus, o seu sempiterno poder e divindade, se tornam visíveis à inteligência, por suas obras; de modo que não se podem escusar.
    21. Porque, conhecendo a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças. Pelo contrário, extraviaram-se em seus vãos pensamentos, e se lhes obscureceu o coração insensato.
    22. Pretendendo-se sábios, tornaram-se estultos.
    23. Mudaram a majestade de Deus incorruptível em representações e figuras de homem corruptível, de aves, quadrúpedes e répteis.
    24. Por isso, Deus os entregou aos desejos dos seus corações, à imundície, de modo que desonraram entre si os próprios corpos.
    25. Trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram à criatura em vez do Criador, que é bendito pelos séculos. Amém!
    26. Por isso, Deus os entregou a paixões vergonhosas: as suas mulheres mudaram as relações naturais em relações contra a natureza.
    27. Do mesmo modo também os homens, deixando o uso natural da mulher, arderam em desejos uns para com os outros, cometendo homens com homens a torpeza, e recebendo em seus corpos a paga devida ao seu desvario.
    28. Como não se preocupassem em adquirir o conhecimento de Deus, Deus entregou-os aos sentimentos depravados, e daí o seu procedimento indigno.
    29. São repletos de toda espécie de malícia, perversidade, cobiça, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade.
    30. São difamadores, caluniadores, inimigos de Deus, insolentes, soberbos, altivos, inventores de maldades, rebeldes contra os pais.
    31. São insensatos, desleais, sem coração, sem misericórdia.
    32. Apesar de conhecerem o justo decreto de Deus que considera dignos de morte aqueles que fazem tais coisas, não somente as praticam, como também aplaudem os que as cometem.”
    Diante destas exortações, não resta dúvidas das intenções daqueles que defendem tais práticas e não só os que as praticam. Sobre eles pesa a ira de Deus; doenças terríveis se alastram nos nossos dias, transmitidas por tais atos abomináveis, com conseqüências incalculáveis se estendendo a outras pessoas que acabam sofrendo os danos pelo pecado do outro.
    Não há justificativa para tais comportamentos ant-naturais. Jesus não veio mudar a lei e os profetas, mas, conduzi-los a verdadeiro comprimento a tudo que estava prescrito e anunciado no Antigo Testamento. Vejamos o Texto:
    Levíticos 18,22. 20,13.
    “Não te deitarás com um homem, como se fosse mulher: isso é uma abominação.”
    “Se um homem dormir com outro homem, como se fosse mulher, ambos cometerão uma coisa abominável. Serão punidos de morte e levarão a sua culpa.”
    O que dizer? Nada. A falsa interpretação tem como objetivo confundir a mente das pessoas, e conduzi-las ao erro, as lançando num lodaças de ofensas a Deus, para serem condenadas com os pecadores que não suportam uma vida santa e honesta. Em primeiro lugar vem o Amor a Deus e a si mesmo e depois ao próximo. Devo dar testemunho das santidade de minha vida para com Deus e depois ser modelo desta santidade para o outro sendo exemplo para ele se converta e viva, e não concordar com seu pecado, sob o pretexto de um falso respeito, o deixando em sua vida pecaminosa para que seja condenado e acabando por ser condenado com ele. Cuidemos para ser exemplo de santidade neste lodaçal de pecado em que vivemos em nossos dias.
    Paz e bem. Salve Maria!

     
  14. Quando leio um absurdo desses saído daqui da Bahia, fico a pensar no trabalho de acolhida e amparo humanitário que a Igreja Católica e outras Igrejas Cristãs de confissão evangélica têm prestado a pessoas homossexuais na fase mais mais crucial da existência humana. O problema é que a Igreja Católica tem que ajudar com a mão direita sem que a esquerda saiba; por isso o mundo sabe mais das suas fraquezas lamentáveis do que das suas virtudes louváveis. Eis o problema.
    Lembro-me de que tendo migrado daqui do Sertão de Canudos para o Rio de Janeiro, tornando-me servidor do antigo Estado da Guanabara, depois Estado do Rio de Janeiro, trabalhando no policiamento ostensivo noturno nas áreas da Central do Brasil, da Praça Tiradentes e da Cinelândia, tive a infelicidade de testemunhar a realidade deplorável a que chegam inúmeros homossexuais nos espaços repugnantes da exploração homossexual do Rio de Janeiro. As pessoas afetadas por doenças sexualmente transmissíveis, literalmente, apodreciam vivas e o Estado virava as costas, os movimentos de homossexuais, os movimentos filantrópicos e somente a Igreja ia lá e estendia a mão, e acolhia. Lembro-me de situações tão repugnantes que até hoje me entristecem, mas a Igreja Católica estendia a mão providencial. Também as prostitutas sofriam muito e a esse respeito o poeta Hélder Proença, vindo da Guiné-Bissau, para cursar pós-graduação na Fundação Getúlio Vargas, escreve em um dos seus poemas:
    “A mulher prostituída mil vezes
    já odeia o sexo
    e o Capital treme
    …”.
    Era e é a Igreja Católica que estende a mão, diante desse quadro.

    José Plínio de Oliveira
    (Serrinha-Bahia).

     
  15. Sou cristã, evangélica. Tenho grande expectativa com a JMJ. Oro a Deus que se manifeste, derrame sua graça sobre todos e seja uma grande bênção para este país. Mas, por que convidaram estes cantores para participarem do evento? Eles não tem nada a ver com cristianismo e suas músicas são discutíveis moral e intelectualmente! Pra quem vê de fora fica até estranho. Não dá pra mudar? Tem tanto cantor católico muito melhor do que eles…

     
  16. @Wélton Oliveira
    RESPOSTA MUITO OBJETIVA. EXCELENTE!
    NÃO EXISTE HOMOFOBIA POR PARTE DOS CATÓLICOS, MAS, SIM ÓDIO DOS HOMOSSEXUAIS PARA COM A IGREJA E PARA COM OS CATÓLICOS. ISSO É INEGÁVEL.
    MAS, UMA PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR: O QUE A IVETE SANGALO, MILTON NASCIMENTO E CIA, DEFENSORES DA CAUSA GAY, VÃO FAZER NA JMJ? QUEM OS CONVIDOU? PARA QUE FINALIDADE? SERÁ QUE QUEREM AVACALHAR A JMJ NO BRASIL?

     
  17. Nos deveriamos tambem ir pra rua e protestar pacificamente,como fizeram os evangelicos dia 05 em brasilia,eu estava lá sozinha,vi poucos catolicos protestando lá,o que eles defendem é o mesmo que nos vamos nos juntar e deixar nossas diferenças de lado.Inclusive esse negocio de cura gay é jogada da imprensa e dos lideres lgbt.em nenhuma hora eles falam de cura gay,eles nem acreditam nisso.o que foi aprovado é liberdade para o homossexual que quiser ir a um psicologo conversar, achar que com terapias pode resolver alguma situação de sua sexualidade tenha essa liberdade ,ninguem está impondo nada a ninguem.eles querem que tudo mundo entendam distorcido.infelizmente como não tem argumentos convincentes eles manipulam a socidade de maneira enganosa. vamos nos informar ler o projeto,de forma racional e analisa-mos.

     
  18. Lamartine Hollanda junior
    Você está absolutamente correto. Infelizmente, ele ao menos está no lugar do Papa, e se ele deixa de ser Papa ou não, isso ai somente Deus sabe e não nos cabe julgá-lo, já que o Papado é a mais alta instância criada por Deus em todo o orbe terrestre, e somente
    Deus tem o poder de julgá-lo. Mas nós podemos julgar as atitudes e pronunciamentos dele. E o histórico dele é horrível: Ele é totalmente comunista e ateu. Vi publicada no face uma foto dele, usando um hábito fantasiado de viado, e pelo que parece, era uma cerimônia pro homossexuais. Uma lastima. O Papa Bento-XVI, depois de ter feito uma séria investigação sobre o tema, passou uma lista de um bando de religiosos viados que estavam infiltrados dentro da Igreja, a maioria deles na alta cúpula do Vaticano. Eram um bom números de cardeais e outros. E era para ele (Bergólio) ter lançado a excomunhão pública e expulsá-los da Igreja, mas ele simplesmente se calou e deu o dito por não dito. O que temos a esperar de um Papa desse tipo? Essa é a abominação da desolação no lugar onde não deveria estar. Um espaço aberto pelo anticristo.
    Que Deus tenha piedade de todos nós e não nos deixe jamais perder a verdadeira Fé Católica, sem a qual, é impossível ser salvo.

     
  19. Esses depravados descarados não têm nenhum respeito por ninguém e agora se atrevem, além de invadir a esfera religiosa, TENTAR IMPOR O QUE UM PAPA DEVE OU NÃO FALAR NO QUE DIZ RESPEITO À FÉ, e ainda ameaça indiretamente a atos agressivos e desrespeitosos às autoridades da Igreja. É NISSO QUE DÁ ESSA INOVAÇÕES IMPRÓPRIAS!
    Se atreveM ainda a dizer que a viadagem é legal no Brasil, não que tenham tentado aprovar em lei essa depravação e imoralidade, mas dai a dizer que é lei é o cúmulo da mentira. o STF resolveu legislar a favar deles, mas o STF não tem o poder de fazer leis, logo a decisão arbitrária e equivocada do Supremo não é lei. E por último, a decisão também arbitrária e deliberada do STJ de mandar e obrigar os cartórios de todo o Pais a fazer casamentos de depravados homossexuais, sabendo se de que muito mais ainda do que o STF é a incapacidade de tomar uma decisão dessa totalmente ilegal, imoral, arbitrária, ditatorial e insana por parte do STJ, que mesmo que houvesse uma lei aprovando tal infâmia, ainda assim, não seria da jurisdição dele fazê-la aplicar, já que a esfera de ação do STJ é outra, para a qual ele foi criado pelo governo da ditadura Petista de Luiz Inácio Mula da Silva.
    Não é legal e pela graça de Deus jamais será, e mesmo que fosse legal perante os “homens” indecentes e amoral, não deixaria de ser uma depravação extrema, uma imoralidade, uma vergonha e um pecado gravíssimo contra a natureza; Uma ofensa gravíssima a Deus e aos anjos diretamente, e a todo o ser humano, dessa mesma humanidade que o mesmo Deus assumiu e a redimiu a custo de seu Sangue derramado na cruz do Calvário.
    Esse ato depravado e bestial contra a natureza humana é tão nojento que até os demônios sentem nojo. Aliás, é o único pecado que enoja até os demônios. E esses servos do demônio querem nos calar diante de tamanha infâmia e imoralidade.

     
  20. Esses depravados descarados não têm nenhum respeito por ninguém e agora se atreve além de invadir a esfera religiosa, TENTA IMPOR O QUE UM PAPA DEVE OU NÃO FALAR NO QUE DIS RESPEITO À FÉ, e ainda ameaça indiretamente a atos agressivos e desrespeitosos às autoridades da Igreja.
    Se atreve ainda a dizer que a viadagem é legal no Brasil, não que tenham tentado aprovar em lei essa depravação e imoralidade no Brasil, mas dai a dizer que é lei é o cúmulo da mentira. o STF resolveu legislar a favar deles, mas o STF não tem o poder de fazer leis, logo a decisão arbitrária e equivocada do Supremo não é lei. E por último a decisão também arbitrária e deliberada do STJ que muito mais ainda q

     
  21. Meu Deus! O que falta agora? Vem Senhor Jesus. Maranatá. Veja quantas ameaças Senhor, destes que estão a serviço do mal, e de tantos que escondem a maldade sob a mascara da virtude. Purifica a Igreja e o mundo. Olhai para suas intenções e venha em nosso socorro.
    Rezem! Rezem! Rezem! Tudo caminha para uma auto destruição. Quem esta de pé cuide para não cair.
    Salve Maria!

     
  22. É inadmissível que Luis Mott e seu grupo queiram impor a agenda homossexual ao papa Francisco I e aos católicos num evento que só lhes dizem respeito. Não queiram desdizer os ensinamentos do verdadeiro Mestre. Alegar a laicidade do estado para basear sua admoestação mostra a incoerência da atitude desses grupos, porque também eles não têm o direito de meter o bedelho nos assuntos da religião.

     
  23. Reconhecer a união civil entre pessoas do mesmo sexo é a maior pouca vergonha do Congresso Nacional. Elegemos aqueles políticos para legislarem em favor da população brasileira de uma forma geral e não em prol de uma minoria, destruidora da família cristã.

     
  24. Porque eles pensam que direitos humanos é só para homossexual? E nós Católicos, Cristãos e outras religiões que eles estão atacando de todas as formas, cadê o nosso direito? Ou eles pensam que somos todos ignorantes e temos que engolir goela abaixo os direitos deles? Todos temos direitos de livre expressão, respeito é uma coisa, intolerância é uma coisa, aceitação é outra coisa. Então senhores/ras, não queiram impor a ditadura do homossexualismo, já que voces se dizem tão liberais não é mesmo?

     
  25. Não devemos hostilizar quem pratica atos homosexuais mas não devemos incentivar ou estimular esta prática. A prática é pecado. Quem a pratica é pecador. Devemos ODIAR O PECADO mas AMAR O PECADOR. Odiar e maltratar o pecador também é pecado. Incentivar outros a pecar é um pecado maior, é o pecado da “SERPENTE” é afronta a Deus!

     
  26. Será que podemos, eficazmente, impedir que cantores militantes de movimentos homossexualizantes participem desta duvidosa manifestação da “juventude”( regida e controlada por hoje velhos militantes”católicos”, da esquerda rósea de 1955/1970), com a presença do Papa? Independentemente da posição real do atual Papa, ele não deixa de ser Papa. Neste começo de pontificado, algumas de suas posições e pronunciamentos lembram um pouco modos de agir dos “Assistentes Eclesiásticos”da Juventude Universitária Católica, dos anos 50/60.Outras são bem claramente católicas. A própria presença dele num evento de massas, com “padres”cantores românticos, de posições vagas e evasivas,cantores leigos não católicos, “slogans””moderninhos”, me parece algo extremamente inconveniente.

     
  27. O número de aderentes não transforma uma mentira em verdade. Porém, conjunturalmente, é preciso, com criatividade, fazer demonstrações, com muita gente, explicitando de modo ultra claro que homossexualismo é doença mental( definida ciberneticamente; é uma desregulagem grave em relação aos biopsicoprogramas geneticamente instalados, como norma, regra, padronização definidora do ser,na carga genética.Não é mera questão material de DNA.O DNA é o PAPEL onde, com letras Púricas e Pirimídicas, estão inscritas mensagens definidoras da estrutura e fisiologia de cada ser vivo). Não há porque, ao falar disto, fazer ênfase em “respeitos”unilaterais, e distinções que, verdadeiras, já fazem parte do acervo católico romano.Para que insistir em que devemos distinguir entre o pecado e o pecador? Claro que sim.Todo estuprador e necrófilo, assim como assassinos em série e pessoas que odeiam corintianos ou homossexuais, é um ser humano, obra de Deus, bom em si.Para que insistir nisto, e somente quando se fala dos doentes homossexuais?No caso, temos que insistir, para efeitos tático-estratégicos, que homossexualismo é doença, e sua propagamação algo instrumentalizado por poderosas forças econômicas internacionais. O desrespeito à liberdade religiosa e o aspecto pecaminoso tem que ser mencionados, explicitamente, mas a ênfase neste ponto, e não nos pontos sociológicos, científicos, nacionalistas, politicos, de opressão econômica política é, na conjuntura atual, mais importante, em termos de luta inteligente.

     
  28. Olha, pessoal dos grupos GGB e LGBT, coloquem uma coisa na cabeça de vocês de uma vez por todas. NÓS CATÓLICOS, NÃO TEMOS EXATAMENTE NADA CONTRA OS HOMOSSEXUAIS! NÓS TEMOS SIM E TEREMOS ENQUANTO EXISTIR NOSSA IGREJA, É CONTRA O PECADO DO ATO DE HOMOSSEXUALISMO. Pois bem, nossa igreja nunca matou nem induziu matar ou espancar homossexual algum, eles são vítimas da própria promiscuidade!!! Por tanto essa de homofobia é BALELA!!!!

     
  29. Esse sujeito tem muita cara de PAU, o Papa é da Igreja católica, ele vem para se encontrar com os jovens católicos, quem se encontrar presente no evento não pode ser laico, nem morno, nem LGBT, nem budistas, nem protestantes, tem que ser católicos ou simpatizantes da Igreja de Cristo.

     
  30. Quem é esse senhor para recomendar alguma coisa ao Papa, Pastor das ovelhas de Cristo? Se para essa minoria tudo é permitido, porque para a maioria a ordem é calar? O Brasil é um País democrático, se eles podem falar o que quiserem, outros também podem e devem, pois é dever moral abrir os olhos , a palavra de Deus diz que tudo nos é mostrado mas nem tudo nos é permitido, ai daqueles que ao mal chamam de bem , e ao bem, mal, que tornam doce o que é amargo, e amargo o que é doce. Estamos chegando cada vez mais próximo do abismo, reflitamos DEUS é misericórdia mas também é Justiça, se querem continuar seguindo as ordens do principe deste mundo, a escolha é deles, mas impedir que os outros tenham o conhecimento das coisas de DEUS , ai já é demais.

     
  31. Eles não tem o direito de intrometer na JMJ RIO 2013 E DETURPA tudo o que há na Bíblia porque não tem o Espírito Santo agindo neles, mas, sim o anjo que se rebelou contra Deus e agora se disfarça de anjo de luz enganando principalmente essa vida de libertinagem que muitos vivem; sexualmente é a parte mais atingida ultimamente. JESUS, MISERICÓRDIA! JESUS, EU CONFIO E ESPERO EM VÓS!

     
  32. Srs.,

    As recentes MANIFESTAÇÕES POPULARES que ocorrem em todo país, revelam que nós
    BRASILEIROS não queremos : comunismo, “inversão de valores”, falsa ideologia, falsa
    liberdade, enfim, o recado claro para o (des)governo que aí está é:CAIAM FORA, todos.
    Levem consigo TUDO que quiseram nos impor.
    SEMPRE LEMBRANDO QUE COMUNISMO E MISÉRIA ANDAM DE MÃOS DADAS COM A
    PROMISCUIDADE, E QUE, AINDA HÁ, AVE RARA QUE NÃO VOA,
    PAZ E BEM À TODOS.

     
  33. Meu DEUS, agora a Igreja e até o Papa terá que ser obediente a eles. Se a Igreja convidou os cantores para participar deste evanto já é uma declaração de respeito!

     
  34. …coitados, estão falando aos surdos … pois já cansaram a ‘ beleza ‘ de fazer tanta apologia de seus desvios , que em nada, absolutamente em nada contribui … tentaram destruir a FAMÍLIA … e não conseguiram … Contudo, não devemos ficar silentes diante de tanta depravação ‘orquestrada’ por uma minoria doentia … e EX-barulhenta, eis que seus gritos não são do eco de antes …

     
  35. PROGRAMA NACIONAL DE DIREITOS HUMANOS: A TENTATIVA DE DESTRUIÇÃO, PELA LEI, DE PRINCÍPIOS MORAIS E BIOLÓGICOS UNIVERSAIS (RESPONSABILIDADE DO GOVERNO FEDERAL)

    Leia atentamente; vamos comentar cada item. Programa Nacional de Direitos Humanos–3
    Objetivo estratégico V: Garantia do respeito à livre orientação sexual e identidade de gênero. Ações programáticas: a) Desenvolver políticas afirmativas e de promoção de uma cultura de respeito à livre orientação sexual e identidade de gênero, favorecendo a visibilidade e o reconhecimento social. Questão: A partir de qual idade do filho um pai vai ser obrigado a respeitar sua “livre orientação sexual”? Seis, oito, dez anos? Será legalmente impedido de procurar auxílio de especialista, se notar que a criança se “manifesta contrariamente ao seu sexo biológico”? b) Apoiar projeto de lei que disponha sobre a união civil entre pessoas do mesmo sexo. Recomendação: Recomenda-se ao Poder Legislativo a aprovação de legislação que reconheça a união civil entre pessoas do mesmo sexo. Questão: Imagine dois procuradores, ou juízes, ou deputados, unidos legalmente: um falece, o companheiro tem direito à pensão. Resultado: terá uma renda, somados os vencimentos e a pensão, de mais de trinta, quarenta ou cinqüenta mil reais mensais, para o resto da vida. É socialmente justo isso? A pensão foi instituída visando a viúva, do lar, sem profissão, que sobrevivia ao marido e ficava com o encargo de criar os filhos, naquela época em geral numerosos, e em tempo integral. Página 20 de 41
    c) Promover ações voltadas à garantia do direito de adoção por casais homoafetivos. Recomendações: • Recomenda-se ao Poder Judiciário a realização de campanhas de sensibilização de juízes para evitar preconceitos em processos de adoção por casais homoafetivos. • Recomenda-se ao Poder Legislativo elaboração de projeto de lei que garanta o direito de adoção por casais homoafetivos. Questão: Imagine um menino, de um ano, adotado por um par de homens: quem imitará, quando chegar à idade de imitar os pais adultos? O másculo ou o efeminado, se for o caso? E se os dois derem livre vazão a trejeitos, na intimidade do lar? Como aconselharão o filho a se portar? Como os colegas de escola reagirão, nas reuniões de pais e professores, se forem os dois pais? Ensinarão, à força, à classe de crianças, que isso é absolutamente normal? Universalizar Direitos em um Contexto de Desigualdades d) Reconhecer e incluir nos sistemas de informação do serviço público todas as configurações familiares constituídas por lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT), com base na desconstrução da heteronormatividade. Questão: As configurações familiares poderão prever, p. ex., TRÊS pessoas que coabitam sob o mesmo teto? Ou QUATRO, CINCO, de modo a dividir uma boa pensão, por exemplo, do parceiro que vier a falecer?
    A DESCONSTRUÇÃO DA HETERONORMATIVIDADE: 1º. A heterossexualidade (o termo biológico normal e comum a todas as espécies animais e vegetais, com raras exceções) não foi NORMATIZADA pelo ser humano, ninguém a criou como norma; foi estabelecida pela Natureza, há milhões de anos, desde que a vida surgiu na face da terra. O vocábulo certo é HETERONORMALIDADE. 2º. Lei alguma conseguirá DESCONSTRUIR A HETERONORMALIDADE nem impor o considerado normal, em uma categoria minoritária, à maioria heterossexual, sem a hipótese do confronto, EM INÚMERAS SITUAÇÕES. e) Desenvolver meios para garantir o uso do nome social de travestis e transexuais. Responsável: Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República Parceiro: Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República Recomendação: Recomenda-se aos estados, Distrito Federal e municípios a promoção de ações que visam a garantir o uso do nome social de travestis e transexuais. Questão: Imagine uma autoridade, militar ou civil, agora amparada por lei a “expressar sua sexualidade”, chamando você, que é seu ordenança ou secretário, ao final do expediente, e dizendo: -“ Pode me chamar agora de Fulana, é meu nome Página 21 de 41
    social. Traga um drinque para nós dois, já, ou mando-o para a cadeia (ou o mando embora da firma)”. Quem, na face da terra, sob qual lei, vai sentir-se obrigado a manter a compostura, em uma situação dessas? RESUMO GERAL:
    Homossexual algum, em qualquer época ou povo, optou pelo desvio. Não existe a chamada “opção sexual”. É muito improvável que alguém sinta orgulho, júbilo, segurança, surpresa agradável ou autoaceitação plena, ao descobrir sua inclinação sexual diferente da maioria de seu sexo. Normalmente é surpreendido pelo choque, surpresa, ou vergonha, ou profunda angústia, no princípio rejeitando e procurando ignorar os impulsos que percebe, frontalmente desvirtuados. Então vem o período de tormentoso confronto consigo próprio.
    Dependendo do grau de sua inclinação e da sua estrutura emocional, somados ao meio em que vive, pode ser até ser levado à aceitação ou, pelo contrário, ao desespero, às drogas, ao suicídio; em tempos mais modernos, em idade variada, rende-se, finalmente, ao impulso, ao mesmo tempo atraente e repulsivo para si próprio; na maioria esmagadora das vezes, há um adulto criminoso ou alguém do mesmo sexo, mais velho, na sua infância e na raiz do desvio. Quando finalmente “se assume”, como se diz, muitas vezes adota conduta e postura estereotipada, vindo então os gestos e trejeitos caricatos da postura comum ao sexo contrário, a entonação de voz fabricada e conhecida do público nos quadros humorísticos e jocosos sobre o tema, que, na realidade, é trágico e patético. Basta observar na insistência, de uns anos para cá, em programas e novelas, da inserção obrigatória de uma ou mais figura “gay”, sempre, como se fosse até ordem da produção.
    Nenhum homossexual, de sã consciência, gostaria de gerar um filho à sua imagem.
    Educar e ensinar a tolerância, o respeito às individualidades, o convívio com as diferenças, mesmo que anormais, portanto, é postura louvável, humana e civilizada. Mas impor uma aceitação como normalidade, à força de lei, daquilo que em si é contrário à natureza biológica dos seres, e querer silenciar, também à força de lei, o livre direito às opiniões contrárias, é impossível e muito perigoso, além de ser inconstitucional; e tal artificialidade certamente aumentará, de modo velado, a tensão entre as correntes contrárias, até à explosão. E um dia virá a lei, à força, impor o reconhecimento do direito da criança de três ou quatro anos a “manifestar sua livre e incipiente opção pela homossexualidade”, por querer usar trajes e adereços do outro sexo e os pais quererem e não poderem impedir.
    Isso, com toda certeza, mais cedo ou mais tarde, desembocará em confronto sangrento entre facções e grupos exacerbados pelo acúmulo de imposições legais absurdas e destituídas de bom senso. Qualquer pessoa de mediana capacidade de análise percebe isso. Os criadores desse monstro legal devem estar, a essas alturas, radiantes com a infiltração e o grau de quebra do senso comum, até agora já conseguidos na sociedade. Devem, portanto, assumir suas responsabilidades pelo desenrolar dos acontecimentos e estar cientes de que, nem sempre, a realidade pode ser guiada de dentro das salas de aula, sindicatos, partidos ou mesmo pelo governo, ou prevista pela teorização nas cátedras ou imposta por decretos, ao reformularem e tentarem ressuscitar, sociológica e filosoficamente, cadáveres insepultos de doutrinas ultrapassadas e fracassadas há mais de meio século. Assim foi com o comunismo, foi com o nazismo e agora com o neossocialismo latino, na sua busca insana, histriônica, criminosa (como na Colômbia, na Venezuela, Equador, Bolívia, Argentina), anacrônica e suicida, pelo reino da felicidade programada e imposta à força.
    Preparem-se todos, pois o combate, uma vez desencadeado, parte as rédeas, como o ensina a História, e seus responsáveis são sumária e cruelmente destruídos, quando não se autodestroem antes.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome