Sob o slogan “a Polônia apela às consciências dos seus habitantes” , realizou-se no dia 29 de maio em Varsóvia a 6ª. Marcha em defesa da vida e da família, iniciativa da Associação pela Cultura Cristã Padre Piotr Skarga e da Fundação Dia Nacional da Vida.

A grande multidão de cerca de 20 mil pessoas gritava slogans em defesa da família, portando muitos cartazes como “stop aborto” e “direito de nascimento para cada criança.” Famílias inteiras, inclusive avós, acompanharam a marcha com grande entusiasmo.

Deram tom a grande manifestação delegações da TFP e associações co-irmãs de vários países como Brasil, Estados Unidos, França, Alemanha, Áustria, Bélgica, Lituânia e Estônia.

Dezenas de padres e freiras se fizeram destacar entre a multidão, assim como vários deputados e pessoas de destaque no mundo político polonês.

Cabe ressaltar que a marcha deste ano foi precedida por um abaixo-assinado relâmpago que em duas semanas reuniu mais de 500 mil assinaturas pedindo a proibição total do aborto na Polônia, encaminhado à Assembleia Legislativa no mês de abril. “Nossa Pátria se defronta hoje com muitos problemas difíceis, sociais, econômicos e políticos. Entretanto, o problema básico é a ordem moral, fundamento da vida de cada pessoa e de cada sociedade. Por isso a Polônia apela hoje sobretudo à consciência de seus habitantes” – lemos no apelo dirigido aos deputados.

Aos interessados, ver www.piotrskarga.pl

 

4 COMENTÁRIOS

  1. bem disse Pe; José Algusto a palavra de Deus nos esclaresse, isso basta, não a que se argumentar arrumando um jeitinho, temos mesmo que ser radicais de acordo com a palavra sem agreções mas sem concordar com que vai contra os principios cristãos!

     
  2. Fico feliz quando leio este tipo de noticia: “MARCHA EM DEFESA DA VIDA E DA FAMÍLIA”. Que seria da humanidade sem a família!!? Se perguntar a qualquer pessoa, principalmente criança, se ela gosta da idéia de ver os pais separados, acredito que uma certa tristeza invade os seus rostinhos logo de imediato. Falo da família que cuida, educa, orienta, da amor e carinho… da junção de 1 homem + 1 mulher, mesmo que estes fossem adotivos.

    É preciso orientar “mais” os jovens em casa. Deveria existir também nas escolas orientação e conscientização sobre a seriedade e a importancia de “formar família”, pensando na família feliz, não apenas em “casar-se”. E o pior é que hoje a moda é “juntar os trapos”, se deu certo bem, se não deu, cada um pra um lado. Ninguém quer assumir compromisso!!!!!! Infelizmente muitos se desculpam no fato de que: “casar na igreja custa caro”! Que nada! Basta querer e levar a sério. O sacerdote abençoa de gratis.

     
  3. Precisamos muito criar uma lei que permita o ensinamento da BÍBLIA SAGRADA nas escolas. Mas a BÍBLIA SAGRADA; não as religião, porque está é a palavra de DEUS.( Jesus dizia,pois, aos Judeus que criam nele:se vós permanecesdes na minha palavra, verdadeiramente,sereis meus discípulos e conhecereis a verdade,e a verdade vos libertará.) João cap.8 – ver. 31-32. JESUS disse: (se pois,o Filho vos libertar, verdadeiramente, sereis livres)ver. 36 Quem liberta é a Palavra, a Palavra de DEUS. amem

     
  4. É isso que gostaria de ver aumentar no Brasil, manifestações contra a imposição de uma agenda dita “laica” mas que é contra todos os mais verdadeiros princípios critãos.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome