WASHINGTON DC, 31 Jul. 15 (ACI) – Políticos americanos recorreram às redes sociais para criticar a diferente cobertura dos meios que recebeu a morte de um leão na África e os abortos e o tráfico de órgãos de bebês executado pela multinacional Planned Parenthood.

A morte do leão conhecido como Cecil do Zimbábue, localizado no sul da África, despertou uma onda de indignação nas redes sociais, pois era uma importante atração para os turistas no Parque Nacional Hwange. Walter Palmer, um dentista americano costumava caçar com arco e flecha, caçou o leão depois de pagar 50 mil dólares para “garantir uma caça legal”.

Por outra parte, grandes diretivas da Planned Parenthood – a maior multinacional abortista do mundo – foram gravadas através de uma câmera escondida negociando valores entre 30 e 100 dólares pela venda de órgãos e tecidos de bebês abortados em suas instalações. Cerca de dez estados do país e o Congresso dos Estados Unidos iniciaram investigações sobre esta organização abortista.

A maior parte da imprensa americana procurou primeiramente silenciar as denúncias contra a Planned Parenthood e posteriormente tentou defender a multinacional pró-aborto.

O senador americano Marco Rubio, no dia 29 de julho, através do Twitter manifestou sua crítica pela diferente cobertura entre o caso da morte do leão africano e o caso do negócio da Planned Parenthood.

“Olhem todo este escândalo por um leão morto, mas onde está o escândalo pelos bebês mortos na Planned Parenthood”, escreveu Marco Rubio.

Em menos de um dia, a publicação superou os 3 mil e 100 retuits e aproximadamente 3 mil e 200 favoritos.

“O fato de que muitas pessoas na imprensa nacional estejam mais preocupadas com o leão Cecil do que com a Planned Parenthood matando bebês e recolhendo seus órgãos é inadmissível”, declarou o ex-governador do estado de Arkansas Mike Huckabee.

 

4 COMENTÁRIOS

  1. EIS OS FRUTOS DA ENGENHARIA SOCIAL!
    A explicação para esse fenômeno do repudio globalista pela morte do deus leão Cecil numa sociedade cada vez mais nivelada a ele e sua natureza animal, portanto selvícola, é evidente que os semelhantes sentem as suas dores na própria pele: compreensível, pois são quase ou, que sabe, da mesma estirpe!
    O homem presente, imensa quantidade já submergida nas diabólicas ideologias “libertadoras da opressão”, do Senhor Deus e da fé católica, só não percebe que está próximo – se não que já está – é de que foi capturado pelos globalistas, que o escravizarão e farão dele gado marcado!
    É bom notar que o satanismo também está implicado no esquema globalista que odeia o Senhor Deus, fique bem claro!
    Tomar a defesa do deus leão Cecil já são sintomas de ter sido automatizado pelo novo sistema escravagista, o qual detonará sua alma; seu corpo será apenas material para uso do deus Estado!
    E quando acordar de ter sido enganado?
    É tarde; já caiu na rede!

     
  2. Que tempos sombrios, estes!

    Posso visualizar, no meio dos manifestantes que se instalaram em frente à residência do dentista algumas mulheres que, tendo se submetido a vários abortos erguem, furiosas, cartazes chamando-o “assassino” e “apodreça no inferno”.

     
  3. Por que razão procuram inocentar a multinacional do Aborto, Planned Parenthood. Porque nao há na nossa imprensa um clamor? Os chamados grandes meios de comunicação estão sendo GRANDES MEIOS DE ABAFAMENTO das consciências.
    Isso se chama cumplicidade com o mal
    MCosta

     
  4. O mundo não merece mais que um grande castigo onde muitos pereçam a causa de suas iniquidades, entre elas, a de se importar mais com os animais do que com pessoas.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome