Pierre-Louis de La Rochefoucauld, duque de Estissac, e sua esposa a duquesa Sabine
Pierre-Louis de La Rochefoucauld, duque de Estissac,
e sua esposa a duquesa Sabine

Pierre-Louis de La Rochefoucauld, duque de Estissac, declarou ao jornal irlandês “The Irish Times”, que ele não comemora o aniversário da queda da Bastilha, fato revolucionário que marcou o início da derrocada da monarquia na França.

O duque afirma que são muitos os nobres franceses que assumiram essa posição, e que o socialismo ovante do presidente François Hollande os vem reforçando nessa recusa.

Beato Pierre-Louis de La Rochefoucauld-Bayers (1744-1792), bispo de Saintes, mártir da Revolução Francesa
Beato Pierre-Louis de La Rochefoucauld-Bayers (1744-1792),
bispo de Saintes, mártir da Revolução Francesa

“Na Revolução Francesa nós tínhamos que fugir, nos esconder ou sermos mortos”, explica. No dia da Bastilha, há 224 anos, seu antepassado François Alexandre Frédéric de La Rochefoucauld foi interrogado pelo decadente rei Luis XVI se havia uma revolta em Paris.

E ele respondeu com uma frase célebre: “Não, majestade. Não é uma revolta, é uma revolução”.

Desde então se sucederam nove gerações de La Rochefoucauld, família cuja linhagem está solidamente estabelecida há pelo menos mil anos, desde Foucaud I em 1019.

Cerca de 15 membros dessa família foram guilhotinados durante as criminosas jornadas revolucionárias.

O mais renomado é o Beato D. Pierre-Louis de La Rochefoucauld, Bispo de Saintes, assassinado no cruzamento das ruas de Assas e Vaugirard em Paris, após ser encarcerado com 150 outros clérigos na capela dos Carmelitas, durante as sanguinárias “jornadas de setembro” de 1792.

“Ordenaram a eles reconhecer a nova Constituição da Igreja sob a Revolução. E todos disseram ‘Não’. Eles foram levados um por um ao jardim, onde dúzias de ‘patriotas’ caíram acima deles matando-os com martelos e facas”.

D. Pierre-Louis de La Rochefoucauld foi beatificado em 1920 e seria canonizado não fosse o fato, segundo o duque, de o Episcopado temer o governo republicano.

“Na França, todo governo empossado julga que a Revolução Francesa foi uma coisa maravilhosa”, diz ele com tristeza.

Mas, “se o senhor for a uma igreja, encontrará pessoas como eu. A cavalaria é a base da velha nobreza, e a fé católica é a base da cavalaria. Em toda Europa há famílias como a nossa”, acrescenta.

Manifestação contra o 'casamento' homossexual, Paris
Manifestação contra o ‘casamento’ homossexual, Paris

O duque não é de ir a manifestações de rua, mas saiu duas vezes no inverno passado para protestar contra a legalização do “casamento” homossexual. Os manifestantes estavam “felizes e simpáticos, mas eu fiquei horrorizado com a conduta da polícia”, observou ele.

Se dúvida pudesse haver, o ministro da Educação socialista, Vincent Peillon, afastou-as de uma vez. No seu livro A Revolução Francesa não terminou, ele incita a acabar com a religião católica e os conservadores religiosos em geral, acusando-os de se oporem à ideologia de gênero e ao “casamento” homossexual.

Para o duque, o atual governo socialista é a continuidade hodierna do regime do Terror jacobino.

Na França, seis mil nobres lutam para frear tanto a erosão de suas propriedades – simbolizadas pelos seus castelos – quanto as suas tradições, inscritas em quase todos os cantos do país.

O duque gosta de caçar na floresta de Orleans, prática secular intimamente ligada aos primórdios da nobreza na Idade Media, que a legislação socialo-ecologista quer proibir.

O duque vive de sua terra e tem em horror à expressão anglo-saxã “fazer dinheiro”. “Eu acho que é horrível, horrível. E eu não estou sozinho nisso”.

Castelo de Bonnétable: restaurado e mantido pela família La Rochefoucauld. A nobreza mantém de iniciativa própria grande parte do patrimônio histórico familiar da França
Castelo de Bonnétable: restaurado e mantido pela família La Rochefoucauld.
A nobreza mantém de iniciativa própria grande parte
do patrimônio histórico familiar da França

Ele objeta as fortunas baseadas nas finanças, pois provêm e produzem coisas que têm uma realidade fictícia, passageira, enganadora.

Aparentemente, essa atitude dos nobres seria partilhável pelo presidente socialista Hollande, que se diz contrário ao capitalismo, bem como por muitos outros arautos que gostam de se exibir como defensores dos pobres.

Mas pode-se “tirar o cavalo da chuva”, pois esses “generosos” e “humildes” populistas odeiam as posições da nobreza, porque estas se inspiram verdadeira e sinceramente no exemplo de Nosso Senhor Jesus Cristo.

 

7 COMENTÁRIOS

  1. O comentário de Renan está coberto de razão. O comunismo/socialismo está intimamente ligado ao satanismo e os Illuminati com a sua Nova Ordem Mundial estão por trás disso tudo. No Brasil estão representados pelo PT/Lula/Dilma cujo objetivo é criar o caos no país e assim criar condições favoráveis para a implantação da NOM visando um governo global através do anticristo, uma só religião (a dele), uma só moeda (virtual), redução da população para melhor controlá-la e escravização dos que restarem os quais serão obrigados a trabalhar e pagar altos impostos para sustentar uma elite tecnocrata e opressora dentro de uma sociedade Orwelliana. Não hesitarão em deflagrar a III guerra mundial para atingir seus objetivos. Entrevistado recentemente, Henry Kissinger (Illuminatti) declarou que: “quem não estiver ouvindo os tambores da guerra é PQ é surdo”. Também Putin (Russo) alertou seu generais: “Preparem-se para o Armagedon”. Pesquisem sobre as atividades da FEMA nos EUA. Já construiu 3.800 mega campos de concentração no território americano sem falar nos abrigos subterrâneos. Estocou mais de 5 milhões de urnas mortuárias de plástico cada uma para 4 cadáveres em vários estados. Está fazendo enormes estoques de alimentos não perecíveis. Para que tudo isso? Pesquisem também sobre a HAARP e os CHEMTRAILS. O anticristo está jogando sua derradeira cartada para dominação da humanidade e agora virá com tudo! Em nosso país está representado pelo PT e todos aqueles que conscientemente ou não o apoiam. Só não vê quem não quer, está tudo evidente mas o povo alienado prefere não acreditar e pagará muito caro por isso. Que Deus e Cristo nos ajudem!

     
  2. Querem por todo o custo matar a Força Misteriosa que é Jesus dos corações das pessoas.Herodes Antiguas no ano 43 DC continua rondando e encarnando na Franco-Maçonaria e agora os Iluminatti, nunca houve igualdade, solidariedade, fraternidade entre os povos.Somente quem está no poder tem também o poder de matar as pessoas nas virtudes da moral e da ética como o satânico Marx.Tudo passa somente Deus não passa e continua cada vez mais forte no mundo inteiro.

     
  3. Deus tenha compaixão de nos. Os iluminati estão no poder em vários países inclusive Brasil. A única maneira de combatermos será muita oração de coração puro e muitas lagrimas implorar Jesus.

     
  4. Podemos e devemos lembrar que a voz do nobre Rochefoucauld não ecoa
    sózinha , ela é seguida por uma multidão de vozes anônimas ou vozes
    oriunda do povo. Em todas as partes do mundo várias gentes já se
    pronunciaram contrárias as teorias marxistas ou socialismo. O que está por trás “disso” é algo complexo , inominável , ao menos por enquanto.
    UMA COISA É CERTA. O livro APOCALÍPSE cita todos esses acontecimentos
    narra o flagelo à que são submetidos todos os que creem em DEUS em
    CRISTO e no DIVINO ESPÍRITO SANTO. Há inúmeras profecias comprovando os escritos do APOCALÍPSE , esses vem da antiguidade até os nossos dias.
    DEVEMOS PERMANECER FIÉIS , DEVEMOS ENCARAR O INIMIGO DE FRENTE SEMPRE
    NOS LEMBRANDO QUE O ASSASSINO CONTUMAZ É TAMBÉM O PAI DA MENTIRA , LOGO A MAIOR MENTIRA É ELE PRÓPRIO , ENFRENTÁ-LO É O PRIMEIRO PASSO PARA VÊ-LO CORRER !!! E SAIBAM , ELE CORRE E MUITO.

    SEMPRE LEMBRANDO QUE COMUNISMO E MISÉRIA ANDAM DE MÃOS DADAS COM A
    MENTIRA , A DOR E A MORTE , E MAIS , QUE AINDA HÁ AVE RARA QUE NÃO VOA,

    PAZ E BEM À TODOS DO BEM.

     
  5. O comentário do Renan está dizendo tudo o que deve ser ensinado nas escolas, universidades, mostrar a verdadeira face dos ídolos, estão preparando estudantes para no futuro serem peças na engrenagem socialistas/comunistas.
    Eu sinceramente, não tenho mais vontade de o curso superior, vão querer me ensinar o que não quero aprender.

     
  6. QUEM MESMO ESTÁ POR DETRÁS DOS TERRORES DOS GOVERNOS E PARTIDOS COMUNISTAS…
    O grande historiador Richard Wurmbrand faz uma radiografia geral dos comunistas e suas alianças com os satanistas, a começar de um livrinho de anotações que continha alguns dados sobre as possíveis ligações entre Marx a cultos satanistas.
    Posteriormente, ele mesmo foi por sinal 14 anos prisioneiro nos campos de concentração romenos, pesquisou uma quantidade enorme de documentos e correspondências e aprofundou pesquisa biográfica minuciosa sobre Marx, especialmente quando freqüentou a Universidade de Berlim — sem se esquecer quando morou em Colônia (1842), onde trabalhou como co-editor da Gazeta do Reno — fase em que Marx, negando Deus, “tornou-se um adorador de Satã e ativo cultuador de práticas e hábitos esotéricos”.
    Wurmbrand, em detalhes, registra nessa época que Marx mudou inteiramente de conduta: longe da casa paterna, ao repudiar Cristo, ele tornou-se um violento alcoólico e atuante membro do “Clube Tabernário” e, com um bando de estudantes porristas, Marx organizava rituais de magia negra, professando a idéia de “chutar Deus do Céu” e tinha acessos de proferir blasfêmias contra Deus e bradava sempre em ira incontida: “Eu o destruirei! Eu o destruirei”.
    Houve algumas repreensões de familiares, como seu pai de estar possuído, mas ele calava-se; parecia dominado por forças demoníacas, parecendo ter sido contaminado pela leitura do “Fausto”, a peça teatral de Goethe em que o personagem central faz um pacto com a figura de Mefistófeles, o “diabo em pessoa”.
    Dado curioso: a mudança de Marx não se deu apenas no plano espiritual, pois seu exterior modificou, tornando-o uma pessoa de aspecto repelente ao olhar.
    Marx enganou-se em tentar abolir a religião da terra, pois a crença na existência de uma força transcendente criadora do Universo nunca se extinguiu; ao contrario, e o cristianismo penetra até em países hostis de forma impressionante e aumentam os fiéis na crença em Cristo.
    Quanto à Marx, reconheça-se que o seu espírito maligno permanece atuante — representa as ações de Satã no mundo atual via governos comunistas eleitos por pessoas que os apoiam, compartilhando com eles contra tudo que seja Deus e a lei natural: casamento homossexual, pedofilia, aborto etc., aumentando o pesadelo social trazido por onde passam com suas bandeiras vermelhas representando o sangue dos adversários, ou mais, com a estrela de 5 pontas que é o pentagrama satânico, deixando o rastro de ateísmo, destruição, atraso, opressão, miséria, violência e morte, tendo como exemplos os escravagistas países-prisões Cuba e Coreia do Norte.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome