O exorcista

8

GiottoSaoBento

As Sagradas Escrituras apresentam muitos casos de possessão diabólica, quando um ou mais demônios se apoderam das pessoas. No Novo Testamento, o evangelista São Mateus cita o mandado de Jesus Cristo: “Curai os enfermos, limpai os leprosos, ressuscitai os mortos, expulsai os demônios” (Mt 10,8).

Para São Boaventura, a argúcia e a espiritualidade dos demônios os levam a penetrar nos corpos e neles se fixarem; por sua força angélica, eles podem atormentá-los, a menos que o impeça um agente superior, ou seja, um padre exorcista. Adolphe Tanquerey, teólogo francês, assim explica a ação do demônio sobre os homens:

“Cioso de imitar a ação divina na alma dos santos, esforça-se o demônio por exercer também o seu império, ou antes, a sua tirania sobre os homens. Às vezes (…) instala-se no corpo e move-o a seu talante, como se fosse senhor dele, a fim de lançar a perturbação na alma”. A este fenômeno se chama possessão.

O possuído, às vezes se contorce, fala palavrões, se movimenta como se fosse uma serpente, se debate, quebra tudo ao seu redor, seus olhos se movimentam desordenadamente, entende a língua latina com perfeição, exerce uma ação demasiadamente grande, que usa da força que um ser humano é incapaz. Na residência onde vive ele impõe a desordem e o desequilíbrio.

A sua atuação, na cidade ou na região, é como se fosse uma cabeça de ponte para as influências malignas, em oposição à ação benfazeja da Eucaristia no sacrário. Sem dúvida, exerce uma ação diametralmente oposta à influência sacralizante da Igreja na sociedade.

Isso explica a razão pela qual as tendências, os humores, os pendores e as inclinações das pessoas da região onde vive o possesso fiquem mais vulneráveis às tentações e às infestações, bem como à aceitação de certas ideias, chavões, mentiras, boatos e pecados. Trata-se de uma ação sobre a opinião pública, criando clima psicológico favorável a atuação dos maus. O Ritual Romano – livro oficial do cerimonial eclesiástico – explica os sinais pelos quais se conhece a possessão.

O antídoto eficiente para combatê-la é o exorcismo, feito em nome de Deus e da Igreja. Ele não apenas põe em fuga o demônio, devolvendo a paz à alma, mas abala todo o edifício satânico. A doutrina da ‘comunhão dos santos’ ensina que há comunicação espiritual entre os membros da Igreja. Por que não haveria a ‘comunhão dos condenados’?

Uma figura adequada para retratar esta realidade é a dos vasos comunicantes. Na comunhão dos santos, uma alma que faça um ato de virtude potencializa todas as virtudes dos fiéis e dos santos. Na ‘comunhão dos demônios’, um demônio que se apodera do corpo comunica a sua perfídia a todos os seus congêneres da terra, dos ares e do inferno.

A possessão de um corpo equivale, portanto, a uma torre de comando através da qual os demônios exercem a sua ação malfazeja para destruir a sociedade. Só o exorcista tem o poder de quebrar esta comunicação entre os demônios e os homens, pois não basta uma simples pregação, um conselho ou uma admoestação. Isto ajuda, mas não basta.

Pela comunhão dos santos, o exorcista enxota o demônio com essas palavras: “Conjuro-te diante de Deus e pela autoridade a mim concedida pela Igreja, retira-te espírito maligno desta pobre criatura, em nome de Deus Pai, em nome de Deus Filho, em nome de Deus Espírito Santo, em nome da Santíssima Virgem e de todos os anjos e santos da Corte Celestial, retira-te espírito maligno e não o apoderes mais”.

Esta ação do sacerdote, investido do poder divino e agindo em nome da Igreja, obriga o demônio a se retirar. Aparentemente ignorada, tal ação repercute na Corte celeste, na luta dos bons contra os maus. Pois se ao vicejar um vício todos os demais vícios ficam motivados e abalam as virtudes que se lhes são opostas, assim também se passa com a virtude: quando uma boa ação é praticada, todas as demais se revigoram.

Com efeito, nenhuma ação do homem é indiferente. Ao deixar o possuído, o demônio se contorce, estertora, lança-se de um lado para o outro; a estrutura dos demônios fica abalada pelas consequências daquela derrota. Em contrapartida, os fiéis se sentem fortalecidos nas suas virtudes, e Deus, Nossa Senhora e a Santa Igreja são glorificados.

Pe. David Francisquini é sacerdote da Igreja do Imaculado Coração de Maria – Cardoso Moreira-RJ

 

8 COMENTÁRIOS

  1. Prezados irmãos em Jesus Cristo.
    Excelente o artigo em especial porque assina um sacerdote que estimo muito e faz excelente trabalho de catequese.
    Sobre o tema, tive a felicidade de ler o que mais atual há na Igreja Católica sobre o diabo e sua ação.
    É um livro que felizmente está na internet e pode ser feito Dauloud sem custo algum. Está em espanhol mas parece para quem quer em português que já há tradução com impressão e distribuição no Brasil. É só ver no Google.
    O livro é escrito por um dos grandes exorcistas que é o Padre Fortea, conhecido mundialmente e com uma imensa gama de outros excelentes livros disponíveis em seu site para dauloud.
    O site é http://www.fortea.ws
    O nome do livro é SUMA DEMONÍACA.
    Depois de ler-se este livro, poucas dúvidas ficarão sobre o maligno e suas ações.
    Que Deus abencõe a todos.

     
  2. Institutos como o IPCO – Instituto Plínio Correa de Oliveira , Associação Vinde Nossa de Fátima, Não Tardeis !, Dom Bertrand de Orleans e Bragança ,
    Olavo de Carvalho, esses fazem a verdadeira PASTORAL. No entanto, recebem da Igreja Católica algum agradecimento ? Esses fazem o Trabalho que os Bispos, a cnbb deveria fazer. Quando será …..?

     
  3. Gostaria de comentar o fato de termos na vice-presidência da republica do Brasil um homem, chamado Michel Temer, que é SATANISTA, e como tal se apossou dele um demônio muito forte, uma vez que na Irmandade Satânica que ele faz parte ele é de uma posição alta no meio dessa comunidade satânica. E isso não é invenção, pois ele mesmo, quando o Papa esteve no Brasil em uma de suas falas ao Papa se confessou SATANISTA sem nenhum alarde, dizendo que como a constituição do Brasil é Laica, ele não temia declarar-se pertencente ao satanismo.
    Em razão desse fato é que podemos sentir o quanto o Brasil andou para traz depois que o PT se associou como PMDB na governança do País, pois o que já era ruim, o governo nas mãos do PT, e associado com Satanistas, sim satanistas pois não é só o Michel Temer que é satanistas existem outros parlamentares eleitos que o são também, e é por isso que o Brasil passa por essa crise violenta e corrupção aumentou tremendamente se tornando o Brasil o campeão Mundial da Corrupção. Como diz as Escrituras Sagradas: O DIABO VEIO PARA MATAR, DESTRUIR E ROUBAR..” O governo do nosso país, infelizmente está nas mãos de pessoas que são dirigidas e adoram a satanás. O que podemos esperar. É orar para que Deus, que é quem dirige a história do mundo, intervenha a favor dos justos que esao sendo castigados pelo mal governo, e que Ele dê o castigo merecido aos satanistas.

     
  4. As Escrituras dizem: “E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; (…)” (marcos 16.17). Assim sendo, qualquer pessoa que realmente crer no evangelho e tenha uma vida santificada está habilitado a expelir demônios. Não é necessário fórmulas especiais, mas usar a autoridade do NOME do Senhor, Jesus Cristo.

     
  5. A Cruz Sagrada seja minha luz,
    Não seja o dragão meu guia.
    Retira-te, satanás, nunca me aconselhes coisas vãs.
    É mau o que ofereces, bebe tu mesmo os teus venenos. Amém.

     
  6. “COM EFEITO NENHUMA AÇÃO DOS HOMENS É INDIFERENTE”.
    EU FICO IMPRESSIONADO COMO A EXPLICAÇÃO TEOLÓGICA DO PE. DAVID FRANCISQUINI,É A CONFIRMAÇÃO DOUTRINÁRIA DA REVOLUÇÃO NAS TENDÊNCIAS DADA MAGISTRALMENTE POR SR. DR. PLÍNIO CORRÊA DE OLIVEIRA EM SUA OBRA MESTRA ” REVOLUÇÃO E CONTRA REVOLUÇÃO”.

     
  7. O DIABO É UM OPORTUNISTA DE PLANTÃO.
    O PIOR É QUE VIVEMOS NO SÉCULO DE SATANÁS!
    O que existe entre os cristãos naturalmente são as tentações, mais ou menos fortes dependendo de a pessoa ser mais ou não santa – embora os que procuram se santificarem possam ser mais tentados a mudarem de rumo – sendo as instigações que Satã faz para o mal, como que um teste seletivo para os que aderem a Jesus de forma verdadeira ou exteriormente apenas.
    Veja o conselho de Jesus na bíblia: “Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar; ao qual resisti firmes na fé, sabendo que as mesmas aflições se cumprem entre os vossos irmãos no mundo.” 1 Pd 5:8-9.
    Uma casa ocupada não pode ser invadida, um corpo que é habitação do Espírito de Cristo não pode ser violado pelo diabo, mas ele fica ao redor, tentando redirecionar nossas atitudes, ações e até nossos pensamentos para o mal, mas não nos dominar ou se apoderar de nossas atitudes, ações e pensamentos, salvos em caso de possessão, algo muito raro.
    Dessa forma, o diabo não entra em nosso coração e dita as regras; fica à espreita aguardando que lhe dê as chances para agir e pender para seu lado e, regra geral, se apossaria de pessoas em piores situações espirituais, facilitando-lhe o domínio, como no caso dos alheios à fé, relapsos, apóstatas, comunistas e islamitas que lhe entregaram a alma para seus fins, obedecendo a princípios anti Cristo.
    No mundo atual o diabo está à vontade, com tantas ideologias que o privilegiam, como as comuno-marxistas, perversidades, corrupções éticas-morais por aí nas tvs, vídeos, BBBs, novelas, seitas esotéricas, espiritismo, grave imodéstia, publicamente muitas mulheres, até idosas, vestindo-se piores que prostitutas nas portas de boites etc.
    Note-se que certas características externas – tatuagens de cobras, lagartos, escorpiões, adesão ao satanismo como nos Heavy Metal, espiritismo, animismo ou portando mensagens subliminares – demonstrariam afeição a ele ou já seriam seus fantoches o representando.
    Assim, no momento atual muito pouco admitido como existente ou lembrado – ele ajuda nisso – evita até entrar nas pessoas para não as assustarem e procurarem a fé e os sacramentos para se protegerem dele!

     
  8. O demônio anda agindo sutilmente em nossas vidas, não o vemos, ou não queremos vê-lo, fugimos da realidade de nossas vidas, buscamos o prazeroso, o mais fácil, o melhor, as coisas do mundo, nos afastamos das coisas de DEUS. Depois de tudo isso vem a desgraça, ficamos sem a graça de DEUS, culpa de nossos próprios atos. Vejam pelo que ocorre em nosso País, em nossa cidade, no estado, enfim, no mundo. Ou damos um basta a tudo que não agrada a DEUS, ou deixamos realmente o demônio entrar e fazer de nossas vidas um inferno. Acordemos irmãos enquanto é tempo.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome