Padre Pio e o direito de propriedade

Lição de um santo para a CPT, CIMI, CIR & Cia

Padre Pio“Os comunistas ameaçam arruinar a sociedade e a pátria. Seus princípios são insustentáveis e inadmissíveis, seja no que se refere à ordem temporal, porque vão contra o direito de propriedade, de onde se segue uma infinidade de males; seja no que se refere à ordem moral, porque vão contra todo princípio de uma sã moralidade, assim como contra a autoridade legítima”.

Fonte: (Lavori Scolastici, Edizione Padre Pio da Petralcina, Convento Santa Maria delle Grazie, San Giovanni Retondo, Foggia, 1993, p. 380).

 

3 COMENTÁRIOS

  1. “Os comunistas ameaçam arruinar a sociedade e a pátria. Seus princípios são insustentáveis e inadmissíveis, seja no que se refere à ordem temporal, porque vão contra o direito de propriedade, de onde se segue uma infinidade de males; seja no que se refere à ordem moral, porque vão contra todo princípio de uma sã moralidade, assim como contra a autoridade legítima”.
    Santas Palavras

     
  2. Imagino José no Egito, e o mesmo Rio Nilo, oferecendo em suas margens, o limo fertilizante. Na época, pelos estudos históricos, as margens eram subdivididas a cada ano depois das cheias do Nilo, e de acordo com o numero de familias a trabalharem na produção de alimentos. Tinham que combater as vacas magras ameaçadoras.
    Depois que dividiram o Brasil em Capitanias Hereditárias nas mãos de poucos, e sesmarias – terras improdutivas nas mãos de muitos, cresceu os interesses e egoismos pelas riquezas representadas pela posse da terra. O que Deus criou virou patrimonio de donos do mundo, que podem obter créditos pela garantia da terra que possuem. Quem não tem terra, pelo menos tem onde cair morto – qualquer lugar serve – , enquanto a permanecer vivo… seria outra história!

     
  3. É alentador saber que padre Pio — por quem tenho devoção particular, pois estando em leito de hospital recebi graças de cura por intercessão dele — também era defensor ardoroso do direito de propriedade como princípio.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome