Relativismo na academia reduz sexo a “gênero”

Reproduzimos do “Blog do Orlando Tambosi” matéria que constitui um aspecto da grande Revolução Cultural na qual estamos inseridos. Revolução esta que visa debilitar os alicerces de nossas convicções mediante mecanismos silenciosos, como a descrita na matéria abaixo, produzindo uma mudança de mentalidade oposta ao da civilização cristã.

***

A praga relativista que infesta as universidades inoculou em quase todas as áreas os tais “estudos de gênero”. Surgida no final dos anos 80, a coisa migrou da crítica literária e da antropologia para outros setores, sempre sob a bandeira do feminismo – uma “nova ideologia”, segundo o cientista político britânico Andrew Heywood.

Em poucas palavras, essa ideologia acabou substituindo o termo “sexo” pelo de “gênero”. Ora, gênero é apenas um termo gramatical aplicado a palavras, e não a seres vivos. Em alemão, por exemplo, o gênero gramatical de menina é neutro, mas o sexo é feminino. Não me canso de perguntar: com tal subterfúgio, pretenderiam os cultivadores dessa moda acadêmica “pós-moderna” reduzir a cultural uma diferença que é biológica?

A propósito, o livro de Heywood foi publicado pela Editora Ática em 2010: Ideologias políticas – do feminismo ao multiculturalismo. Trata-se de um bom panorama do tema.

 

4 COMENTÁRIOS

  1. Caros irmãos,
    Estou fazendo uma pós graduação em Gestão de Politicas Publicas com ênfase em Gênero e Raça, que tem o patrocino da UNESCO que trata justamente sobre a defesa da implementação da Ideologia de Gênero. Estou horrorizado de como essa ideologia já está impregnada em nossa nação. Afim de ajudar os irmãos na reflexão escrevi um artigo em meu blog que pode esclarecer. Neste texto eu falo com propriedade e conhecimento de causa, pois ter acesso a essas informações, faz parte de minha rotina de estudos. Gostaria de compartilhar com vocês este texto, para que sejam multiplicadores de verdadeiras informações acerca desse veneno mascarado em projetos de amparo as classes minoritárias. Acessem: http://www.claudiosemeai.blogspot.com Que o Imaculado Coração de Maria nos proteja e nos dê força e a coragem de resistir!
    Claudio R Silva

     
  2. Lixo. Obra do fundo do inferno, para enganar.

    – No principio Deus Criou macho e fêmea.

    – Homem e Mulher, e juntando os dois nasce uma vida. (uma vida)

    – E não Adão e Adão OU Eva e Eva.

     
  3. Não querendo ser profeta, pois precisaria estar muito próximo do Nosso Senhor Jesus, mais me atrevo a falar o seguinte: Ou estamos do meio para o fim, ou realmente do fim para o fim.Não é concebível o que vemos e ouvimos. Fico imaginando como estamos assassinando JESUS a todo momento. DEUS tem sido paciente conosco, até quando, só ele sabe? Mais vai chegar um momento que bastará. Tudo que começa, um dia acaba, apenas JESUS é eterno. Meu medo não é o da morte, mais do sofrimento da morte e mesmo do sofrimento do pós-morte no purgatório. Desejo estar ao lado de JESUS e MARIA um dia, rezo muito pra isso, peço muito perdão pra isso, mais vai depender dele. De repente posso ouvir dele: “Afasta-te de mim, não te conheço, não fizeste a vontade de meu PAI”.Se isso acontecer, será infinitamente pior que a morte, pois vivemos nossas vidas pensando na eternidade e sem ela não seremos nada.

     
  4. É por isso que Deus só revela mistérios aos pequeninos, os homens quanto mais estudam e pesquisam e se intitulam “cientistas”, mais burros ficam, porque excluem Deus de suas vidas e conhecimento.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome