16 DE MAIO

Foto da caixa com os fragmentos do corpo da imagem de Nossa Senhora Aparecida, totalizando 165 pedaços, depois do atentado de 1978.

1850: – Em Toulon, na França, é lançado o primeiro navio de guerra a vapor, que se chamou “Napoleão”.

1941: – Na II Guerra Mundial, o marechal francês Pétain anuncia a colaboração do Governo com as forças invasoras de Adolf Hitler, inaugurando assim o chamado “Regime de Vichy”.

1966: – O Partido Comunista da China inicia a feroz Revolução Cultural, com o “Aviso de 16 de Maio”, anunciado por Mao Tsé-tung.

1978: – Um homem tido por demente despedaça em mais de 160 pedaços a Imagem de Nossa Senhora Aparecida, Rainha do Brasil, fato que chocou profundamente os católicos brasileiros. O Prof. Plínio Corrêa de Oliveira escreve na Folha de São Paulo em 29 de maio, profundo artigo (A Imagem que se partiu) sobre o sucedido, fazendo um paralelo com Fátima. A milagrosa imagem foi restaurada por uma técnica do Masp, concluída no mesmo ano, e seu retorno à Catedral Basílica de Nossa Senhora Aparecida.

1995: – Em documento oficial João Paulo II lamenta que a II Guerra Mundial se desenrolara “em um continente que se vangloriava por uma singular florescência da cultura e da civilização cristã”.

Deixe uma resposta