Portal IG pratica jornalismo preconceituoso, mentiroso e sem averiguação dos fatos?

Caravana de jovens do IPCO atestam sua conduta pacífica e ordeira em campanha pelo interior do Nordeste, em defesa da família

Os jornalistas Nara Alves e Ricardo Galhardo, do portal iG São Paulo, publicaram no site Último Segundo (26/09/11) matéria afirmando que o movimento pseudo-direitista dos Skinheads recebe orientação teórica através dos seminários promovidos pelo Instituto Plinio Corrêa de Oliveira. (veja aqui a matéria mentirosa)

ISTO É UMA GRANDE E INESCRUPULOSA MENTIRA!

Citando como fonte a delegada Margarete Barreto, da Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), os articulistas afirmam que tais atos de violência “direitistas” têm motivação política e ideológica.

O Instituto Plinio Corrêa de Oliveira é veementemente contra o aborto, o chamado “casamento” homossexual, a legalização das drogas e outros temas que vão contra os princípios cristãos, mas NUNCA foi ou virá a ser a favor da violência que tais grupos pseudo-direitistas praticam contra a vida humana. NUNCA incentivamos quaisquer atos agressivos.

Nossa ação é pacífica e ordeira, e lutamos por princípios, sempre baseando-nos na doutrina católica tradicional. Quanto às reuniões promovidas pelo Instituto, basta acessar os vídeos das conferências para se certificar de seu caráter inteiramente ordeiro.

(Assista por exemplo à última conferência, clicando aqui)

O Instituto Plinio Corrêa de Oliveira tem a alegria de estar entre as associações que mais se destacam em defesa da família e

Detalhe da campanha, em que os membros do IPCO entram em contato direto com a simpática população nordestina

da civilização cristã. Querer estabelecer quaisquer relações entre este Instituto e a violência praticada por grupos de skinheads é falso e só pode favorecer os movimentos abortista, homossexual e pró-drogas.

Acrescentamos que a ação violenta e destemperada por parte de movimentos “direitistas” (as aspas são propositais) apenas atrapalha nossa ação e dos que pacificamente lutam em defesa do futuro moral do Brasil.

Cabe, pois, ao site Último Segundo, se quiser mostrar sua idoneidade e honestidade intelectual, um desmentido à injusta e descabida informação. Colocamo-nos à disposição de seu quadro de redatores, através da seção Fale Conosco deste site.