5 COMENTÁRIOS

  1. Oportunas considerações feitas em 1981 e que valem para hoje.
    Deus tem o direito de ser cultuado de modo exclusivo, na unica Igreja verdadeira, a Igreja Católica Apostólica Romana.
    Aos demais devemos querer a conversão e não que nos misturemos em um aglomerado de igrejas.

  2. Nao entendi bem a matéria, mesmo porque não deram nome aos líderes ecumênicos, ficou genérico.

    Sempre fui fã do Instituto Plinio Correia, mas nos últimos tempos, especialmente com o comentário sobre Amoris Laeticia estou descontentes e pedindo cancelamento do redebimento de boletins deste instituto.

  3. Mediocridade é o que estamos vivendo atualmente. Deus irá vomitar àqueles que desviaram da são doutrina a exemplo de Martinho Lutero; mulçumanos; indianos e outros mais porque todos tiveram conhecimento de que Jesus ressuscitou e ficaram imunes a essa verdade.Lutero, infelizmente como diz a sua história de vida suicidou-se. Diante de Deus a única religião verdadeira é a Jesus fundou:FUNDAÇÃO DA IGREJA
    Vai ai uma dica da Bíblia: A pedra fundamental é Jesus 1 Corintos 10(4); Efésios 2(20); 1 Pedro 2 (1-8) e 1 Corintos 3 (11). Mas o Senhor pode, livremente confiar esse fundamento a alguém ou ampliá-lo quando disse a Simão; ” Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja “(Mateus 16(18-19) delegado a todos os Apóstolos e profetas Efésios 12 (20) e ordenou a Pedro Apascenta as minhas ovelhas- Joaõ 21(15) e também disse: Confirme seus irmãos na fé- Lucas 22(32).Pedro tinha a primazia: preside e dirige a escolha de Matias para o lugar de Judas ( Atos dos Apóstolos 1 (1-25); Anuncia o Evangelho no dia de Pentecostes- Atos 2 (14); Testemunha no sinédrio, a mensagem de Cristo – Atos 10 (1) ; Acolhe na Igreja o primeiro pagão Atos 10(1)- ; Designado por Jesus como Pastor Chefe logo após Ele – João 21 (1-17); Pedro é reconhecido pelos Anjos como o líder e representante dos Apóstolos- Marcos 16(7); Pedro lança a primeira excomunhão ( anátema sobre Ananias e Safira) enfaticamente confirmada por Deus – Atos dos Apóstolos 5 (12-11); Até a sombra de Pedro fazia milagres- Atos 5 (15); Cornélio é orientado por um Anjo a procurar Pedro para ser instruído; Pedro instrui os outros Apóstolos sobre a Catolicidade ( universalidade) da Igreja – Atos dos Apóstolos 11 (5-17); Pedro preside e abre o primeiro Concílio da Cristandade e estabelece princípios que serão posteriormente aceitos – Atos 15 ( 7-11) e Pedro é o primeiro a reconhecer e refutar a heresia de Simão Mago-= Atos 8 ( 14-24); Pedro foi o primeiro carismático tendo julgado com autoridade e reconhecendo o dom de línguas como genuíno- Atos 2 ( 14-21); Pedro age fortemente indicado como o bispo/pastor Chefe da Igreja – 1 Pedro 5 (1), exortando todos os outros bispos ou anciões. Isso é um pouco da fundação da Igreja Católica Apostólica Romana. A Missa encontra-se em Êxodo, capítulos 25 a 30 e no Ato dos Apóstolos onde mundo somente vê o fim do mundo; histórias apocalíptas e não vêem a Missa em toda a sua integralidade em Atos dos Apóstolos. Ecumênismo é só para inglês ver que o Protestantismo não crê na verdade do Evangelho. Vejo aqui na minha cidade que não quer dar braço a torcer diante dessas verdades.A Palavra diz “Sim, sim e Não, não”, o resto é conversa fiada.Devem entender que Deus ama a todos mas aplica às pessoas, normas, legislações advindas do Evangelho; Côdigo Canônico e Catecismo da Igreja Católica.Embora Martinho Lutero morreu Sacerdote segundo a Ordem de Melquisedeque-Hebreus 5 ( 1-7), a Igreja Católica deve dizer a verdade da Bíblia e não aceitar situações que não são verdades na Palavra de Deus.Não se pode mudar os Sacramentos, inclusive o Matrimônio, como quer o Vaticano. Deixe a Lei do Estado e a Igreja deve obediência a Bíblia Sagrada e não as leis humanas. Da forma que está, está o Papa dizendo que pode infringir Marcos 10 ( 1-10). A Lei Civil permite que o casamento seja feito quantas vezes quiser, pois trata-se da Lei de Moisés enquanto na Igreja Católica o Matrimônio é indissolúvel e não permite o divórcio/adultério. Se quiserem regularizar informo de que todas as mulheres que se casaram por estarem grávidas é só pedir o Processo de Anulação perante a sua Paróquia, após aprovação atualmente pelo Tribunal Canônico.É tão fácil e muitos não procuram por falta de conhecimento e interesse e porque não querem pagar as custas processuais que é igual a um processo perante o órgão jurisdional de suas respectivas Comarcas.Deixemos de ser hipócritas tanto nós como o Clero.A verdade liberta e a verdade se encontra no Evangelho.É como penso.Desculpem mas tinha que falar diante da matéria.

  4. É preciso encontrar o equilíbrio entre as necessidades para nossa sobrevivência enquanto fazemos parte do mundo material e a salvação para quando partirmos dessa vida. Acho.

  5. AO CONTRARIO DOS PROTESTANTES, não querem nem saber de nenhum tipo de ecumenismo: a ordem deles é trazer os incautos, desinformados ou interesseiros, relativistas como eles mesmos, conduzindo-os para as seitas pois o que almejam mais profundamente é o poder temporal associado ao religioso – unindo o útil ao agradável, a criterio do dono da seita – como se fosse o modelo do Islã, um Estado teocrático; o ambicioso e abortista assumido Edir Macedo-IURD-partido PRB não nos desmentem!
    POR OUTRO LADO…
    Os MILICIANOS COMUNISTAS travestidos de MOVIMENTOS SOCIAIS de diversos países que se encontraram com o papa Francisco são os esquerdistas de varios partidos comunistas, como o quadrilheiro Stédile dos anarquistas do MST aliado do terrorista PT, aliado doutros conspiradores contra o tronco-judaico cristão, como o Rei da Marijuana, o ex guerrilheiro tupamaro, o vermelho Mujica e mais mafiosos!
    Todos os que pertencem ao esquerdismo associam-se aos 3 irmãos gemeos comunonazifascistas, iguais no básico: material-ateístas, fortemente opressores, totalitaristas, constando que seriam subsidiarios da maçonaria.
    Abaixo, 2 partes do discurso – começo-fim – apesar de ser de 2014, por ele se manter os acolhendo, validaria-se:
    DISCURSO DO PAPA FRANCISCO AOS PARTICIPANTES NO ENCONTRO MUNDIAL DOS MOVIMENTOS POPULARES Ex-Sala do Sínodo Terça-feira, 28 de Outubro de 2014 De novo, bom dia! Sinto-me feliz por estar convosco, e faço-vos uma confidência: é a primeira vez que desço aqui, nunca tinha vindo cá. Como dizia, sinto grande alegria e dou-vos as calorosas boas-vindas. Agradeço-vos por terdes aceite este convite para debater os problemas sociais muito graves que afligem o mundo de hoje, vós que viveis na vossa pele a desigualdade e a exclusão. Um obrigado ao cardeal Turkson pelo seu acolhimento, obrigado, Eminência, pelo seu trabalho e palavras. Este encontro dos Movimentos populares é um sinal, um grande sinal: viestes apresentar diante de Deus, da Igreja e dos povos uma realidade que muitas vezes passa em silêncio. Os pobres não só suportam a injustiça mas também lutam contra ela! Não se contentam com promessas ilusórias, desculpas ou álibis. Nem sequer estão à espera de braços cruzados da ajuda de Ongs, planos assistenciais ou soluções que nunca chegam, ou que, se chegam, fazem-no de maneira a ir na direcção de anestesiar ou domesticar, o que é bastante perigoso. Vós sentis que os pobres não esperam mais e querem ser protagonistas; organizam-se, estudam, trabalham, exigem e sobretudo praticam aquela solidariedade tão especial que existe entre quantos sofrem, entre os pobres, e que a nossa civilização parece ter esquecido, ou pelo menos tem grande vontade de esquecer…
    Quase ao findar, teria se identificado a eles:
    Queridos irmãos e irmãs: continuai a vossa luta, fazei o bem para todos nós. É como uma bênção de humanidade. Deixo-vos como recordação, como prenda e com a minha bênção, alguns rosários que foram fabricados por artesãos, cartoneros e trabalhadores da economia popular da América Latina. E ao acompanhar-vos rezo por vós, rezo convosco e desejo pedir a Deus Pai que vos acompanhe e abençoe, vos cumule com o seu amor e vos acompanhe no caminho, dando-vos abundantemente aquela força que nos mantém em pé: esta força é a esperança, a esperança que não desilude. Obrigado.. https://w2.vatican.va/content/francesco/pt/speeches/2014/october/documents/papa-francesco_20141028_incontro-mondiale-

Deixe uma resposta