Estamos diante de uma ofensiva mundial dos inimigos da Igreja parodiando, zombando, blasfemando contra Nosso Senhor e Nossa Senhora.

Nosso site está promovendo uma urgente Petição à Netflix para cancelar sua produção blasfema de Natal. https://ipco.org.br/diga-nao-a-netflix-que-zomba-de-cristo-no-natal-assine-a-peticao/

Também em Roma, cartazes ofensivos, blasfemos contra Nosso Senhor e Nossa Senhora.

Não vamos, nem podemos entrar em detalhes sobre a blasfêmia contra Nosso Senhor sugerindo-o como um pedófilo nu diante de uma criança também despida.

ROMA (ChurchMilitant.com) – “Um artista de rua italiano está enfrentando acusações de blasfêmia por retratar Jesus como um pedófilo em um abrigo de ônibus de Roma”.

“A polícia prendeu Hogre enquanto ele estava verificando seu e-mail em um cibercafé em Roma e o acusou de uma ofensa pública à religião nos termos do artigo 404 do código penal italiano. Ele enfrenta uma multa de até 5.000 euros ou uma pena de prisão de até dois anos”.
Como se sabe na Itália — como deveria ser também no Brasil — as produções artística estão sujeitas a uma lei contra a difamação religiosa. Somos Nações católicas, os direitos de Deus e de Sua Igreja não podem ser violados sob pretexto de uma pseudo e blasfema arte.

“A representação blasfema de Hogre de Jesus foi combinada com um segundo cartaz de seu colaborador anônimo, doublewhY, profanando a Madonna em uma paródia da “Anunciação de Botticelli.””

* * *

Parodiando e zombando da Imaculada Conceição: “Immacolata concepção in vitro” e mostra duas mulheres em um post lésbica-like sugestivo segurando um bebê. O texto e a imagem sugerem um paralelo entre fertilização in vitro para lésbicas e a Imaculada Conceição da Virgem Maria”.

Diz ChurchMiliant: “Os cartazes (das lésbicas) foram exibidos 01 de junho em pontos de ônibus fora do Macro di Roma, Museo di arte contemporanea della Capitale – o Museu de Arte Contemporânea, em Roma.

Image“A polícia agiu depois que Fabrizio Ghera, vereador da Câmara Municipal de Roma, e Andrea De Priamo, vice-presidente da Comissão para a Cultura, emitiram uma declaração contra os cartazes:

É inaceitável que esse material seja exposto ao público em um importante museu da cidade apoiado por fundos públicos e frequentado por famílias. Pedimos ao presidente da Câmara que retire urgentemente o cartaz, que é blasfemo, indigno e ofensivo não só para os cristãos, mas também uma desgraça sem precedentes para Roma“.

* * * 

Uma louvável e necessária reação da católica Itália contra essa investida das forças do Inferno — mascaradas de arte — contra a Igreja, contra Nosso Senhor e Nossa Senhora.

O que esperar de uma Nação em que artistas blasfemam como nunca contra a Fé e cujas Autoridades — em nome da liberdade artística — referendam isso?

Assine nossa Petição à Netflix: https://ipco.org.br/diga-nao-a-netflix-que-zomba-de-cristo-no-natal-assine-a-peticao/

Fonte: https://www.churchmilitant.com/news/article/cops-arrest-artist-for-blasphemous-portrayal-of-jesus-as-a-pedophile

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta