Brasil, 10 milhões de curados! E a esquerda não se alegra

0
1262

Leitor, vamos fazer um teste de patriotismo, de honestidade, de valorização da Vida. Divulgue a notícia de que o Brasil ultrapassou a cifra dos 10 milhões de recuperados do vírus de Wuhan, também chamado coronavírus. Se o leitor encontrar ressonância pela boa notícia, se seu amigo ficar alegre, considere que ele não foi picado pela mosca do negativismo esquerdista, do masoquismo midiático que só sabe divulgar mortes e falar em lockdowns. Sim, vamos agradecer à Deus e à nossa classe médica esse belo total.

Como seria confortador ver a CNBB comemorar essa vitória de 10 milhões de curados! Uma campanha de orações pedindo o fim da pandemia, essa sim, seria a verdadeira Fraternidade. E um plano efetivo de assistência religiosa aos moribundos.

Não estamos desprezando o perigo do virus, estamos constatando um estado de espírito mórbido que é incapaz de se alegrar com a boa nova: mais de 10 milhões de curados! E o total mundial caminha para 95 milhões de recuperados.

Após um ano de insistência em lockdowns não é o caso de pensar em outras soluções? Isolamento vertical? Tratamento precoce? Investir em fatores que aumentam a imunidade?

Países do chamado primeiro mundo, como Reino Unido, França, Itália, Estados Unidos estão em situação mais grave do que o Brasil. Ocupamos, nessa escala o 25 lugar: piores do que nós temos também o México, o Peru, Bélgica, Hungria, Portugal, Espanha. Repetimos, ao contrário do que afirmam certa midia antipatriótica o Brasil recupera mais de 10% do total de infectados em todo o Orbe.

A Califórnia, com apenas 40 milhões de habitantes, paraíso dos Democratas, tem 60% mais infectados do que o total do Brasil.

Vamos prestar uma homenagem à nossa classe médica que está na linha de frente há um ano. Oficialmente o marco zero da pandemia no Brasil é 16 de março de 2020. Um ano se passou.

Façamos nossa homenagem especial aos médicos que desafiam a mídia masoquista, — a qual jorra um contínuo spray de desânimo na população (especialmente atingindo os idosos) — e têm coragem em defender o tratamento precoce. Já temos dezenas de municípios brasileiros que adotam o tratamento precoce, a ivermectina, a hidroxicloroquina. Não ocorre à midia uma reportagem junto a esses municípios? Isso não seria “ciência”?

96 milhões de curados em todo o Orbe

A curva mundial de infectados e de mortes está em declinio por 50 dias consecutivos.

Por que a midia não põe o seu foco nessa informação?

Há mais de 50 dias a curva mundial de infecções e mortes vem decaindo.

Taiwan bate um recorde com um mínimo de mortes (10) durante toda a pandemia. Por que não adotar os métodos da Ilha? A super populosa Índia tem um baixo número de infecções e mortes por milhão de habitantes e investe no tratamento precoce.

Vamos pedir à Nossa Senhora Aparecida que afaste do Brasil essa catarata que cega tantas governadores e prefeitos e os leva a não investir no tratamento precoce.

Que Ela reconforte os moribundos, suas famílias e nos encha a todos nós de esperança de vencermos mais essa pandemia.

Fonte: https://www.worldometers.info/coronavirus/country/brazil/

https://www.worldometers.info/coronavirus/usa/california/

https://www.worldometers.info/coronavirus/

Deixe uma resposta