“O problema não é o celibato. É a homossexualidade”, afirma Cardeal

 O Secretário de Estado do Vaticano, Cardeal Tarcisio Bertone, declarou que os problemas com padres pedófilos não são causados pelo celibato, mas pela homossexualidade.

“Muitos psicólogos e muitos psiquiatras demonstram que não há relação entre celibato e pedofilia”, disse esta semana o Cardeal Bertone numa conferência de imprensa no Chile . “Mas muitos outros demonstram que há uma relação entre homossexualidade e pedofilia”. “Essa é a verdade, esse é o problema”.

Comento: É claro como o sol! Quem poderia negar isso? Além da evidência, há estatísticas que demonstram que grande parte dos casos de pedofilia são praticados por clérigos ou seminaristas – que tristeza afirmar isso –  que já eram homossexuais antes!

Mas na lógica e na natureza das coisas, o homossexualismo pode facilmente levar à pedofilia. Foi o que bem constatou o Cardeal Bertone.

Alguns afirmam que cada um pode poder fazer o que quer com o próprio corpo, o que justificaria o homossexualismo. Ora, se justificasse o homossexualismo, por que não justifica também muitos casos de pedofilia?

Fonte da notícia: LifeSiteNews