O Cardenal Mindszenty no banco dos réus,
durante o pantomímico processo comunista
em 1949

O glorioso Cardeal Josef Mindszenty, Arcebispo-Príncipe de Esztergom e Primaz Regente da Hungria foi objeto de plena reabilitação legal, moral e política por meio de lei aprovada pelo Parlamento de Budapest e um acórdão da Suprema Corte magiar.

Ambos Poderes reconheceram a inteira inocência do Primaz e declararam destituídas de qualquer valor legal as acusações forjadas pela persecução comunista.

O Cardeal Mindszenty foi preso pelo regime comunista em 1948.

Os torturadores socialistas, através do uso de drogas obtiveram que o Cardeal assinasse uma “confissão” de conspirar contra a ditadura russa, de roubar das joias da Coroa húngara visando coroar o herdeiro, aliás legítimo, Arquiduque Otto de Habsburgo, como Imperador da Europa do Leste e, ainda, planejar a Terceira Guerra Mundial contra Moscou.

O ínclito Cardeal foi liberado pela rebelião anticomunista de 1956, e obteve asilo na representação americana em Budapest durante 15 anos.

A mera presença do Cardeal na embaixada americana continuava a atrapalhar o regime marxista. Por isso, este impôs à Ostpolitik vaticana que o Primaz fosse levado embora da Hungria e renunciasse a seus cargos eclesiásticos. Fatos que aconteceram em 1971, após intensa pressão da diplomacia da Santa Sé sob a autoridade de Paulo VI.

Cardenal Mindszenty com Paulo VI: o poder de Pedro conseguiu o que não conseguiam os carrascos comunistas
Cardenal Mindszenty com Paulo VI:
o poder de Pedro conseguiu o que não conseguiam
os carrascos comunistas

“Ego debuissem mori in Hungaria” (“Eu deveria ter morrido na Hungria”), lamentou o Cardeal, considerando a realidade que encontrou no Vaticano ao deixar a terra magiar, segundo consigna o Cardeal Casaroli em suas Memórias.

Ele se julgava logrado pela política de aproximação do Vaticano com o comunismo, conduzida por Paulo VI através de Mons. Casaroli, segundo o testemunho deste prelado nas referidas Memórias.

O Cardeal Mindszenty faleceu no exílio em Viena, para onde partira após sair subrepticiamente do Vaticano em 1975. Seu processo de beatificação está em andamento.

A Igreja Católica jamais aceitou a condenação do tribunal comunista e excomungou os juízes e todas as pessoas envolvidas naquele processo ideologicamente truncado.

A atual hierarquia católica húngara participou do processo de reabilitação do Cardeal Mindszenty e auspiciou que ela seja um sinal da restauração moral do povo húngaro, que tanto sofreu sob o comunismo e agora está ameaçado pela União Europeia por ter incluído valores cristãos em sua nova Constituição.

À luz deste heroico exemplo de um Cardeal da Santa Igreja compreende-se a propriedade com que o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira o elogiou nas páginas da “Folha de S.Paulo” quando o purpurado se debatia no meio da tempestade:

Mindszenty: fama de santidade varou os oceanos, estátua na igreja de São Ladislao, New Jersey, EUA
Mindszenty: fama de santidade varou
os oceanos, estátua na igreja de
São Ladislao, New Jersey, EUA

“Neste crepúsculo de lama e de opróbrio, o mundo todo se vai deixando rolar, sonolento e envergonhado, pelos sucessivos precipícios da aceitação gradual do comunismo.

Porém, no panorama da geral devastação, o Cardeal Mindszenty se tem erguido como o grande inconformado, o criador do grande caso internacional, de uma recusa inquebrantável, que salva a honra da Igreja e do gênero humano.

O seu exemplo – com o prestígio da púrpura romana intacta nos ombros robustos de pastor valente e abnegado – mostrou aos católicos que não lhes é lícito acompanhar as multidões que vão dobrando o joelho ante Belial.”

(“Folha de S. Paulo”, 31-03-1974).

 

8 COMENTÁRIOS

  1. Prezado irmão Paulo Kelson,
    Eu não sou de Manaus e, sinceramente, não sei o que eu diria para você fazer, mas sei aconselhá-lo sobre o que NÃO fazer: NÃO deixe a Santa e Católica Igreja. Mesmo que todas as arquidioceses abandonassem a Igreja, a Igreja é e sempre será de CRISTO. Pergunto: você prefere ficar acompanhado de multidões ou sozinho com JESUS? Eu prefiro sozinho com JESUS, meu DEUS, Senhor e Salvador, Aquele que fundou a única Igreja!
    Sem dúvida há, no meio da Igreja, lobos em pele de cordeiro. Existem vários traidores, mas, quanto a você, faça a sua própria parte: seja fiel sempre e INCONDICIONALMENTE.
    A Paz de CRISTO, meu irmão!

     
  2. Eu sou um catequizando, aqui de Manaus. Foi os sites como catolicismo.com.br que me abriram os olhos sobre o esquerdismo.

    Como ainda não fui batizado quero fazer importantes perguntas, pois estou preocupado:

    A comunidade que eu frequento são de esquerdistas, a catequista me disse que não usa o Catecismo da Igreja de João Paulo II, já que o diácono ao visitar a minha casa, me disse que é adepto da teologia da libertação e quer se filiar ao PT, tem amigos católicos filiados ao PT e mesmo eu explicando os perigos do esquerdismo, ficou a imprensão que não o convenci. O que eu tenho que fazer?

    Se até arquidiocese me parece esquerdista, fazendo que todas as comunidades de Manaus sejam do mesmo jeito. Para onde irei?

    Continuo pelo menos na comunidade até batizar minha filinha que será no mês de maio?

    O que eu realmente devo fazer paara continuar o meu catecismo, já que tenho apenas o pequeno catecismo, Eu creio, da Ajuda a Igreja que Sofre?

    Como posso me batizar e confirmar a minha fé, nesta cituação?

     
  3. Este sempre foi o oposto do Cardeal que veio a ser o Papa João Paulo-II. Cardeal Mindszenty realmente foi e continua sendo um grande sentido de honra e glória para a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo, um verdadeiro Márte da Fé que jamais se curvou diante dos seus algozes infâmes e jamais traiu a santa Fé, como aqueles que fizeram conchavos com os piores inimigos da Santa Madre Igreja e expuseram não somente a nossa Fé Católica, mas também a vida de muitos fiéis e religiosos que perseguidos por esses inimigos foram entregues pelos seus à própria sorte e trucidados sem piedade. E TUDO PARA QUE SE CUMPRISSE A REVOLUÇÃO DO VATICANO-II E O QUE PREDISPUNHA A MENTALIDADE LEVIANA DOS TRAIDORES DA SANTA MADRE IGREJA.
    Hoje, esses traidores estão por toda a parte e impõem as suas próprias regras como se fossem eles mesmos deuses: São os ditos esquerdistas-ateus-libertinos e modernistas que se apoderaram do lugar sagrado para fazer politicagem e trabalhar pela destruição da própria Igreja. Infelizmente, são Padres, Bispos e Cardeais que tomaram o lugar de Judas Iscariotes e se aprimoraram em suas maldades. Judas vendeu Jesus por 30 dinheiros, e eles O vendem por uma ideologia sectária e perversa que trabalha pela destruição da Fé Católica e a rupulsa contra Nosso Senhor Jesus Cristo e a sua Santa Igreja.
    Que Deus tenha piedade de todos nós e venha em socorro de sua Santa Igreja que milita neste mundo de trevas, atacada por lobos ferozes de todos os lados e infiltrados dentro de sua própria estrutura e Hierarquia. Que Deus, por intermédio de sua Mãe Santíssima não nos desampare nestes momentos finais da nossa caminhada sobre este mundo e nos conceda a dita de seguindo o exemplo dos mártires, perserverarmos na verdadeira Fé Católica e na graça santificante até o fim.
    Em Jesus, Maria e José.

    José Zacarias

     
  4. Concordo com a impressão do missivista Tibério Reis.

    O simples olhar desse valoroso Cardeal é a expressão de um pai de família justamente irado contra ratos que invadiram sua casa.

    Pelo bem de nossos filhos e netos, devemos agir para que o marxismo cultural – o pior de todos – e suas decorrências sejam banidos do nosso país e do mundo, seguindo-se constante demonstração dos seus históricos horrores, para que nunca mais ouse insinuar-se com o seu ardiloso veneno satânico.

     
  5. A era do dragão vermelho está se apagando. Graças as orações do terço eles não conseguiram nada no Brasil. A Mãe Aparecida nos defendeu deste dragão que queria devorar os filhos de Deus. A tomada do exército brasileiro por Castelo Branco, foi decisivo para a supremacia da democracia.Imaginem só uma Cuba implantada no brasil, que desastre?
    Agradecemos a Deus que este dragão não teve sucesso em Nosso país mas deixou raízes.

     
  6. É impressionante o olhar Cardeal Mindszenty diante do pseudo julgamento comuna. É este olhar que eu gostaria de ver em nossos governantes diante de tantas atrocidades que são cometidas em nosso País. É o olhar que nos Cristãos deveríamos ter diante de tantas leis anti- Cristãs que são promulgadas em nossa Nação. Viva ao Cardeal MIndszenty.

     
  7. Viva o Cardeal Mindszenty glória e exemplo para a Igreja. Não cedeu nem sequer às pressões da política de aproximação com os países comunistas empreendidas, não só pelas nações como, principalmente, pelo Vaticano.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here