Cuba volta a depender do petróleo russo como no tempo da URSS

    1
    a-union-cuba-petroleo-cupet-e-a-estatal-unica-que-fornece-petroleo-mas-cai-de-decrepitude
    A Unión Cuba-Petróleo (CUPET) é a estatal que fornece petróleo mas cai de decrepitude

    Raúl Castro, presidente marxista de Cuba, se voltou para o ex-coronel da KGB que preside a Rússia, Vladimir Putin, para lhe implorar petróleo e derivados, noticiou a UOL. E de modo estável como nos velhos tempos de seu irmão Fidel e da URSS.

    Venezuela detentora das maiores reservas mundiais de petróleo, sob a batuta de Hugo Chávez e do atual presidente Nicolás Maduro conseguiu a façanha de arruinar a produção. Milagres do populismo socialista!

    Durante alguns anos, a Venezuela forneceu quase de graça os combustíveis que a ilha igualitária nunca conseguiu produzir ou substituir. Mas agora não dá mais.

    Cuba cerceou ainda mais o uso de combustíveis derivados do petróleo e não tendo criado outras fontes relevantes de energia passa pior que a Venezuela.

    A Rússia está com petróleo sobrando pela queda dos mercados internacionais, mas também tem urgência de dinheiro, pois está vendo o “volume morto” de suas reservas monetárias.

    Mas Havana tampouco pode pagar. A Agência de Informação do Petróleo de Cuba apelou ao Kremlin pedindo preços favoráveis e financiamento.

    Raúl Castro não esclareceu quanto Cuba precisa, nem as condições desejadas, mas i promete pagar o preço que Moscou fixar.

    O Ministério de Economia russo advertiu ao Ministério da Energia de seu país, que a “capacidade de pagamento” cubana é “um risco importante”. Leia-se bem pode agir do mesmo jeito que com a URSS quando no fim não pagava.

    taxi-em-cuba-sobem-todos-os-que-cabem-o-escaso-transporte-publico-sobrevive-com-o-mercado-negro-de-combustiveis
    Táxi em Cuba: sobe se couber. O transporte sobrevive com o mercado negro de combustíveis.

    A Rússia fornece ainda um volume mínimo de petróleo à ilha da miséria e de modo intermitente e a exânime economia cubana não deve consumir muito.

    O socialismo só sabe sobreviver sugando recursos dos países livres ou gerados pelas empresas privadas.

    Porém a ideologia socialista e anti-capitalista prevalece até sobre as conveniências materiais.

    Por isso, o eixo Moscou-Havana que nunca desapareceu, agora pode voltar à evidência com uma operação de salvamento energético.

    1 COMENTÁRIO

    1. Vejam a inutilidade dos gastos do governo Lula/Dilma, construindo portos e reformando aeroportos em Cuba, tentando criar no Caribe, a primeira “sociedade socialista que deu certo no mundo”, com o nosso dinheiro é claro!
      Mas isto não comove nenhum político ou militante de esquerda, eles continuam se sentindo bem no seu “habit natural”, a oposição, sendo contra tudo, e vendendo suas propostas utópicas, que tanto seduzem os inocentes úteis e inúteis! Mesmo diante desses exemplos de fracasso, eles não arredam um centímetro em suas convicções! É uma mistura de fé religiosa com patologia clínica!
      Certo estava Margaret Tatcher quando disse:
      O socialismo acaba, quando termina o dinheiro dos outros

    Deixe uma resposta