Efemérides – 08/09

0
A Vitória! Após quase quatro meses de intenso cerco, os otomanos iniciam sua vergonhosa retirada de Malta à 08 de setembro de 1565. No dia 11 do mesmo mês, todas forças muçulmanas já terão se retirado, deixando um total de 25 a 35 mil mortos, dos 48.000 soldados iniciais!
La Valette, Grão-Mestre das forças católicas defensoras de Malta, distribui ordens a seus soldados. Graças à sua incansável atividade, chegando até a combater em meio de seus soldados, Malta resistiu heroicamente à muito superior força muçulmana.

1565: – Aproxima-se o fim do Cerco de Malta pelos muçulmanos. Graças à resistência das diminutas forças católicas comandadas por la Valette, o plano de invasão otomana da Europa através da Sicília jamais foi realizado. Finalmente, após quase quatro meses de cerco, os turcos levantam cerco à 11 de setembro de 1565.

1907: – O papa São Pio X publica a encíclica “Pacendi Dominici Gregis”, na qual condena o modernismo “síntese de todas as heresias”, e outros princípios que atacam o dogma católico.

1935: – Stalin impõe o stakhanovismo: trabalho forçado e militarizado nas fábricas.

1943: – O Gen. Dwight D. Eisenhower anuncia publicamente o armistício com a Itália.

1961: – O social-democrata Tancredo Neves é nomeado Primeiro Ministro do Brasil.

1983: – A TFP americana faz, no coração de Manhatham, em Nova York, um protesto contra a derrubada do Jumbo sul-coreano pela URSS. Na ocasião é distribuído o manifesto: “Raio que mata, mas esclarece”, escrito pelo Prof. Plínio Corrêa de Oliveira.

Deixe uma resposta