Parlamento da Eslováquia

O Parlamento da Eslováquia rechaçou, por 129 votos contra 14, um projeto de lei apresentado por partidos de oposição para legalizar as uniões homossexuais.

Durante dois dias de intenso debate, os defensores do matrimônio segundo o Direito natural e a Lei de Deus advertiram que dar às uniões do mesmo sexo um status jurídico equivalente ao casamento tradicional significava pôr em risco a sociedade.

O projeto de lei afetaria todo o sistema jurídico do país e mudaria a face de uma nação, na qual 62% se professam católicos.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorÉ possível um relativismo absoluto?
Próximo artigoA paz entre os Lobos e as Ovelhas
Agência Boa Imprensa
A Agência Boa Imprensa — orientada pelo ideal evocado pela cruz de seu logotipo — envia seus boletins noticiosos a jornais de norte a sul do Brasil e do exterior desde 1953. Com um jornalismo diferente, a ABIM procura apontar aquilo que muitas vezes é ocultado ou interpretado tendenciosamente.Além de análises e apreciações, nosso noticiário pretende despertar apetências do Brasil profundo, ou seja, daquele setor de nosso público que pauta sua vida nas expressões culturais da tradição cristã e procura repouso em meio às agitações modernas.

11 COMENTÁRIOS

  1. @Paulo Kelson
    Eu explico: os comunistas apenas apoiam causas das chamadas “minorias” no quintal dos outros, ou seja, no ocidente, como forma de desestabilizar as sociedades. Eles usam a militância homossexual, o ativismo ambiental, o feminismo, o ateísmo, o multiculturalismo, a liberação de drogas, os tais direitos humanos, e etc. como instrumentos de subversão da sociedade, atacando seus valores tradicionais provenientes da moral judaico-cristã. Uma vez atingindo o resultado que desejam, descartam os integrantes desses movimentos. Foi o que aconteceu na própria Rússia após a revolução de 1917. Hoje a densidade demográfica lá é baixíssima, e eles sabem que a proliferação do gayzismo por lá (como em qualquer lugar) só atrapalharia.

  2. @Paulo Kelson
    Tácitamente o são! é isso mesmo que vai acontecer por aqui depois. Eles usam a agenda lgbt para se promover e ficar no poder, uma vez que eles (os movimentos lgbt e outros) ja não são mais úteis, são posteriormente descartados.

  3. Enquanto isso no Brasil percebe-se claramante como a mídia defende os “direitos dos homossexuais” apresentando-os como cordeirinhos perseguidos e injustiçados por aqueles que se opõem ao homossexualismo. Qualquer manifestação gay é amplamente divulgada pela mídia ao passo que aqueles que defendem a verdadeira conduta e a verdadeira família querida por Deus, a família cristã, passam incógnitos em suas manifestações. Queria saber se alguma mídia mostrou as agressões sofridas por um grupo de membros do IPCO no Paraná? Nem sequer as mídias católicas o fizeram.

  4. Pôxa, bom saber que na Eslováquia essa aberração não é legalizada. Penso até em me mudar para lá, pq sinceramente… Esse nosso Brasil… Mas enfim. Rezemos. Nem tudo está perdido.

  5. Parabéns aos Eslovacos. Deus retribuirá a este povo por seu dicernimento segundo os preceitos judaico-cristãos. Cristianizar a sociedade sempre. Chega de ditaduras

  6. Meus parabéns, Eslováquia um exemplo a ser seguido, uma vitória esmagadora do cristianismo, isto deve ser o início de uma luta na qual o povo consciente sairá com a bandeira da paz levantada e o brado retumbante em alto e bom tom, abraço Esmeraldo.

  7. Estou muito feliz pela Eslováquia e muito triste por esse Brasil que se diz cristão e o casamento homossexual é aprovado, não pelo Congresso, mas pelo Judiciário, com o voto “adorado” Joaquim Barbosa.

  8. Que alegria….e quem diria … um povo acorrentado ao regime comunista por quase sete décadas , na então tchecolosvaquia , dá um tapa de luva de pelica nessa gente desvirtuada dos princípios da verdadeira F A M Í L I A … em que o Parlamento da ESLOVAQUIA rechaçou com 90% dos parlamentares… São os ventos da NOVA CRUZADA adaptada aos nossos tempos e às nossasa realidades … … …

  9. deus nao envelheçeu nem mudou sua palavra en relaçao a familia ele jamais aceitarar o estado homosexual esses que impedem o avanço dessa maldita agenda gay sao homens ou mulheres que tem o temor de deus

  10. Por favor me expliquem o caso da Rússia, que aprovaram a proibição de qualquer manifestaço e promoção do homossexualismo naquele país, provocando a ira das comunidades LGBTs pelo mundo e críticas da UE; os russos não são socialistas?

    Eu não entendi?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome