“O Serviço de Meteorologia do governo inglês sabia que a Grã Bretanha passaria um inverno excepcionalmente frio…”

O Serviço de Meteorologia do governo inglês sabia que a Grã-Bretanha passaria um inverno excepcionalmente frio, porém escondeu essa informação.

O Met Office se havia engajado na campanha para convencer a opinião pública do “aquecimento global de origem humana”, e com isso acabou envolvido no escândalo do “Climagate”: Em 2009, predisse um “verão-churrasco”, que não houve; a seguir prenunciou um “inverno moderado”, porém dezembro de 2010 foi o mais frio no país desde que se começou a fazer medições.

Os profetas apocalípticos do aquecimento global sofrem agora uma tempestade de críticas porque, para não prejudicar a utopia ecologista, mantiveram na ignorância os cidadãos, tornando-os vítimas.

Fonte: Revista Catolicismo-Março de 2011

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPlantação virtual do INCRA
Próximo artigoFARC perde mais um chefe, líder da Frente 21
Catolicismo é uma revista mensal de cultura que, desde sua fundação, há mais de meio século, defende os valores da Civilização Cristã no Brasil. A publicação apresenta a seus leitores temas de caráter cultural, em seus mais diversos aspectos, e de atualidade, sob o prisma da doutrina católica. Teve ela inicio em janeiro de 1951, por inspiração do insigne líder católico Plinio Corrêa de Oliveira.

4 COMENTÁRIOS

  1. Está tudo dominado, as tvs, as rádios, a imprensa, só existe desinformação, Deus cuide de
    nós, e abençõe as pessoas que ainda nos informam da fraude existente no mundo.

  2. Muito interessante esse tópico.
    Nos mostra também como está cada dia mais difícil acreditar-se em tudo que dizem os “experts” sem a dúvida de uma possível conspiração…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome