Autor: João Gabriel Borges Magalhães

Diversos católicos, entre eles os jovens do Instituto Plinio Corrêa de Oliveira, fizeram solene ato de reparação a Nosso Senhor Jesus Cristo, realizado no dia 18 de novembro, pelas recentes blasfêmias promovidas por pseudo-artistas que, a pretexto de promover a ‘cultura e a arte’, ferem gravemente os símbolos católicos.

O ato foi realizado em frente ao Museu Nacional em Brasília, onde seriam expostas obras blasfemas tendo como expositor principal Antônio Obá, o mesmo que em uma apresentação sacrílega recente ralou por inteiro a imagem de Nossa Senhora Aparecida. Dentre tais obras estariam imagens de Nosso Senhor e de Nossa Senhora misturados com cenas e objetos pornográficos e o Sagrado Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria cravejados de balas. O Brasil católico mais uma vez se levantou, e mais de sete mil pessoas apoiaram, em poucas horas, um abaixo-assinado online pedindo a retirada de tais obras.

Curiosamente, pouco antes da inauguração as referidas obras foram retiradas… e quando os católicos foram fazer o ato de desagravo, os promotores do evento disseram que o protesto não tinha razão de ser!

Centenas de pessoas acompanharam o ato, que consistiu em mil Ave Marias rezadas diante de um Crucifixo e uma imagem de Nossa Senhora de Fátima.

 

Fotos do momento da reparação:

 

Não corrompam nossas crianças através da “Ideologia de Gênero”

A Ação Jovem do IPCO está promovendo uma campanha nacional de abaixo-assinados que serão enviados para o Presidente Michel Temer pedindo a exclusão da satânica "Ideologia de Gênero" da Base Nacional Comum Curricular - BNCC.

Clique aqui e assine já!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome