Bispo de Toledo com tradicional batina

O Excelentíssimo Bispo de Toledo, D. Francisco Carlos Bach, reuniu a imprensa daquela região paranaense para se pronunciar a respeito de assuntos importantes, entre eles o PNDH-3. Veja o que diz a notícia abaixo:

Durante o encontro o bispo criticou duramente o Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH). Ele apresentou um documento elaborado pela Pastoral de Católicos na Política da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro e do Leste I, e assumiu na íntegra as palavras do texto. Na visão de Dom Francisco, o PNDH não respeita a pessoa humana e sua dignidade.

“Apresenta uma visão muito reduzida, demonstra que o Estado quer o controle do cidadão e impõe o risco do “Chavismo” no Brasil (alusão a Hugo Chávez)”.

O Programa Nacional de Direitos Humanos suscita para a Igreja preocupações com relação a questão do aborto, do casamento de homossexuais, das adoções de crianças por casais do mesmo sexo, pelo controle da imprensa, entre outras. No âmbito eclesial, o que está em jogo é uma questão antropológica: que tipo de pessoa e de sociedade é proposto para o País.

Fonte: Gazeta Mundial – Quinta-feira, 29 de abril de 2010.
Caderno “Cidades”, página “04”