Breves: Polônia católica e marial, 8 mil homens rezam e cantam

0

A Polônia, subjugada no século XX pelo nazismo e pelo comunismo, manteve a sua Fé. Liberta das garras de Moscou, tornou-se um baluarte conservador na União Europeia resistindo às pressões globalistas, esquerdistas, massificantes.

E a propaganda conservadora é pouco voltada a divulgar a epopeia da Polônia. Ali, conservadorismo e Fé católica se unem.

8 mil homens rezam à Virgem

“Milhares de homens se reuniram para um encontro de formação dos “Guerreiros de Maria” na Basílica de São Vicente de Paulo em Bydgoszcz, Polônia”, informa https://religionlavozlibre.blogspot.com/2023/01/miles-de-hombres-honran-maria-en-una.html

Veja o video: a organização mariana liderada pelo padre Dominik Chmielewski se reúne para rezar o rosário, participar de missas e sessões de formação e homenagear a Mãe de Deus. Um grande grupo de pelo menos 8.000 homens segura seus rosários e canta “Bogurodzica”, um antigo hino mariano polonês que data do século XII ou XIII.

Uma canção de cavaleiros

Bogurodzica”, significa “Mãe de Deus”, é uma canção dedicada a Jesus e a Nossa Senhora. Historicamente, os poloneses a consideram uma canção de cavaleiros, que cantavam antes das batalhas.

“Mãe de Deus, Virgem, por Deus glorificou Maria,

de teu filho, nosso Senhor, mãe eleita, Maria.

Ganhe para nós, envie-nos.

Kyrie eleison!”

Segundo o blog, o historiador polonês P. Jan Długosz registrou a recitação da canção na Batalha de Grunwald: “Quando o reveille começou a soar, todo o exército real, com uma voz retumbante, cantou sua canção nativa: ‘Bogurodzica’, e então, levantando suas lanças, eles correram para a batalha.”

Continua a letra:

“Filho de Deus, por teu Batista,

ouça nossas vozes, cumpra as intenções do homem.

Escuta a oração que te oferecemos

e digna-te dar-nos o que pedimos:

Na terra, uma estadia piedosa,

Depois da vida, a residência celestial.

Kyrie eleison!”

***

Aí está uma demonstração de Fé católica. Santo Estanislau, rogai pela Polônia.

Deixe uma resposta