Mariusz Dzierżawski, deputado pró-vida da Fundacjia Pro, discursa antes da votação

Segundo o site polonês Fundacja Pro – Prawo do Zycia, o parlamento polonês rejeitou, no último 31 de agosto, um Projeto de Lei de iniciativa popular para proibir todas as formas de aborto consentido.

600.000 poloneses pediram ao parlamento, através de uma abaixo-assinado recolhido em apenas duas semanas por iniciativa da Fundacja Pro – Prawo do Zycia e uma coalizão de outras entidades, para por fim ao aborto legal na Polônia que foi implantado no país em 1943 por ordens de Hitler.

O projeto foi rejeitado por 191 deputados contra 186, com somente cinco abstenções (foto ao lado). Setenta e oito parlamentares estavam ausentes na sessão. O partido Lei e Justiça (PiS) apoiou a iniciativa e todos os seus 160 legisladores presentes votaram pela proibição do aborto.
 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome