Coincidência ou não, algumas obras de ficção do passado se tornaram realidade. Uma delas, que sempre me chamou a atenção, foi “Vinte mil léguas submarinas”, de Julio Verne, publicada pela primeira vez em 1870. Nesta obra, o autor concebe um submarino, o Náutilus,  completamente autônomo em relação ao meio terrestre, movido somente a eletricidade.

Em 21 de Janeiro de 1954 os Estados Unidos lançam o submarino USS Nautilus (SSN-571) que entrou em operações em 30 de setembro do mesmo ano, dando inicio à era da propulsão nuclear para os submarinos. No período de julho e agosto de 1957, o Nautilus americano faz a primeira viagem por debaixo da calota polar ártica. Em Agosto de 1958 foi o primeiro submarino a atravessar o polo norte. A ficção virou realidade.

A Noite dos Mortos-Vivos

Noutra linha, muito menos simpática, em 1968 temos o lançamento do filme Night of the Living Dead (A Noite dos Mortos-Vivos), o primeiro de cinco filmes Living Dead dirigidos por George Romero. Cada filme traça a evolução de uma epidemia dos mortos-vivos, ou zumbis, nos Estados Unidos e as tentativas desesperadas da humanidade para lidar com isso.

cracolandia-spTudo ficção. Contudo, não é ficção o que se vê no centro de S. Paulo e na cracolândia quando se passa por esses lugares, sobretudo à noite.  Tem-se a impressão de estar vendo um bando de zumbis. Parece até que o filme Night of the Living Dead  virou realidade.

Mas o que levou aquelas pessoas a um estado tão deprimente?

O ser humano é a criatura mais perfeita de Deus na terra. Ele o fez à sua imagem e semelhança. O homem “zumbificado” da cracolância é o oposto dessa imagem de Deus, pois a finalidade do homem é conhecer a Deus, amá-Lo e servi-Lo nesta Terra, para assim alcançar a felicidade eterna no Céu.

Com a decadência nos costumes e a aceitação de tudo que é contrário à ordem posta por Deus, como o aborto, o amor livre, a agenda homossexual etc. o homem foi cedendo a todos os vícios até cair no que parece hoje em dia ser o pior estágio dessa decadência.

De requinte em requinte, o mal chega aos extremos. Um desses requintes é uma droga criada há pouco tempo, chamada “Cloud Nine”. Essa droga – conhecida também como “sais de banho” – provoca uma sensação de relaxamento extremo, ataque de pânico, apoplexia e pode até transformar o usuário em canibal.

O que parecia ser o ataque de um canibal do filme Night of the Living Dead aconteceu de verdade em Miami (EUA): um homem nu comeu, no dia 26 de maio de 2012, em plena luz do dia, os olhos, o nariz, as bochechas e a boca de um mendigo.

Segundo Barbara Carrero, porta-voz da administração antidrogas americana (DEA), “certamente percebe-se um comportamento estranho de Rudy Eugene”, que ficou conhecido como “zumbi de Miami”. Embora canibalismo ainda não apareça na lista da agência americana, autoridades de Miami suspeitam que Eugene tenha consumido “sais de banho” antes de praticar aqueles atos horríveis.

Em outro incidente escabroso, também em Miami, um jovem de 21 anos invadiu um restaurante gritando obscenidades e tentou comer a mão de um policial. Acredita-se que estava sob os efeitos de Cloud Nine.

Viciados pensam que são Deus

O psicoterapeuta Alfredo Hernández explicou à Agência Efe que esta droga é “como um tipo de cocaína superpoderosa produzida em laboratórios” que altera no cérebro os mecanismos que ajudam o ser humano a frear seus impulsos.

A relação de controle e impulso que dispara estes mecanismos se perde porque esta droga altera o lóbulo frontal, que ajuda a medir as consequências; a amígdala dentro do cérebro, que leva ao impulso; e o hipocampo, que ajuda a não agir sob todos os impulsos“, observou.

A “Cloud 9” e a maconha sintética produzem psicoses, delírios, alucinações auditivas e táteis: “Isto é muito comum com estas drogas. Tive vários pacientes que pensam que são Deus ou acham que têm poderes sobrenaturais“, disse Hernández, administrador do centro de saúde mental Improving Lives de Miami.

O mesmo psicoterapeuta preveniu que a droga “sais de banho” é “uma combinação muito perigosa, porque é uma droga que dá muita energia, altera a consciência e elimina a possível regulação das consequências dos atos“.

Isso, unido a pessoas que possam ter uma predisposição de psicopatologia mais severa, como no caso da população de moradores de rua que têm histórico de bipolaridade, esquizofrenia e outros problemas mentais, é uma combinação mortal“, acrescentou.

O coração humano foi feito para o amor de Deus

 “Diz Santo Agostinho – comenta o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira – que o coração humano foi feito para o amor de Deus, e se agita inquieto enquanto não repousa em Deus. Poder-se-ia dizer que o mundo foi feito para viver em uma ordem determinada por Deus, e delira inquieto enquanto não se estrutura segundo esta ordem. Deus, autor da natureza, organizando-a como a organizou, impôs implicitamente ao homem que não estruturasse sua vida contrariamente a ela. Qualquer alteração da imutável natureza das coisas é indiretamente uma revolta contra Deus. É uma violação da ordem. E, portanto, uma desordem e assim como uma desordem no corpo humano se chama doença, produz dores e perturbações e por fim causa a morte, assim também uma desordem no corpo social há de produzir mal-estar, lutas, e por fim os grandes colapsos que são as guerras.” (Legionário, N° 561, 9 de maio de 1943)

_____________

Referências:

http://saude.estadao.com.br/noticias/geral,novas-drogas-sinteticas-induzem-usuario-a-agressao-extrema,888502 – acessado no dia 14 de agosto de 2016

http://www.estadao.com.br/blogs/jt-radar/canibalismo-efeito-de-droga-sintetica/ – acessado no dia 14 de agosto de 2016

http://www.pliniocorreadeoliveira.info/LEG_430509_ReformemosoHomem.htm#.V7DlA5grLIU

2 COMENTÁRIOS

  1. SEM DROGAS NÃO HÁ COMUNISMO – Beria
    As drogas são necessarias para alienarem o povo e implantar a seita comunista com segurança em meio a alienados – meta prioritaria do vampiro PT que simulava combater as drogas, embora fosse aliado dos narcotraficantes por detrás para se manter no poder em meio a um povo relativizado – pois os comunistas sabem que pessoas cristãs, lúcidas e bem informadas não aceitam esse estúpido doutrinario!
    Assim, essa seita bestialista defende que o Estado é o único capaz de criar uma sociedade sem injustiças e sem desigualdades, – evidentemente, que de menos para os burgueses dirigentes dessa facção escravagista que ficam fora desse padrão: vivem nos resorts, andam em carros blindados e são os super capitalistas de Estado!
    É bom notar que esses chantagistas defendem o igualitarismo para o povo, embora se trate de inserção de todos é no “igualitarismo da miseria”, pois necessitam de subjugados para que possam os manipular, mantê-los sempre à cata de migalhas, dependencia do Estado e os mantém fragilizados de todas as formas, como via drogas, e assim poderem se perpetuar no poder!
    Nessa seita, o Partido e Estado opressores se mesclam, sendo um dos problemas a mais do comunismo, pois é impossível conciliar tal igualdade sem tolher as liberdades individuais; daí que todas as nações que experimentaram o marxismo, tornaram-se ditaduras ferozes!
    Daí, a carnificina continua pela miseria onde adentram – e sem alcançarem o que prometem; ao contrário, promovem um abissal fosso de desigualdades a mais do que existia anterior à chegada deles!
    Onde a seita do martelo e foice entra, o atraso, a miseria, muita violencia desagregação, destruição e mortes estão garantidos, como o caso de Caracas na Venezuela, além da miseria em que se imergiu, está com mais de 500 mortos/mês!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome