Noticias UOL, 25 de março, “Secretaria da OEA rejeita ‘incursão militar russa’ na Venezuela” informa que a “secretaria-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA) rejeitou nesta segunda-feira “a recente incursão militar russa” na Venezuela para apoiar o governo “ilegítimo” de Nicolás Maduro. “É inadmissível que um governo estrangeiro tenha programas de cooperação militar com um regime usurpador que foi declarado ilegítimo por resoluções e o direito interamericano, o que atenta contra a paz e a segurança hemisférica“, declara o gabinete do secretário-geral, Luis Almagro. A OEA declarou em 10 de janeiro passado ilegítimo o segundo mandato de Maduro, iniciado naquele dia, em uma resolução aprovada por 19 de seus 34 membros ativos”.

“Nesta segunda-feira, a secretaria-geral da OEA reafirmou que a presença de tropas e transporte militar russo no território venezuelano viola a Constituição por não estar autorizada pela Assembleia Nacional. Os militares estrangeiros são um instrumento de amedrontamento repressivo no contexto de uma transição democrática liderada pelo presidente interino, Juan Guaidó“, destaca o gabinete de Almagro”.

     “Ao menos 50 países, entre eles Estados Unidos, Canadá e Brasil, não reconhecem o governo de Maduro e declaram Guaidó como o presidente interino da Venezuela encarregado de organizar novas eleições”.

Rússia fica na Venezuela “o tempo que for necessário”

      Segundo notícia de oglobo, 28 de março, o “governo russo rejeitou nesta quinta-feira o chamado do presidente americano, Donald Trump, para retirar seus militares da Venezuela. O Kremlin destacou que as ações do país no território do aliado sul-americano seguem a lei e contam com o aval de Nicolás Maduro, considerado por Moscou o legítimo governante venezuelano, informou a agência de notícias russa RIA. A porta-voz da Chancelaria russa frisou que seus oficiais permanecerão na Venezuela “o tempo que for necessário“.

      E o Brasil, fica então ameaçado por essas tropas russas? “Pelo tempo que for necessário”?

* * *

     Uma clara ingerência e incursão militar russa na Venezuela. A Rússia se coloca contra a decisão da OEA e contra os países latino-americanos. E ainda tem gente ingênua que acha Putin o salvador da civilização ocidental.

 

https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2019/03/25/secretaria-da-oea-rejeita-incursao-militar-russa-na-venezuela.htm

https://oglobo.globo.com/mundo/pressionada-pelos-eua-russia-diz-que-militares-ficarao-na-venezuela-tempo-que-for-necessario

Deixe uma resposta