Tourada é patrimônio cultural dos franceses

Tourada na França
Esperamos que as touradas, símbolo de cultura multimilenares, sejam preservadas da fúria dos utópicos da “República Universal”

A Associação de Cidades Taurinas Francesas (UVTF) conseguiu na Unesco o reconhecimento das touradas como parte do patrimônio cultural francês, informou o site da organização em comunicado oficial à impressa no último dia 2/5. (1)

A UVTF tem como objetivo “permitir a celebração correta do espetáculo, preservando seu caráter de nobreza e equilíbrio”. Os seus membros diretores “são prefeitos das cidades francesas onde são organizadas as corridas de touro.” (2)

Para ter o reconhecimento da Unesco, eles conseguiram o aval dos dirigentes do país. Foi por isso que os 46 prefeitos membros da UVTF, representados por sua presidente , a senhora Geneviève Darrieussecq, prefeita da comuna francesa Mont de Marsan, enviram ao presidente da França, Nicolas Sarkozy, à François Fillon, primeiro ministro, e à Frédéric Mitterrand, ministro da cultura, uma carta de agradecimento por terem correspondido positivamente ao apelo feito pela entidade.

Países com maior tradição das touradas, como Espanha e Equador, sofrem pressões internacionais para proibi-las. Esperamos que consigam resistir e recebam o mesmo apoio da França. Pois nesses países as touradas são símbolo de uma cultura multimilenar que os utópicos da “República Universal” querem destruir.

Referências

(1) http://www.uvtf.com/dyn_img/actus_32.pdf – acessado em 04-05-2011

(2) http://www.uvtf.com/association/index.cfm – acessado em 04-05-2011

(3) http://www.unesco.org/culture/ich/index.php?pg=00002 – acessado em 05-05-2011