O PNDH-3 não tem a acolhida do povo baiano. A Caravana Terra de Santa Cruz, sim!

Caríssimos participantes e visitantes deste site,

Boa noite!

Estou escrevendo de um Ginásio de Esportes, onde estão hospedados 27 dos 40 integrantes da Caravana Terra de Santa Cruz. Os demais, vamos encontrá-los no meio do caminho, depois de amanhã, se Deus quiser.

Aproveito a brecha de tempo, enquanto os caravanistas preparam suas camas de campanha e enchem seus colchões infláveis.  Peço perdão pelos erros de português, pois não terei muito tempo para revisões…

Ontem passamos a noite em Luiz Eduardo Magalhães-BA, onde fizemos uma proveitosa campanha à tarde. De manhã, seguimos para Barreiras.

Os caravanistas tiveram ótima acolhida. O povo aqui é especialmente alegre, hospitaleiro e loquaz. O simpático público não hesitava em conversar com os jovens, perguntar e, várias vezes, parabenizar. O vídeo abaixo dá exemplos disso.

Para confirmar a regra houve duas exceções. Um senhor resmungou e disse que era comunista e contrário a nós (que honra!). Outro começou a espalhar o boato entre seus amigos de que poderíamos usar os dados do abaixo-assinado para outro fim que não o anunciado por nós. Um outro, muito bem intencionado, se aproximou, disse que era contra o PNDH, mas que queria tirar seu nome, pois tinha esse medo, que o amigo lhe havia incutido.

Os jovens agora estão se recolhendo, e vão dormir, pois cedo levantarão para mais um dia de trabalho. E peço licença para me retirar também, convidando o leitor para ver o vídeo acima. Em breve publicaremos mais notícias.

Atenciosamente,

Daniel Martins – Coordenador da Caravana

PS: O leitor pode nos ajudar a atingir a meta de pelos menos 6 mil quilômetros nesta caravana? Como são 5 veículos, isso equivale a 30 mil Km. Ainda não temos toda a verba necessária para cobrir a meta. O leitor poderia colaborar com um tanque de combustível?  Clique aqui e faça sua doação.