Twitter censurou o trend  #ContraPL122

Segundo o site Voto Católico, o Twitter censurou o trend (marcador) #ContraPL122, com o qual milhares de pessoas etiquetaram seus tweets – pequenas mensagens de até 140 caracteres – em protesto contra o Projeto de Lei da Câmara que visa proibir e punir manifestações, mesmo pacíficas, contra a prática homossexual.

Os marcadores nos tweets sempre se iniciam com o caracter # e servem para indicar o tema da mensagem, ao clicar em cima desse trend, por exemplo, os leitores do twitter podem ver todas as mensagens etiquetadas com o mesmo marcador.

Na lateral direita do site do Twitter, aparece uma lista dos trends mais usados no momento, porém, sem notificação alguma, o marcador #ContraPL122 não foi quantificado.

Segundo informações do site Trending Topics Brasil esse marcador se encontra no topo da lista nacional, mas o Twitter, por alguma razão ainda desconhecida oficialmente, deixou de mostrá-lo.

8 COMENTÁRIOS

  1. Se twiter, facebook e tantas coisas mais não funcionarem, pouco me importa, vou de “papel”, sinal de fumaça, rabiscos no chão, no “grito” etc. etc., mas jamais mudo de idéia sobre esta bobice de PL122!! Deus dá força a quem por Ele se decide!!!

  2. Muito indicativa essa denúncia do Edson: mostra o quanto o movimento homossexual tem medo das opiniões, e quer impor sua ditadura. É por esta razão que eles não tem coragem de propor um plebiscito no Brasil. Seriam derrotados.

  3. Não é só essa droga do Twitter. O Facebook também é assim.
    Bandos de lacaios ideólogos…
    Eu não perco meu tempo com essas porcarias.

  4. @Luís Azevedo
    Para tentar tirar sua dúvida vou explicar. Começo pelo significado da palavra inglesa “Trend”: tendência, modismo, direção. Aplicado ao Twitter ela indica o assunto que está na moda com maior destaque, mais procurado. Quanto mais pessoas buscam pela palavra chave “ContraPL122” mais ele se torna uma inclinação ou tendência no interesse ou gosto do público ligado ao Twitter. Pode imaginar o quanto pode influenciar a idéia de que há milhões de pessoas que em tese são contra a PLC 122? Não convém aos interesses da aprovação dessa lei deixar transparecer isso.

  5. Caro amigo Edson quero responder à sua perplexidade descrita no último parágrafo: “Segundo informações do site Trending Topics Brasil esse marcador se encontra no topo da lista nacional, mas o Twitter, por alguma razão ainda desconhecida oficialmente, deixou de mostrá-lo.”.
    Preste atenção!
    Os operadores do Twitter devem ter frequentado as escolas brasileiras onde nas cartilhas de matemática distribuidas pelo MEC se ensina que “10 – 7 = 4” e “16 – 8 = 6” (leia em http://ultimosegundo.ig.com.br/educacao/mec+investiga+erros+em+material+didatico+de+escolas+no+campo/n1597002177962.html) e na de português coisas assim: I nois pega os boi pelo chifris.

  6. Ingênuo daquele que acha que estamos lutando contra forças que se encontram somente no Brasil.

    Esses movimentos homossexuais, fortemente subsidiados por fundações estrangeiras bilionárias (os Rockfeller, os Bronfman, os Rotschild, George Soros, etc), não passam de uma espécie um tanto ridícula de “laranja” da agenda globalista da ONU, que se propõe a varrer o Cristianismo da face da terra (como se isso fosse possível…).

    O grande filósofo Olavo de Carvalho já chama a atenção para o quadro há muitos anos e, infelizmente, ainda estamos engatinhando na compreensão da coisa.

    E os imbecis ainda capricham numa atitude anti-capitalista, como se a culpa de tudo fosse do pequeno e do médio empresariado, ou do agronegócio…

  7. Não entendi nada dessa história de “trend”, “marcador”, “tweets”, ou o que seja o site Twitter. Mas entendi o desejo de se impor uma verdadeira ditadura homossexual. Este e outros fatos atestam isso com muita contundência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome