Uma voz “politicamente incorreta” fez-se ouvir no Senado

CDHSPDM - Subcomissão Permanente dos Direitos da Mulher  Foto: Arthur Monteiro/Agência Senado (08/03/2012)
Subcomissão Permanente dos Direitos da Mulher Foto: Arthur Monteiro/Agência Senado.

No tão badalado “Dia Internacional da Mulher” (8 de março último) houve uma audiência no Senado — na “Subcomisão permanente em defesa da mulher” — a fim de se debater “políticas para a saúde da mulher”.

De fato, não foi uma audiência para proteger as mulheres brasileiras, as mães de família e suas filhas, mas para defender espúrios interesses de organizações internacionais que financiam o aborto na América Latina. Para tal, servindo-se do lobby abortista e feminista.

Entretanto, uma voz feminina — mas não feminista — surpreendeu os participantes de tal audiência. Ninguém esperava. Uma senhora defendeu com autenticidade e coragem os reais interesses das famílias. Vale a pena assistir o vídeo (abaixo) com suas inesperadas palavras increpando a maioria das dirigentes, por não defenderem realmente a mulher brasileira, mas, sim, fundações internacionais pró-aborto.