Diálogo inter-religioso
“Diálogo inter-religioso” não adiantou, diz padre.

Bandos de fanáticos islâmicos vem semeado a morte e o terror nos bairros cristãos de Faisalabad, no Paquistão, contou à Agência Fides, o Pe. Pascal Paulus OP, pároco da Igreja do Santo Rosário.

Eram grupos incontroláveis: devastaram estradas e lojas, atiraram, destruíram, saquearam e incendiaram”, disse o sacerdote.

Em julho, os jovens católicos Rashid e Sajid Emmanuel foram falsamente acusados e presos por “blasfêmia” contra o Corão.

A Justiça os inocentou e liberou, mas foram barbaramente assassinados na saída do tribunal.

De nada adiantaram as tentativas de “diálogo inter-religioso” com os líderes religiosos muçulmanos locais, reconheceu o Pe. Aftab James Paul, chefe da Comissão para o Diálogo da diocese.

Violênca anticristã no Paquistão

No mundo islâmico, esse “diálogo” relativista é visto como um sinal de debilidade dos católicos, fato que os encoraja para novas violências.

9 COMENTÁRIOS

  1. O Ocidente, hoje, é refém de um multiculturalismo que nivela pelo nível dos mais baixos estratos sociais a todos os povos, cultos ou incultos a todas as crenças. É por este caminho que o Islam vai conquistando a Europa e o Mundo.

  2. Que diálogo???
    Acaso ao longo de séculos, com raríssimas exceções, se conseguiu diálogo com esses assassinos que resultasse algum avanço? Até mesmo nas raríssimas exceções quando eles se instalaram tiranicamente na Península Ibérica, só houve “diálogo” através de impostos que os invasores cobravam dos fiéis católicos para que estes praticassem sua fé.
    Papa, Padres, pastores, bispos, cardeais, diáconos, presbíteros: Acordem!
    …Nem todas as guerras podem ser condenáveis no mesmo grau enquanto existirem países e nações preparadas para a destruição sem piedade de outras, estas devem se armar para a guerra…” SIGMUND FREUD Resposta à carta de Albert Einstein ‘Por que a Guerra?’ (1932)

  3. Salve Maria!
    Es falso el Ecumenismo, pues debilita frontalmente la posición de la Iglesia Católica. Son todos bienvenidos a la verdadera conversión católica romana, pero vemos que los diálogos interreligiosos que proclaman los Papas pro-Conciliares V. II han llevado a un deterioro, el enemigo no quiere la paz con los cristianos, sólo busca el poder y esclavizar el mundo cristiano, entre otros herejes y dominadores del diabólico poder internacional del dinero …
    No pesa en sus malas conciencias las persecuciones contra cristianos, pero deberán rendir cuentas ante el Tribunal de Dios Padre.
    ¡Christus Vincit!

  4. Essa lentidão e doação de corda para bandidos dá sempre nisso, o que se torna muito mais caro do que resolver o problema com ações de alto impacto.
    Estão demorando para entrar em ação de alto impacto!!!

  5. Os ecumenicos e pacifistas sempre criticam as Cruzadas. Queria lembrar aos que desconhecem a História de que foram por ataques de muçulmanos contra cristãos, em especial a tomada de Jerusalém, que motivou o Papa Urbano II a convocar as CRUZADAS para atender aos apelos dos cristãos que estavam sendo massacrados pelo fanatismo muçulmano que não mudou desde então.

  6. Não quero ser catolico protestante, mas essas coisas acontecem a seculos, certamente porque a Igreja não segue as Palavras do Evangelho em situações dificeis como esta:
    “Não dê suas perolas aos porcos”. Desde a invasão a Jerusalem pelos muçulmanos é que se tem essa barbarie. E as Cruzadas deveriam ser mantidas até a expulsão completa dessa raça maldita. O que os hereges querem da Terra Santa? Quem ler Eurico, o Presbitero”, de Alexandre Herculano, pode ver a ação muçulmana na peninsula Ibérica. O que faziam para substituir as cruzes pelo simbolo muçulmano, aquela estrela famosa.

  7. Este é o resultado do ecumenismo pregado insistentemente pela ala “progressista” da Igreja Católico. Não aprendem nunca o que é o obvio. “Diálogo, diálogo – palavra mágica para embair o católicos bobinhos ou bobões…!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário!
Por favor insira seu nome