São o fruto de uma deseducação que recebem da sociedade, das escolas, dos lares destruídos, de uma mídia e uma indústria do entretenimento enlouquecidas.
Os novos bárbaros são o fruto de uma deseducação que recebem da sociedade, das escolas, dos lares destruídos, de uma mídia e uma indústria do entretenimento enlouquecidas.

O mundo ocidental ex-cristão vai afundando num mar de lama, em meio a trevas cada vez mais densas. O vício e o erro são glorificados enquanto a virtude e a verdade perseguidas. Orgulha-se não mais da retidão moral e do primado da razão, mas do libertinismo e do domínio da irracionalidade, da “desconstrução” dos conceitos que sustentam a vida de pensamento.

A crise da família, a perversão da juventude, o crescimento da violência gratuita, sem sentido, ou fruto de uma criminalidade cada vez mais intensa, vai se alastrando mais e mais.

Assistimos ao tenebroso ocaso de uma civilização, uma nova invasão dos bárbaros, mas que não vem de fora cavalgando pelas estepes ou cruzando os mares em barcos arrojados, mas nascem e crescem neste mundo que eles vão destruir. São o fruto de uma deseducação que recebem da sociedade, das escolas, dos lares destruídos, de uma mídia e uma indústria do entretenimento enlouquecidas.

Nenhuma civilização se mantém e progride sem ter por base um pensamento lógico e coerente e uma moral sólida e consequente. Em outros termos, a verdade e o bem são os pilares sobre os quais se alicerçam uma vida social, cultural e religiosa que dão sentido à vida individual e coletiva dos povos. Sem isso se tem o caos. Caos nas mentes, nos costumes, e na sociedade.

A corrida atrás de uma liberdade absoluta, sem freios, fez com que o homem abandonasse toda restrição imposta pela moral, pela lógica e mesmo pela natureza. A desconstrução da verdade e do bem o levou a desconstruir a realidade de seu próprio corpo negando a evidência do seu gênero sexual conforme a anatomia e a fisiologia de seu corpo, lançando-se na irrealidade da cultura homossexual.

Sem a verdade para guiá-lo e sem a moral para dirigi-lo, o homem ficou como um náufrago perdido na imensidão do mar e deixando-se levar pelo vagalhão das ondas, sem rumo definido e sem finalidade ou direção.

Quando, a partir do Renascimento, a civilização ocidental começou a voltar as costas para a “filosofia da Evangelho” que, segundo o Papa Leão XIII, caracterizou a Cristandade medieval, iniciou-se um longo processo de apostasia que chegou até a esta sociedade virtualmente atéia de hoje.[1]

Rejeitando o cristianismo, esta decadente civilização rejeitou a Cristo; e rejeitando Aquele que é a própria Verdade, ela passou a amar o erro e portanto a irrealidade, o mundo da fantasia. Afastando-se da verdade e do bem, esta sociedade passou a buscar sua satisfação no pecado, imergindo-se no pecado, na revolta contra Deus.

Esta é a razão pela qual esta civilização vai morrendo, porque como nos lembra São Paulo, “o salário do pecado é a morte” (Romanos, 6:23).


[1] Cfr. Plinio Corrêa de Oliveira,  Revolução e Contra-revolução, http://revolucao-contrarevolucao.com/revcontrarev.asp?id=’Parte%20I’.

 

 

7 COMENTÁRIOS

  1. ” Platão já observava que a degradação moral da sociedade não chega ao seu ponto mais abjeto quando as virtudes desapareceram do cenário público, mas quando a própria capacidade de concebê-las se extinguiu nas almas da geração mais nova. ” Citação de Olavo de Carvalho em “Virtudes nacionais”.

    Está citação é a última no rodapé da página Cavaleiro do Templo. http://cavaleirodotemplo.blogspot.com.br/2012/09/o-futuro-do-brasil-nao-pode-ser.html

     
  2. Para mudar essa nojenta cultura atual, precisamos nos afirmar mais, ao mundo, como Católicos Apostólicos Romanos, como propagadores da mensagem de JESUS segundo o Corpo de CRISTO (a Santa Igreja).

    O próprio JESUS era, antes de tudo, profundamente judeu, de intensa IDENTIDADE judaica. Justamente por isso é que CRISTO dirigiu Israel ao ápice: a Igreja.

    Sem essa identidade CATÓLICA nem se pode falar em “diálogo” com os demais. E dialogar NÃO é transigir. Se formos firmes e incondicionais na Catolicidade, a sociedade poderá reconsiderar os seus maus caminhos e, ao menos, retornar a um mínimo de decência.

     
  3. @JOSE ANTONIO
    Salve Maria!

    Então, venho aqui para lhe dizer que nem eu e, garanto, nem o pessoal desse site é Ecumênico. Católicos de verdade não são Ecumênicos, pois a unica Religião Verdadeira é a Santa Católica Apostólica Romana, qualquer coisa que se oponha à isso é errado e não temos que concordar!

     
  4. Primeiramente fico feliz demais, ao dizer ao irmão Eric Fernando que somos ecumênicos, amigos e irmãos em Cristo! Isto vale muito!
    Quando um fazendeiro adquire um novilho, um bezerro, ele marca-os com suas insignias, a ferro e fogo no couro do animal, e já vi boizinho com argolas no focinho. Sem comparação, logicamente, quando vejo alguém tatuado e cheio de persens penso “quem será o seu dono? É como age o principe deste mundo, colocando sua marca! E nossa marca é a Cruz de Cristo, que fazemos o sinal da cruz, ao persignarmos. Quando se tem uma musica na mente, a pessoa canta dança e se alegra só de pensar na melodia. Vale dizer que tudo que temos em mente acabamos por realizar, como diz Cristo: tiramos coisas boas e ruins de nosso coração”. Logo, o que esses tais tem em mente acabam expressando em seus corpos fisicos, unicamente atendendo aos apelos do principe citado! Tivessem sinais de Cristo, a coisa seria outra, jamais seria assim!

     
  5. O mundo ainda não se deu conta do quanto precisa de DEUS,o joio plantado pelo perverso nos sufoca, mas a mão do SENHOR ceifará todo o mal por ele semeado. Só esperamos por JESUS, nada nem ninguém pode nos salvar outra vez desse mal que assola o mundo inteiro, que é a falta da consciência do pecado contra DEUS, pecados de todas as formas imagináveis.

     
  6. O que eu acho mais horrível é que essa nova – não sei se posso dizer civilização – sociedade é fruto da negação de verdades incontestáveis como as verdades do cristianismo. Quem nega a verdade acaba caindo no abismo mais profundo. É como o apagar de uma lâmpada, o ambiente fica escuro.

     

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here