Notícia de cns.news, 1 de agosto: “o Arcebispo de Cracóvia fez um sermão (31 de julho) durante a missa em que afirmou que “Uma praga vermelha não está mais ocupando nossa terra, o que não significa que não haja uma nova que queira controlar nossas almas, corações e mentes“, disse o arcebispo Marek Jedraszewski, segundo a Reuters”.

 

     “Essa (nova praga) “Não marxista, bolchevique, mas nascida do mesmo espírito, neo-marxista”, disse ele. “Não vermelho, mas arco-íris””.

 

Ensinamento da Igreja com base nas Escrituras

    “Em seu sermão, o arcebispo Jedraszewski “relembrou o heroísmo do Exército da Polônia contra a ocupação nazista e as lutas do país sob o fascismo e décadas de regime bolchevique como um estado satélite soviético”, informou a Reuters”.

     “ A Igreja Católica ensina: “Baseando-se na Sagrada Escritura, que apresenta atos homossexuais como atos de grave depravação, a tradição sempre declarou que” os atos homossexuais são intrinsecamente desordenados “. Eles são contrários à lei natural. Eles fecham o ato sexual ao dom da vida. Eles não procedem de uma genuína complementaridade afetiva e sexual. Sob nenhuma circunstância eles podem ser aprovados”.

A ideologia de gênero leva à morte de nossa civilização

O arcebispo Jedraszewski, 70, disse em 2013, que “a ideologia de gênero ataca a identidade sexual verdadeira e natural do homem e da mulher e contribui para a destruição do casamento e da família. “É uma ideologia extremamente perigosa que leva diretamente à morte de nossa civilização“, declarou ele, uma “ideologia da autodestruição”.

    “Deus “criou o homem como homem e mulher como mulher“, disse o arcebispo. “Eu os criei para uma vida juntos, não que cada um siga o seu caminho, e não pela homossexualidade, mas pela segunda unidade, pelo casamento, para que gerem filhos, continuem a dar vida e governar o mundo. Então talvez o dilúvio possa vir atrás de nós.” “.

* * *

       Uma corajosa iniciativa do arcebispo Marek Jedraszewski reafirmando a doutrina católica sobre o casamento entre homem e mulher “para que gerem filhos, continuem a dar vida e governar o mundo”.

      E afirmando que a ideologia de gênero é “extremamente perigosa e leva diretamente à morte de nossa civilização“, uma “ideologia da autodestruição“.

     Seria mais do que oportuno a nova diretoria da CNBB retomasse essa doutrina numa Pastoral Coletiva para a salvaguarda dos Valores Morais e fundamentar os alicerces do novo Brasil.

Fonte:

https://www.cnsnews.com/blog/michael-w-chapman/arbp-krakow-gay-rainbow-plague-wants-control-our-souls-hearts-and-minds

Deixe uma resposta