Devem os Bispos submeter-se ao poder temporal fechando igrejas? O arcebispo de Louisville explica que os bispos “têm feito o que nos foi pedido, por exemplo, distanciamento social, uso de máscaras, higiene, limpeza etc.”

“O arcebispo Joseph E. Kurtz está desafiando a sugestão do governador democrata de Kentucky Andy Beshear de suspender o culto presencial de domingo por duas semanas. Kurtz é o arcebispo de Louisville e atuou como presidente da Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos de 2013 a 2016.

“Em uma carta aos padres em 25 de julho, o arcebispo Joseph E. Kurtz disse que as paróquias da arquidiocese de Louisville continuariam a realizar missas com capacidade reduzida e pediriam aos pastores que ‘dobrassem em questões como distanciamento social e uso de máscaras’”, relatou o semanário jornal diocesano The Record.

“Os bispos católicos da Comunidade de Kentucky discutiram esse pedido no final desta semana e decidiram não pedir às paróquias que suspendessem o culto devido ao excelente trabalho que as paróquias católicas têm feito com o que nos foi pedido, por exemplo, distanciamento social, uso de máscaras, higiene, limpeza, etc. e por causa de possível confusão por parte dos fiéis ”, escreveu Kurtz.

“Também estou ciente de que muitos de vocês já marcaram casamentos (alguns dos quais foram previamente cancelados), funerais e assim por diante. Enviamos uma carta resumindo nossos pensamentos ao Rev. Kent Gilbert, presidente do conselho do Kentucky Council of Churches e copiamos Rocky Adkins, conselheiro sênior do governador Beshear. ”

***

Comenta o Prof. Plinio: Posta a separação entre a Igreja e o Estado ela precisa garantir, porém, “um regime de recíproca cooperação entre ambos os poderes, em assuntos de comum interesse”.

O Papa Leão XIII resume e confirma o conjunto  de seu ensinamento nestes termos: ‘Dessas decisões dos Soberanos Pontífices (Gregório XVI e Pio IX), torna- se necessário absolutamente admitir que a origem do poder público deve ser atribuída a Deus, e não à multidão. Do mesmo modo, é necessário admitir que a Igreja, não menos que o Estado, por sua natureza e de pleno direito, é uma sociedade perfeita… Nas questões de direito misto, é plenamente conforme à natureza bem como aos desígnios de Deus, não de separar um poder do outro, menos ainda de os colocar em luta, mas o estabelecimento entre eles dessa concórdia que se acha em harmonia com os atributos especiais que cada sociedade tem por sua natureza. Tais são as regras traçadas pela Igreja Católica relativamente à constituição e ao governo dos Estados.”  https://www.pliniocorreadeoliveira.info/LEG_441029_arquivamento_enciclicas.htm

Fonte: https://www.lifesitenews.com/news/bishops-defy-kentucky-governors-suggestion-they-suspend-sunday-mass-for-two-weeks

Deixe uma resposta