Vacina para o coronavírus não derivada de células fetais

“ONTÁRIO, 22 de maio de 2020 ( LifeSiteNews ) – Um grupo de bispos, médicos e acadêmicos católicos do Canadá enviou uma carta conjunta ao primeiro-ministro canadense pedindo que seu governo financie uma vacina ética contra o coronavírus não derivada de células fetais colhidas de bebês abortados décadas atrás.”

“A carta , datada de 21 de maio, foi enviada ao primeiro-ministro Justin Trudeau e copiada para o ministro da Saúde do Canadá, Patty Hajdu.”

“Inclui as assinaturas do arcebispo de Winnipeg, Richard Gagnon (presidente da Conferência Canadense dos Bispos Católicos); Moira McQueen, diretora executiva do Canadian Catholic Bioethics Institute; Helen McGee, presidente eleita da Associação Nacional de Enfermeiras Católicas do Canadá; e o arcebispo Sotirios, presidente da Conferência Canadense de Bispos Ortodoxos.”

A carta insta o governo de Trudeau a financiar vacinas “alternativas” que não são fabricadas com células fetais colhidas de bebês abortados anos atrás e a disponibilizar vacinas de origem ética aos canadenses.

A carta não diz explicitamente que não se deve usar a primeira vacina contra o coronavírus disponível. No entanto, recomenda que uma vacina de origem ética seja oferecida àqueles que conscientemente se opõem a uma vacina com uma linhagem de células celulares fetais.

Apoiamos o desenvolvimento rápido de vacinas éticas

“Apoiamos o desenvolvimento mais rápido possível de vacinas antivirais seguras e eficazes e a adoção mais ampla de vacinação. Instamos seu governo a financiar o desenvolvimento de vacinas que não criem um dilema ético para muitos canadenses ”, diz a carta.

“Por um lado, a ampla adoção de vacinas é essencial para proteger os cidadãos da transmissão de doenças. Por outro lado, uma vacina produzida usando linhas celulares derivadas do aborto suscita preocupações de consciência para quem pode receber a vacina e está ciente de sua linhagem. Esse dilema surgirá se não houver alternativas às vacinas desenvolvidas com o uso de linhas celulares fetais humanas obtidas de abortos eletivos. ”

“A carta inclui assinaturas de vários outros grupos de bioética católica canadense, como a Liga dos Direitos Civis Católicos, Priests for Life Canada e a Universidade de St. Michael.

A mão da China junto ao Canadá

“Na semana passada, o Conselho Nacional de Pesquisa do Canadá (NRC) anunciou uma colaboração com a empresa chinesa CanSino Biologics Inc. (CanSinoBIO) para testar sua vacina experimental contra o coronavírus, conhecida como Ad5-nCoV, no Canadá.”

***

Estamos vendo mais uma tentativa da esquerda internacional em tirar proveito da pandemia do coronavírus: vacinas produzidas com células de crianças abortadas.

Nosso site já abordou o incentivo ao aborto em recente reunião mundial de Ministros da Saúde. https://ipco.org.br/mais-uma-face-oculta-da-manobra-esquerda-coronavirus-incentivar-o-aborto/

Fechamento de igrejas, coerção da liberdade individual, quarentenas socialistas percorrem o Ocidente. A pandemia do coronavírus extrapola muito o aspecto saúde, é uma agenda internacional da esquerda.

Fonte: https://www.lifesitenews.com/news/bishops-doctors-bioethics-demand-ethical-covid-19-vaccine-from-trudeau

 

Deixe uma resposta