Chefe do Comando Sul adverte: China, Rússia e Venezuela colaboram

0

“O almirante da Marinha Craig Faller, chefe do Comando Sul dos EUA, disse que a China e as organizações criminosas transnacionais são “as duas maiores ameaças” que as forças dos EUA na área do SOUTHCOM, ou Comando Sul dos Estados Unidos, enfrentam.”

“A China é a maior ameaça estratégica de longo prazo à segurança no século 21, as influências insidiosas, corrosivas e corruptas do Partido Comunista Chinês em ação globalmente e nesta região”, disse Faller em entrevista coletiva.”

Ações que o regime chinês tomou na área de comando do SOUTHCOM nos últimos meses

““Alguns exemplos incluem a busca por acordos de múltiplos portos, empréstimos para alavancagem política, diplomacia de vacinas que enfraquece a soberania, vigilância estatal de TI e a exploração de recursos como pesca ilegal, não regulamentada e não declarada”, disse ele, acrescentando que o regime ultrapassou os Estados Unidos na diplomacia de vacinas e está trabalhando para criar redes econômicas e desenvolver infraestrutura.”

“O regime (chinês) está “engajado neste hemisfério para promover seus interesses no domínio econômico”, disse o funcionário, referindo-se ao hemisfério ocidental que inclui as Américas do Sul e do Norte.”

China e Rússia colaborando na Venezuela

“Vemos e estamos observando com nossos colegas comandantes combatentes áreas onde a China e a Rússia podem estar colaborando”, observou Faller. “Esse é um foco particular nosso e é uma preocupação onde e quando o vemos.”

“Rússia e China, disse ele, estão aparentemente convergindo seus interesses na Venezuela, à medida que os dois países tentam cortejar o apoio do homem forte socialista Nicolas Maduro. China e Rússia não têm uma aliança formal, mas desenvolveram cada vez mais uma parceria estratégica baseada na cooperação econômica e militar.”

“A Venezuela é o exemplo mais notável, onde, no nível diplomático, eles certamente estavam e continuam empenhados em bloquear qualquer esforço em soluções da ONU ou soluções globais”, disse Faller.

Esta semana, Faller disse aos membros do Comitê de Serviços Armados do Senado que mais recursos são necessários para que o SOUTHCOM desenvolva maiores capacidades de inteligência, vigilância e reconhecimento.

***

Recordemos quanta razão tinha o Prof. Plinio em suas constantes denúncias e alertas sobre a desastrosa política de détente com os países comunistas. Liderada por Nixon essa política transformou a China num parque industrial que hoje chantajeia o Mundo Livre. A Administração Trump começou a corrigir essa distorção. Países como Austrália, Reino Unido levantaram barreiras contra tecnologia espiã 5G da Huawei.

***

A Pandemia a serviço da China (PCCh)

Continua a notícia: “As condições que a pandemia causou na América Latina e no Caribe rivalizam com as da Grande Depressão aqui nos Estados Unidos”, disse Faller aos senadores. “A China se moveu particularmente com mão pesada … e eles estão usando vacinas para alavancar negócios para seu 5G, e eles estão usando isso para abrir uma divisão entre algumas nações da região.”

A influência dos EUA na região, acrescentou ele, está “erodindo” devido à influência da China.

“O que ouço de nosso parceiro é:‘ Sabemos que os militares dos Estados Unidos são os melhores [e] queremos fazer parceria com você. Mas, estamos nos afogando e precisamos de um LifeRing, e vamos tirar o LifeRing de quem o joga ‘”, incluindo o chinês, Faller observou.

***

O mais importante nessa denúncia do Almirante Faller é criar uma reação anticomunista na América Latina. A pandemia atordoou vários governos enquanto a China, liderada pelo PCCh, procura deitar suas garras no Novo Mundo, no nosso Brasil onde temos governadores de esquerda e do falso Centrão amigos de Xi Jinping.

A missão do Brasil é ser líder na América em defesa dos princípios fundamentais da Civilização Cristã, com uma orientação anticomunista. As esquerdas brasileiras se servem da presente pandemia para aumentar seu controle socialista, limitar a liberdade, impedir o trabalho e … tentar produzir a miséria.

Estejamos alertas e confiantes na proteção de Nossa Senhora Aparecida.

Fonte: https://www.theepochtimes.com/us-military-official-china-and-russia-may-be-collaborating-south-of-us-border_3738033.html

Deixe uma resposta